Você está aqui: Página Inicial > Cidadania e Justiça > 2011 > 02 > Barcos do INSS retomam atendimento na Bacia Amazônica no dia 5

Cidadania e Justiça

Barcos do INSS retomam atendimento na Bacia Amazônica no dia 5

por Portal Brasil publicado: 01/02/2011 18h52 última modificação: 28/07/2014 14h55

As unidades flutuantes da Previdência Social (PREVBarco) retomam, a partir do próximo  sábado (5), o trabalho de atendimento às populações ribeinhas da Região Amazônica. Todos os anos, entre fevereiro e dezembro, embarcações levam os serviços da Previdência Social aos segurados que habitam às margens dos rios amazônicos, em localidades onde não há acesso a uma agência fixa da Previdência Social.

Ainda este mês recomeçam também os serviços previdenciários oferecidos nos barcos do projeto Pronto Atendimento Itinerante (PAI), parceria do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) com o governo do estado.

Segundo dirigentes da Divisão de Atendimento da Superintendência Regional Norte/Centro-Oeste do INSS, duas novidades vão ampliar e melhorar o atendimento às populações ribeirinhas da Bacia Amazônica. A primeira é a instalação, nos PREVBarcos, do Sistema de Gerenciamento do Atendimento (SGA), um software que controla e acelera o atendimento aos segurados, facilitando o planejamento do fluxo de pessoas e servidores nas agências.

A segunda novidade é o início do atendimento previdenciário pelo barco Zona Franca Verde, do projeto PAI, a partir de 15 de fevereiro. Com essa embarcação, sobe para dez o número de unidades flutuantes que levam benefícios e serviços previdenciários às populações ribeirinhas.

Também participam desse esforço quatro navios da Marinha do Brasil, que entraram em operação após convênio assinado, em dezembro de 2010, para o atendimento previdenciário pelos navios militares na Bacia do Amazonas e na Ilha do Marajó.

Os PREVBarcos e as unidades conveniadas de atendimento prestam todos os serviços disponíveis em uma agência fixa da Previdência Social, inclusive a concessão de benefícios em 30 minutos. O atendimento via fluvial evita que os segurados ribeirinhos - em geral trabalhadores rurais e extrativistas, populações indígenas e quilombolas - tenham que percorrer longos trajetos em embarcações precárias até chegar a uma agência do INSS.


Agenda
 

A primeira unidade a partir em viagem de atendimento é o PREVBarco II – Pará, que deixa o Porto de Santarém (PA), no próximo sábado, para uma jornada de 20 dias entre os municípios de Porto de Moz, Souzel e Almerim. 

No domingo (6), o PREVBarco I deixa o Porto de Belém (PA) para uma viagem de 28 dias, vistando as localidades de Bagre, Oeiras do Pará, Curralinho, Muaná, retornando a Belém dia 5 de março.

Em seguida, na quinta-feira (10) começam as viagens do PREVBarco de Manaus (AM) pelo Rio Madeira, que vai percorrer, em 65 dias, os municípios de Humaitá, Manicoré, Novo Aripuanã, Nova Olinda do Norte, Autazes e Careiro da Várzea.

Já os barcos do Projeto PAI começam a navegar no dia 15 de fevereiro. O barco Puxirum II cumprirá, no primeiro semestre deste ano, o roteiro que sai de Manaus (AM) e segue pelo Rio Purus, percorrendo os municípios de Boca do Acre, Puaini, Lábrea, Canutama, Tapauá e Beruri. No mesmo período, a embarcação Zona Franca Verde deixará Manaus (AM) e segue pelos rios Javari e Solimões, passando pelas cidades de Atalaia do Norte, Benjamin Constant, Tabatinga, São Paulo de Olivença, Amatura, Santo Antônio do Içá, Jutaí, Fonte Boa, Uairini e Alvarães. E, no dia 20 de fevereiro, serão iniciadas as viagens do barco Puxirum I, que navegará pelos rios Juruá e Tarauacá, alcançando as cidades de Envira, Guajará, Ipixuna, Eirunepé, Itamarati, Carauarí e Juruá.


Fonte:
Ministério da Previdência Social

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

CEUs são espaços importantes para o desenvolvimento de crianças e jovens
Centros de Artes e Esportes Unificados (CEUs) são espaços importantes para o desenvolvimento de crianças e jovens. O espaço conta com práticas de música, dança, leitura, capoeira, artesanato, informática, vôlei, futebol e skate
Edital aberto para seleção do Conselho Gestor do Viva Voluntário
Governo publica edital para seleção do Conselho Gestor do Viva Voluntário. O programa foi lançado em agosto com objetivo de promover o voluntariado nos diferentes níveis da sociedade organizada
China visita Brasil para conhecer programa Criança Feliz
Delegação chinesa está no Brasil para conhecer programa voltado à primeira infância
Centros de Artes e Esportes Unificados (CEUs) são espaços importantes para o desenvolvimento de crianças e jovens. O espaço conta com práticas de música, dança, leitura, capoeira, artesanato, informática, vôlei, futebol e skate
CEUs são espaços importantes para o desenvolvimento de crianças e jovens
Governo publica edital para seleção do Conselho Gestor do Viva Voluntário. O programa foi lançado em agosto com objetivo de promover o voluntariado nos diferentes níveis da sociedade organizada
Edital aberto para seleção do Conselho Gestor do Viva Voluntário
Delegação chinesa está no Brasil para conhecer  programa voltado à primeira infância
China visita Brasil para conhecer programa Criança Feliz

Últimas imagens

Inscrições para o programa foram prorrogadas até 3 de novembro. Para participar, é preciso estar inscrito no Cadastro Único e ter mais de 15 anos
Inscrições para o programa foram prorrogadas até 3 de novembro. Para participar, é preciso estar inscrito no Cadastro Único e ter mais de 15 anos
Foto: Marcos Santos/USP Imagens
Medida também vale para outros débitos relacionados ao veículo. Antes, apenas donos de veículos registrados no exterior contavam com esse recurso
Medida também vale para outros débitos relacionados ao veículo. Antes, apenas donos de veículos registrados no exterior contavam com esse recurso
Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil
Verduras, legumes, frutas, carne de frango resfriada, bolachas, pães e doces serão comprados dos produtores e doados à rede socioassistencial no estado
Verduras, legumes, frutas, carne de frango resfriada, bolachas, pães e doces serão comprados dos produtores e doados à rede socioassistencial no estado
Foto: Eduardo Aigner/MDA
Governos vão elaborar, no prazo de um ano, plano para garantir o acesso regular e permanente das populações a alimentos de qualidade
Governos vão elaborar, no prazo de um ano, plano para garantir o acesso regular e permanente das populações a alimentos de qualidade
Foto: Tony Winston/Agência Brasília
Governos vão elaborar, no prazo de um ano, plano para garantir o acesso regular e permanente das populações a alimentos de qualidade
Governos vão elaborar, no prazo de um ano, plano para garantir o acesso regular e permanente das populações a alimentos de qualidade
Foto: Dênio Simões/Agência Brasília

Governo digital