Você está aqui: Página Inicial > Cidadania e Justiça > 2011 > 04 > Governo quer antecipar nova campanha pelo desarmamento no País

Cidadania e Justiça

Governo quer antecipar nova campanha pelo desarmamento no País

por Portal Brasil publicado: 11/04/2011 20h15 última modificação: 28/07/2014 14h58

O governo quer antecipar junho para 6 de maio a realização de uma nova campanha pelo desarmamento no País, que deve durar até o final do ano. A informação foi dada nesta segunda-feira (11), pelo ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, após reunião com integrantes das Ongs Viva Rio e Sou da Paz.  

Na próxima segunda-feira (18) deve ser reunido um conselho formado por membros destas Ongs, do poder público, e de outras entidades, como a Ordem dos Advogados do Brasil e o Conselho Nacional do Ministério Público, entre outras. O objetivo será discutir a data definitiva do lançamento da campanha e as formas de pagamento das armas, informou o ministro. 

Cardozo disse ainda que o governo já dispõe de uma verba de cerca de R$ 10 milhões para pagar as indenizações pelas armas que vierem a ser devolvidas durante a campanha. Ele lembrou, no entanto, que esse valor poderá ser maior. O ministro lembrou o sucesso da campanha do desarmamento, realizada entre 2004 e 2005, que contou com a participação da sociedade e retirou quase 500 mil armas de circulação.  

Agora, o governo quer acelerar o pagamento das indenizações, que antes chegavam a demorar cerca de três meses. Para Cardozo, o pagamento deve ser imediato, para estimular a população a entregar os armamentos. Ele disse que o Banco do Brasil deve apresentar uma proposta neste sentido. 

 

Fonte:
Ministério da Justiça 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Campanha Maio Amarelo conscientiza motoristas
Campanha Maio Amarelo pretende conscientizar motoristas para a redução de acidentes no trânsito
Governo autoriza ida da Força Nacional ao Maranhão
O governo autorizou o emprego da Força Nacional em apoio aos órgãos estaduais de segurança pública de São Luís (MA)
Conferência debate políticas para pessoa com deficiência
Acessibilidade, ‎inclusão e combate ao preconceito são alguns dos temas debatidos no encontro
Campanha Maio Amarelo pretende conscientizar motoristas para a redução de acidentes no trânsito
Campanha Maio Amarelo conscientiza motoristas
O governo autorizou o emprego da Força Nacional em apoio aos órgãos estaduais de segurança pública de São Luís (MA)
Governo autoriza ida da Força Nacional ao Maranhão
Acessibilidade, ‎inclusão e combate ao preconceito são alguns dos temas debatidos no encontro
Conferência debate políticas para pessoa com deficiência

Últimas imagens

O governo vai transferir mais de R$ 2,2 bilhões às famílias de baixa renda inscritas no Programa
O governo vai transferir mais de R$ 2,2 bilhões às famílias de baixa renda inscritas no Programa
A seleção dos aprendizes será realizada a partir do cadastro no Portal Mais Emprego
A seleção dos aprendizes será realizada a partir do cadastro no Portal Mais Emprego
Foto: Pref. de Campo Verde/MT
“É a luta do conservadorismo da elite contra uma população até então esquecida, casos dos negros, LGBTS e mulheres”, disse Eliana Emetéri
“É a luta do conservadorismo da elite contra uma população até então esquecida, casos dos negros, LGBTS e mulheres”, disse Eliana Emetéri
Foto: Blog do Planalto
Ação ocorreu na zona norte do Rio e na Baixada Fluminense
Ação ocorreu na zona norte do Rio e na Baixada Fluminense
Divulgação/EBc

Governo digital