Você está aqui: Página Inicial > Cidadania e Justiça > 2011 > 08 > Petrópolis (RJ) recebe exposição sobre tortura

Cidadania e Justiça

Petrópolis (RJ) recebe exposição sobre tortura

por Portal Brasil publicado: 10/08/2011 15h10 última modificação: 28/07/2014 15h02

O Instituto Frei Tito de Alencar, em parceria com o Projeto Marcas da Memória da Comissão de Anistia do Ministério da Justiça, abre nesta quarta-feira (10) visitação à exposição “Sala Escura da Tortura”. A mostra pode ser vista até 19 de agosto, das 9h às 17h, no Palácio Rio Negro do Museu da República em Petrópolis (RJ). 

A Sala Escura da Tortura, composta por sete telas, inspira-se nos relatos de Frei Tito durante seu exílio na França. Apresentada originalmente em 1973 no Museu de Arte Moderna de Paris, a exposição coloca a perspectiva crítica das artes para denunciar a tortura.

Na opinião do secretário Nacional de Justiça, Paulo Abrão, com a exposição, o Estado cumpre seu papel de disseminar uma visão humanista, inscrita na Constituição democrática. “Ao mesmo tempo, prestamos homenagem à memória de Frei Tito, exemplo de resistência, engajamento e dignidade em favor dos injustiçados. Sua capacidade de sensibilizar as pessoas por um mundo melhor extrapola o seu plano existencial. Eis o seu legado eterno”, afirma ele que também é presidente da Comissão de Anistia.

Depois de passar por Petrópolis, a Sala Escura de Tortura segue para Brasília (DF) e Belo Horizonte (MG). A ação tem o apoio do Centro de Defesa dos Direitos Humanos de Petrópolis. Para mais informações, acesse o site da exposição.

 

Fonte:
Ministério da Justiça

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Consumidores recebem comunicado de recall pela internet
Brasil teve, em dez anos, um aumento de 221% no serviço de recall. A partir de agora, os consumidores vão ter pela internet uma nova maneira de se manterem informados sobre os produtos adquiridos
Parceria entregou mais de 100 mil cisternas para moradores do semiárido
O semiárido representa quase 20% do território brasileiro. As cisternas captam e armazenam água da chuva
Governo reativa plano Juventude Viva
Objetivo é reduzir a vulnerabilidade de jovens expostos a situações de violência, com foco prioritário na juventude negra
Brasil teve, em dez anos, um aumento de 221% no serviço de recall. A partir de agora, os consumidores vão ter pela internet uma nova maneira de se manterem informados sobre os produtos adquiridos
Consumidores recebem comunicado de recall pela internet
O semiárido representa quase 20% do território brasileiro. As cisternas captam e armazenam água da chuva
Parceria entregou mais de 100 mil cisternas para moradores do semiárido
Objetivo é reduzir a vulnerabilidade de jovens expostos a situações de violência, com foco prioritário na juventude negra
Governo reativa plano Juventude Viva

Últimas imagens

Documento passará a ter um novo funcionamento, totalmente virtual, na forma de aplicativo
Documento passará a ter um novo funcionamento, totalmente virtual, na forma de aplicativo
Foto: Gabriel Jabur/Agência Brasília
Entrega dos títulos faz parte da política de titulação de lotes do Plano Nacional de Reforma Agrária
Entrega dos títulos faz parte da política de titulação de lotes do Plano Nacional de Reforma Agrária
Arquivo/Incra
Carga horária dos cursos disponíveis é de 20 horas e a duração, de três semanas. Inscrições pela internet
Carga horária dos cursos disponíveis é de 20 horas e a duração, de três semanas. Inscrições pela internet
Foto: Toninho Tavares/Agência Brasília
Na edição anterior, 693 alunos do programa foram medalhistas de ouro, prata e bronze
Na edição anterior, 693 alunos do programa foram medalhistas de ouro, prata e bronze
Foto: Sergio Amaral/MDS
Em Alto Bonito (MA), foram resgatados 19 trabalhadores e em Cacimba (MA), mais seis
Em Alto Bonito (MA), foram resgatados 19 trabalhadores e em Cacimba (MA), mais seis
Divulgação/Ministério do Trabalho

Governo digital