Você está aqui: Página Inicial > Cidadania e Justiça > 2012 > 10 > Beneficiários do Bolsa Família devem manter informações sobre saúde atualizadas

Cidadania e Justiça

Beneficiários do Bolsa Família devem manter informações sobre saúde atualizadas

por Portal Brasil publicado: 10/10/2012 17h55 última modificação: 28/07/2014 16h19
MDS Percentual de famílias do Bolsa Família, por região e no Brasil, que tiveram as condicionalidades de saúde já registradas no sistema de acompanhamento, até 5 de outubro

Percentual de famílias do Bolsa Família, por região e no Brasil, que tiveram as condicionalidades de saúde já registradas no sistema de acompanhamento, até 5 de outubro

Prazo para prefeituras atualizarem informações termina no dia 28 de dezembro


Quase um milhão de crianças, gestantes e nutrizes já tiveram as informações das condicionalidades registradas no Sistema de Gestão do Programa Bolsa Família na Saúde, segundo levantamento do Ministério da Saúde (MS), atualizado até o último dia 5 de outubro. Esse total representa 8,52% dos 11,4 milhões de famílias que precisam manter atualizado o cartão de vacinação das crianças, além de levá-las aos postos de saúde para medição e pesagem, ou que tenham mulheres em idade fértil, que são orientadas sobre a importância da alimentação saudável, durante atividades educativas promovidas nos postos de saúde.

Rondônia foi o estado que obteve o mais alto índice de acompanhamento: 14,3%, seguido do Paraná (10,77%) e de São Paulo (10,73%). Entre as regiões, a Sul obteve, nesse balanço parcial, o maior percentual de famílias acompanhadas: 9,82%. O acompanhamento das informações referentes à saúde dos beneficiários é feito semestralmente. No período anterior, atingiu-se o índice recorde de 72,8% de famílias acompanhadas. A meta para este semestre é chegar a percentual igual ou superior.

 

Contrapartidas

O acompanhamento das condicionalidades é fundamental para garantir o direito a saúde e educação. Ele permite identificar as famílias com dificuldades de acesso a esses serviços, de modo a que o município atue para reverter a situação. “As condicionalidades têm garantido o acesso à saúde e à educação”, afirma Antunes.

Maior proporção de crianças de famílias beneficiárias nasceram no tempo correto em relação às famílias em situação de pobreza que não recebem o benefício, já que as mães que estão no programa tiveram 1,6 consultas de pré-natal a mais do que as que não estão. Além disso, o acompanhamento das contrapartidas compõe o Índice de Gestão Descentralizada (IGD), que assegura repasses financeiros à prefeituras para melhorar a gestão do programa.

 

Bolsa Família

O Bolsa Família é um programa de transferência direta de renda que beneficia famílias em situação de pobreza e de extrema pobreza. O programa integra o Brasil sem Miséria, que tem como foco atender os milhões de brasileiros com renda familiar per capita inferior a R$ 70 mensais, baseando-se na garantia de renda, inclusão produtiva e no acesso aos serviços públicos.

O programa de transferência de renda alcançou 13,7 milhões de famílias em todo o País no mês de setembro. A depender da renda familiar por pessoa (limitada a R$ 140), do número e da idade dos filhos, o valor do benefício recebido pela família pode variar de R$ 32 a R$ 306.

O Bolsa Família possui três eixos principais focados na transferência de renda, que promove o alívio imediato da pobreza; as condicionalidades, que reforçam o acesso a direitos sociais básicos nas áreas de educação, saúde e assistência social; e as ações e programas complementares, que tem como objetivo o desenvolvimento das famílias, de modo que os beneficiários consigam superar a situação de vulnerabilidade.

Veja também:
No primeiro semestre deste ano, o Bolsa Família registrou o melhor índice de acompanhamento de saúde desde 2005

 

 

Leia mais:

Cai o número de subnutridos no Brasil

Alunos do Bolsa Família são os mais bem avaliados no Ideb

 

Fonte:
Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome
Portal Brasil

 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Visita à Rede Sarah mostra avanços na estimulação de crianças
O Ministro do Desenvolvimento Social e Agrário, Osmar Terra, e a embaixadora do Programa Criança Feliz, primeira-dama Marcela Temer, visitaram na quarta-feira (16) unidade Rede Sarah, em Brasília
Ministério da Justiça tem curso de educação financeira
Curso online e gratuito, busca orientar participantes sobre questões como orçamento doméstico e cálculo de despesas e receitas
Representantes do Cone Sul se reúnem para debater ações de criminalidade
Países do Cone Sul irão se reunir no Palácio do Itamaraty nesta semana
O Ministro do Desenvolvimento Social e Agrário, Osmar Terra, e a embaixadora do Programa Criança Feliz, primeira-dama Marcela Temer, visitaram na quarta-feira (16) unidade Rede Sarah, em Brasília
Visita à Rede Sarah mostra avanços na estimulação de crianças
Curso online e gratuito, busca orientar participantes sobre questões como orçamento doméstico e cálculo de despesas e receitas
Ministério da Justiça tem curso de educação financeira
Países do Cone Sul irão se reunir no Palácio do Itamaraty nesta semana
Representantes do Cone Sul se reúnem para debater ações de criminalidade

Últimas imagens

O Mulheres da Amazônia ocorre em Belém (PA). Devem participar cerca de 200 mulheres
O Mulheres da Amazônia ocorre em Belém (PA). Devem participar cerca de 200 mulheres
Divulgação/Governo de Rondônia
A secretária nacional de Assistência Social, Carminha Brant, é uma das representantes do País na cúpula
A secretária nacional de Assistência Social, Carminha Brant, é uma das representantes do País na cúpula
Divulgação/MDSA
Empresas estão chamando para recall 964 carros com problemas na fabricação
Empresas estão chamando para recall 964 carros com problemas na fabricação
Marcelo Camargo/Agência Brasil
Levou-se em consideração a necessidade de estudos para a avaliar efetividade da exigência
Levou-se em consideração a necessidade de estudos para a avaliar efetividade da exigência
Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil
Cada familia recebeu uma unidade habitacional no valor total de R$ 33 mil
Cada familia recebeu uma unidade habitacional no valor total de R$ 33 mil
Divulgação/Incra

Governo digital