Você está aqui: Página Inicial > Cidadania e Justiça > 2014 > 01 > Ministério da Justiça contrata consultores

Cidadania e Justiça

Ministério da Justiça contrata consultores

Oportunidade

Profissionais vão trabalhar na política migratória do Ministério da Justiça. Currículos devem ser enviados até 31 de janeiro
por Portal Brasil publicado: 15/01/2014 16h22 última modificação: 30/07/2014 01h19

 A Secretaria Nacional de Justiça do Ministério da Justiça (SNJ/MJ) realiza seleção para contratar dois consultores especializados. Os profissionais deverão realizar diagnóstico e propor novo modelo para gestão e difusão do conhecimento no Departamento de Estrangeiros da SNJ/MJ.

O secretário Nacional de Justiça, Paulo Abrão, explica que os selecionados vão atuar no âmbito do Projeto BRA/11/019, que visa a promoção de direitos no contexto da política migratória brasileira.

Os currículos para a seleção deverão ser enviados ao e-mail projeto_BRA11_019@mj.gov.br até o dia 31 de janeiro, com o título 'Projeto BRA/11/019 – Consultoria 2014'.

Confira o Edital

Departamento de Estrangeiros

O Departamento de Estrangeiros da SNJ/MJ realiza, entre outras atividades, o atendimento de solicitação de naturalizações, permanências, acordos para cumprimento de medidas compulsórias e implementação de ações que visam à proteção dos direitos fundamentais dos migrantes, com vistas à integração destes na sociedade.

Fonte:

Ministério da Justiça

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Motoristas poderão ter a versão eletrônica da CNH
Documento equivale à CNH impressa e ficará disponível por meio de aplicativo para celulares
Receita Federal oferece serviço de inclusão de nome social do CPF
A medida dispõe sobre o uso do nome social e o reconhecimento da identidade de gênero de pessoas travestis e transexuais no âmbito da administração pública federal, autárquica e fundacional
Estatuto da Criança e do Adolescente completa 27 anos
Texto assegura direitos básicos, como educação, segurança e alimentação básica
Documento equivale à CNH impressa e ficará disponível por meio de aplicativo para celulares
Motoristas poderão ter a versão eletrônica da CNH
A medida dispõe sobre o uso do nome social e o reconhecimento da identidade de gênero de pessoas travestis e transexuais no âmbito da administração pública federal, autárquica e fundacional
Receita Federal oferece serviço de inclusão de nome social do CPF
Texto assegura direitos básicos, como educação, segurança e alimentação básica
Estatuto da Criança e do Adolescente completa 27 anos

Últimas imagens

Revisão de 1,7 milhão de auxílios-doença e aposentadorias por invalidez deve gerar economia de R$ 10 bilhões
Revisão de 1,7 milhão de auxílios-doença e aposentadorias por invalidez deve gerar economia de R$ 10 bilhões
Foto: Antonio Cruz/Agência Brasil
Cozinheiros de Rua foi um dos grupos de economia solidária criados com investimento federal
Cozinheiros de Rua foi um dos grupos de economia solidária criados com investimento federal
Arquivo/Cozinheiros de Rua
Para fazer a carteira pela primeira vez é necessário apresentar documentos originais
Para fazer a carteira pela primeira vez é necessário apresentar documentos originais
Jana Pessôa/Governo de Mato Grosso
Podem participar brasileiros de 18 a 35 anos, sejam estudantes ou já formados
Podem participar brasileiros de 18 a 35 anos, sejam estudantes ou já formados
Divulgação/Gender Summit
Emissão de passaportes estava suspensa pela Polícia Federal desde 27 de junho
Emissão de passaportes estava suspensa pela Polícia Federal desde 27 de junho
Foto: Isaac Amorim/Ministério da Justiça

Governo digital