Você está aqui: Página Inicial > Cidadania e Justiça > 2014 > 02 > Desnutrição infantil é tema de curso online da RedeNutri

Cidadania e Justiça

Desnutrição infantil é tema de curso online da RedeNutri

Alimentação

Objetivo é apoiar gestores e profissionais de saúde para atenção nutricional às crianças menores de cinco anos
por Portal Brasil publicado: 27/02/2014 17h22 última modificação: 30/07/2014 01h25

A Rede de Alimentação e Nutrição do Sistema Único de Saúde (RedeNutri) acaba de lançar o curso online “Atenção Nutricional à Desnutrição Infantil”, que tem como objetivo apoiar gestores e profissionais de saúde para a organização da atenção nutricional às crianças menores de cinco anos nas Redes de Atenção à Saúde, na prevenção e no tratamento da desnutrição.

Totalmente desenvolvido na modalidade de auto aprendizado à distância, o curso pode ser acessado a qualquer momento na plataforma Eco-RedeNutri pelo caminho “Cursos online”, “Acesse os cursos online”, “Atenção Nutricional à Desnutrição Infantil”.

O curso é composto por três módulos, os quais podem ser acessados a qualquer momento. Na biblioteca está disponível a apostila com o conteúdo completo do curso. Além disso, você também pode assistir uma breve apresentação da Coordenadora Geral de Alimentação e Nutrição do Ministério da Saúde (MS), Patrícia Jaime, sobre a importância do curso e da Agenda para Intensificação da Atenção Nutricional à Desnutrição Infantil.

No início e no final do curso, é necessário responder uma pesquisa de opinião sobre o curso e realizar uma autoavaliação, composta por 10 questões. O participante que completar todas as atividades e obtiver um aproveitamento de 70% poderá imprimir uma declaração de participação.

Clique aqui para acessar o curso.

Clique aqui para a apresentação.

Fonte:
Conselho Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Governo lança novas regras para exames toxicológicos em condutores
Para combater o uso de drogas e aumentar a segurança nas estradas, o Denatran lançou novas regras para os exames que detectam essas substâncias nos condutores
Consumidores recebem comunicado de recall pela internet
Brasil teve, em dez anos, um aumento de 221% no serviço de recall. A partir de agora, os consumidores vão ter pela internet uma nova maneira de se manterem informados sobre os produtos adquiridos
Parceria entregou mais de 100 mil cisternas para moradores do semiárido
O semiárido representa quase 20% do território brasileiro. As cisternas captam e armazenam água da chuva
Para combater o uso de drogas e aumentar a segurança nas estradas, o Denatran lançou novas regras para os exames que detectam essas substâncias nos condutores
Governo lança novas regras para exames toxicológicos em condutores
Brasil teve, em dez anos, um aumento de 221% no serviço de recall. A partir de agora, os consumidores vão ter pela internet uma nova maneira de se manterem informados sobre os produtos adquiridos
Consumidores recebem comunicado de recall pela internet
O semiárido representa quase 20% do território brasileiro. As cisternas captam e armazenam água da chuva
Parceria entregou mais de 100 mil cisternas para moradores do semiárido

Últimas imagens

Medida também vale para outros débitos relacionados ao veículo. Antes, apenas donos de veículos registrados no exterior contavam com esse recurso
Medida também vale para outros débitos relacionados ao veículo. Antes, apenas donos de veículos registrados no exterior contavam com esse recurso
Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil
Verduras, legumes, frutas, carne de frango resfriada, bolachas, pães e doces serão comprados dos produtores e doados à rede socioassistencial no estado
Verduras, legumes, frutas, carne de frango resfriada, bolachas, pães e doces serão comprados dos produtores e doados à rede socioassistencial no estado
Foto: Eduardo Aigner/MDA
Governos vão elaborar, no prazo de um ano, plano para garantir o acesso regular e permanente das populações a alimentos de qualidade
Governos vão elaborar, no prazo de um ano, plano para garantir o acesso regular e permanente das populações a alimentos de qualidade
Foto: Tony Winston/Agência Brasília
Governos vão elaborar, no prazo de um ano, plano para garantir o acesso regular e permanente das populações a alimentos de qualidade
Governos vão elaborar, no prazo de um ano, plano para garantir o acesso regular e permanente das populações a alimentos de qualidade
Foto: Dênio Simões/Agência Brasília
Governos vão elaborar, no prazo de um ano, plano para garantir o acesso regular e permanente das populações a alimentos de qualidade
Governos vão elaborar, no prazo de um ano, plano para garantir o acesso regular e permanente das populações a alimentos de qualidade
Foto: Pedro Ventura/Agência Brasília

Governo digital