Você está aqui: Página Inicial > Cidadania e Justiça > 2014 > 06 > Presídios do Ceará recebem scanner corporal

Cidadania e Justiça

Presídios do Ceará recebem scanner corporal

Segurança

Equipamentos emitem feixes de raio-x e são capazes de fazer uma inspeção do corpo humano
por Portal Brasil publicado: 09/06/2014 19h44 última modificação: 30/07/2014 01h32
Exibir carrossel de imagens Divulgação/GOV CE Seis dos equipamentos foram financiados pelo governo federal, via Depen, com contrapartida do governo do estado

Seis dos equipamentos foram financiados pelo governo federal, via Depen, com contrapartida do governo do estado

O Departamento Penitenciário Nacional do Ministério da Justiça (Depen/MJ) e a Secretaria da Justiça e Cidadania do Ceará (Sejus) apresentaram, nesta segunda-feira (9), os equipamentos de scanneres corporais que emitem feixes de raio-x e são capazes de fazer uma inspeção do corpo humano.

O uso dos scanneres corporais permitirá o aperfeiçoamento da segurança nas vistorias das unidades penitenciárias, respeitando a dignidade dos visitantes e acabado com as revistas íntimas, chamadas de "revistas vexatórias".

Serão sete aparelhos instalados nas grandes unidades prisionais da Região Metropolitana de Fortaleza. O investimento total foi de quase R$ 3 milhões.  Seis dos equipamentos foram financiados pelo governo federal, via Depen, com contrapartida do governo do estado.

Os scaneres foram apresentados pelo diretor-geral do Depen, Renato De Vitto, e pela secretária estadual de Justiça do Ceará, Mariana Lobo, na Casa de Privação Provisória de Liberdade Professor Jucá Neto (CPPL), em Itaitinga.

Experiência

Para combater a entrada de celulares, armas e drogas no Complexo Penitenciário de Gericinó, na Zona Oeste do Rio, a Secretaria de Administração Penitenciária investiu no setor de tecnologia. Detectores de metais, aparelhos de Raios-X e sistemas avançados de filmagem são instrumentos fundamentais para manter sob vigilância os 14 mil presos que cumprem pena no local.

Com o uso do scanner corporal, equipamento responsável pelas maiores apreensões de objetos ilícitos, o número de visitantes flagrados em revistas quase triplicou em um pouco mais de três anos de funcionamento.

Fonte:
Ministério da Justiça

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Governo lança novas regras para exames toxicológicos em condutores
Para combater o uso de drogas e aumentar a segurança nas estradas, o Denatran lançou novas regras para os exames que detectam essas substâncias nos condutores
Consumidores recebem comunicado de recall pela internet
Brasil teve, em dez anos, um aumento de 221% no serviço de recall. A partir de agora, os consumidores vão ter pela internet uma nova maneira de se manterem informados sobre os produtos adquiridos
Parceria entregou mais de 100 mil cisternas para moradores do semiárido
O semiárido representa quase 20% do território brasileiro. As cisternas captam e armazenam água da chuva
Para combater o uso de drogas e aumentar a segurança nas estradas, o Denatran lançou novas regras para os exames que detectam essas substâncias nos condutores
Governo lança novas regras para exames toxicológicos em condutores
Brasil teve, em dez anos, um aumento de 221% no serviço de recall. A partir de agora, os consumidores vão ter pela internet uma nova maneira de se manterem informados sobre os produtos adquiridos
Consumidores recebem comunicado de recall pela internet
O semiárido representa quase 20% do território brasileiro. As cisternas captam e armazenam água da chuva
Parceria entregou mais de 100 mil cisternas para moradores do semiárido

Últimas imagens

Verduras, legumes, frutas, carne de frango resfriada, bolachas, pães e doces serão comprados dos produtores e doados à rede socioassistencial no estado
Verduras, legumes, frutas, carne de frango resfriada, bolachas, pães e doces serão comprados dos produtores e doados à rede socioassistencial no estado
Foto: Eduardo Aigner/MDA
Governos vão elaborar, no prazo de um ano, plano para garantir o acesso regular e permanente das populações a alimentos de qualidade
Governos vão elaborar, no prazo de um ano, plano para garantir o acesso regular e permanente das populações a alimentos de qualidade
Foto: Tony Winston/Agência Brasília
Governos vão elaborar, no prazo de um ano, plano para garantir o acesso regular e permanente das populações a alimentos de qualidade
Governos vão elaborar, no prazo de um ano, plano para garantir o acesso regular e permanente das populações a alimentos de qualidade
Foto: Dênio Simões/Agência Brasília
Governos vão elaborar, no prazo de um ano, plano para garantir o acesso regular e permanente das populações a alimentos de qualidade
Governos vão elaborar, no prazo de um ano, plano para garantir o acesso regular e permanente das populações a alimentos de qualidade
Foto: Pedro Ventura/Agência Brasília
Governos vão elaborar, no prazo de um ano, plano para garantir o acesso regular e permanente das populações a alimentos de qualidade
Governos vão elaborar, no prazo de um ano, plano para garantir o acesso regular e permanente das populações a alimentos de qualidade
Foto: Andre Borges/Agência Brasília

Governo digital