Você está aqui: Página Inicial > Cidadania e Justiça > 2015 > 05 > Ajuste do governo permite preservar programas sociais, diz FMI

Cidadania e Justiça

Ajuste do governo permite preservar programas sociais, diz FMI

Assistência Social

Em visita ao Rio de Janeiro, diretora-gerente da entidade financeira, Christine Lagarde, elogia Bolsa Família
por Portal Brasil publicado: 21/05/2015 15h03 última modificação: 21/05/2015 17h43
Foto: Sergio Amaral/MDS Christine Lagarde elogiou o Bolsa Família em encontro com ministra de Desenvolvimento Social e Combate à Fome

Christine Lagarde elogiou o Bolsa Família em encontro com ministra de Desenvolvimento Social e Combate à Fome

A diretora-gerente do Fundo Monetário Internacional (FMI), Christine Lagarde, ressaltou a importância da atenção do poder público com os mais pobres e classificou como "fato histórico" o baixo custo do Bolsa Família. Lagarde cumpriu agenda no Rio de Janeiro, nesta quinta-feira (21), e defendeu "disciplina fiscal" para sustentar as políticas sociais.

"A disciplina fiscal é a base necessária para permitir financiar os programas. Eles andam juntos. As pessoas que mais sofrem com a indisciplina fiscal são os mais pobres", destacou a dirigente do FMI.

Lagarde visitou o Complexo do Alemão, acompanhada da ministra de Desenvolvimento Social e Combate à Fome, Tereza Campello.

"Ela (Lagarde) ficou impressionada porque o Bolsa Família gasta 0,5% do PIB e chega a 50 milhões de pessoas", contou a ministra.

Tereza Campello também afirmou no Rio de Janeiro que a diretora-gerente do FMI elogiou o sistema criado no País de cadastro único para beneficiários do Bolsa Família.

"Custa pouco, chega a quem precisa chegar, portanto não é incompatível com o esforço do Brasil de reduzir despesas e está levando para a população não só renda, está levando as crianças para a escola, está levando as crianças para a saúde, garantindo empreendedorismo, garantindo assistência", completou a ministra.

A articulação de políticas federais, como o Bolsa Família e o Plano Brasil Sem Miséria (com políticas estaduais e municipais), tem sido acompanhada com interesse pelo FMI. Durante a visita, Lagarde conheceu beneficiários de políticas sociais que se transformaram em microempreendedores individuais (MEI), uma das estratégias de inclusão produtiva do governo federal para a superação da pobreza e da extrema pobreza. A constatação dos avanços sociais brasileiros foi divulgada pelo FMI na semana passada no relatório anual sobre a economia brasileira.

O programa

O Bolsa Família foi criado em 2003 e impulsionou a saída de 36 milhões de brasileiros da linha da miséria. O programa tem condicionantes aos beneficiários, como assegurar frequência escolar das crianças e adolescentes. Desde a última segunda-feira (18), começou o pagamento do benefício para cerca de 14 milhões de famílias. O recurso tem valor médio de R$ 167,95, atualmente.

Fonte: Portal Brasil com informações da NBR e Ministério de Desenvolvimento Social e Combate à Fome

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Programa Criança Feliz
Brasil tem mais de 8,2 mil Centros de Referência de Assistência Social
Locais oferecem apoio a brasileiros em situação de risco, com serviços relacionados a concessões de benefícios sociais, auxílio psicológico e diversas atividades
Em 2017, 70 Centros de Arte e Esporte serão inagurados
Os CEUs contam com atividades educativas e culturais, além permitir acesso a programas sociais dos municípios e do governo federal
Programa Criança Feliz
Programa Criança Feliz
Locais oferecem apoio a brasileiros em situação de risco, com serviços relacionados a concessões de benefícios sociais, auxílio psicológico e diversas atividades
Brasil tem mais de 8,2 mil Centros de Referência de Assistência Social
Os CEUs contam com atividades educativas e culturais, além permitir acesso a programas sociais dos municípios e do governo federal
Em 2017, 70 Centros de Arte e Esporte serão inagurados

Últimas imagens

A ação orientará as famílias sobre a melhor maneira de estimular os filhos
A ação orientará as famílias sobre a melhor maneira de estimular os filhos
Divulgação/Governo de Mato Grosso do Sul
Peritos revisaram 126,2 mil benefícios de segurados que não passavam por avaliação médica há mais de dois anos
Peritos revisaram 126,2 mil benefícios de segurados que não passavam por avaliação médica há mais de dois anos
Arquivo/EBC
A maior parte das denúncias é referente aos crimes de abuso sexual (72%) e exploração sexual (20%)
A maior parte das denúncias é referente aos crimes de abuso sexual (72%) e exploração sexual (20%)
Foto: Marcos Santos/USP Imagens

Governo digital