Você está aqui: Página Inicial > Cidadania e Justiça > 2015 > 05 > Pornografia infantil na internet é alvo da PF na Baixada Fluminense

Cidadania e Justiça

Pornografia infantil na internet é alvo da PF na Baixada Fluminense

Pedofilia

Operação ocorre no mês em que se comemora Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes (18 de maio)
por Portal Brasil última modificação: 28/05/2015 19h15

Policiais federais deflagraram na Baixada Fluminense, nesta quinta-feira (28), a Operação Bambinos, para combater crimes de armazenamento e divulgação de pornografia infantil na internet. Os agentes cumprem três mandados de busca e apreensão em endereços de suspeitos de armazenar e divulgar vídeos e fotos de pornografia envolvendo crianças e adolescentes, nos municípios de Nova Iguaçu, Mesquita e São João de Meriti.

De acordo com a Polícia Federal (PF), um homem de 32 anos foi preso, em Nova Iguaçu, por ter armazenado, no computador pessoal, vídeos com conteúdos pornográficos envolvendo crianças. A operação ocorre no mês em que se comemora o Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes (18 de maio).

O crime de publicação e divulgação de imagens e vídeos de pornografia infantil prevê pena que pode chegar a seis anos de reclusão e multa.

Segundo a PF, o crime de publicação e divulgação de imagens de pornografia infantil prevê pena de até seis anos de prisão, além de multa. A operação, chamada Bambinos (crianças, em italiano), cumpre mandados expedidos pela Justiça Federal.

Fonte:

Policia Federal com informações da Agência Brasil

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Governo lança novas regras para exames toxicológicos em condutores
Para combater o uso de drogas e aumentar a segurança nas estradas, o Denatran lançou novas regras para os exames que detectam essas substâncias nos condutores
Consumidores recebem comunicado de recall pela internet
Brasil teve, em dez anos, um aumento de 221% no serviço de recall. A partir de agora, os consumidores vão ter pela internet uma nova maneira de se manterem informados sobre os produtos adquiridos
Parceria entregou mais de 100 mil cisternas para moradores do semiárido
O semiárido representa quase 20% do território brasileiro. As cisternas captam e armazenam água da chuva
Para combater o uso de drogas e aumentar a segurança nas estradas, o Denatran lançou novas regras para os exames que detectam essas substâncias nos condutores
Governo lança novas regras para exames toxicológicos em condutores
Brasil teve, em dez anos, um aumento de 221% no serviço de recall. A partir de agora, os consumidores vão ter pela internet uma nova maneira de se manterem informados sobre os produtos adquiridos
Consumidores recebem comunicado de recall pela internet
O semiárido representa quase 20% do território brasileiro. As cisternas captam e armazenam água da chuva
Parceria entregou mais de 100 mil cisternas para moradores do semiárido

Últimas imagens

Inscrições para o programa foram prorrogadas até 3 de novembro. Para participar, é preciso estar inscrito no Cadastro Único e ter mais de 15 anos
Inscrições para o programa foram prorrogadas até 3 de novembro. Para participar, é preciso estar inscrito no Cadastro Único e ter mais de 15 anos
Foto: Marcos Santos/USP Imagens
Medida também vale para outros débitos relacionados ao veículo. Antes, apenas donos de veículos registrados no exterior contavam com esse recurso
Medida também vale para outros débitos relacionados ao veículo. Antes, apenas donos de veículos registrados no exterior contavam com esse recurso
Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil
Verduras, legumes, frutas, carne de frango resfriada, bolachas, pães e doces serão comprados dos produtores e doados à rede socioassistencial no estado
Verduras, legumes, frutas, carne de frango resfriada, bolachas, pães e doces serão comprados dos produtores e doados à rede socioassistencial no estado
Foto: Eduardo Aigner/MDA
Governos vão elaborar, no prazo de um ano, plano para garantir o acesso regular e permanente das populações a alimentos de qualidade
Governos vão elaborar, no prazo de um ano, plano para garantir o acesso regular e permanente das populações a alimentos de qualidade
Foto: Tony Winston/Agência Brasília
Governos vão elaborar, no prazo de um ano, plano para garantir o acesso regular e permanente das populações a alimentos de qualidade
Governos vão elaborar, no prazo de um ano, plano para garantir o acesso regular e permanente das populações a alimentos de qualidade
Foto: Dênio Simões/Agência Brasília

Governo digital