Você está aqui: Página Inicial > Cidadania e Justiça > 2015 > 07 > MTE inclui drones na fiscalização contra o trabalho escravo

Cidadania e Justiça

MTE inclui drones na fiscalização contra o trabalho escravo

Nova ferramenta

Equipamentos foram doados pelo MPT e serão usados em locais de difícil acesso por auditores fiscais do Rio
por Portal Brasil publicado: 23/07/2015 18h06 última modificação: 23/07/2015 18h08
MTE Auditores fiscais do Rio de Janeiro fizeram capacitação para aprender a operar os aparelhos

Auditores fiscais do Rio de Janeiro fizeram capacitação para aprender a operar os aparelhos

O Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) vai utilizar drones (aparelhos voadores não tripulados) na inspeção das condições de trabalho, sobretudo no combate ao trabalho escravo no meio rural. A Superintendência da Regional do Trabalho e Emprego recebeu seis drones como doação do Ministério Público do Trabalho por meio de Termo de Ajustamento de Conduta firmado com empresa com irregularidades.

Os drones serão usados para monitoramento de locais de difícil acesso por auditores fiscais do Rio de Janeiro “O drone não substitui a presença do fiscal, mas será útil no campo, caso encontremos uma fazenda com porteira fechada, por exemplo. Também será importante para localização de barcos de pesca e na checagem do estágio de grandes obras”, esclarece Bruno Barcia Lopes, coordenador da Fiscalização Rural da Superintendência Regional do Trabalho e Emprego no Rio de Janeiro (SRTE/RJ).

Nesta quarta-feira, dia 22 de julho, foi encerrada a capacitação de sete auditores-fiscais do trabalho para operação do equipamento. O curso ocorreu na sede da SRTE/RJ, no Centro do Rio.

Policiais Rodoviários Federais também participaram do treinamento a convite do MTE. A ideia é doar um dos drones para a Polícia Rodoviária Federal, instituição parceira no combate ao trabalho escravo rural e urbano.

No primeiro momento, os equipamentos serão utilizados em fase de testes, pois a utilização desse equipamento ainda não é regulada no País. Acoplada a cada drone modelo “Inspire 1”, existe uma câmera apta a fotografar e filmar com resolução de 4K (Ultra HD). Os voos têm duração aproximada de 20 minutos, com alcance de aproximadamente dois quilômetros e a cerca de 70 metros de altura.

Fonte:

Ministério do Trabalho e Emprego

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Governo reativa plano Juventude Viva
Objetivo é reduzir a vulnerabilidade de jovens expostos a situações de violência, com foco prioritário na juventude negra
ID Jovem garante benefícios para pessoas de baixa renda
O documento garante meia-entrada em eventos, gratuidade no Enem e descontos em passagens de ônibus, trem e balsas
Brasilienses de baixa renda recebem carteirinha do ID Jovem
A Identidade Jovem oferece benefícios para pessoas de 15 a 19 anos com renda de até dois salários mínimos
Objetivo é reduzir a vulnerabilidade de jovens expostos a situações de violência, com foco prioritário na juventude negra
Governo reativa plano Juventude Viva
O documento garante meia-entrada em eventos, gratuidade no Enem e descontos em passagens de ônibus, trem e balsas
ID Jovem garante benefícios para pessoas de baixa renda
A Identidade Jovem oferece benefícios para pessoas de 15 a 19 anos com renda de até dois salários mínimos
Brasilienses de baixa renda recebem carteirinha do ID Jovem

Últimas imagens

O governo federal estima que 50 mil jovens sejam beneficiados com a ação
O governo federal estima que 50 mil jovens sejam beneficiados com a ação
Foto: Ana Nascimento/MDS
Além da declaração de nascido vivo, pais devem apresentar os documentos pessoais, como RG e CPF
Além da declaração de nascido vivo, pais devem apresentar os documentos pessoais, como RG e CPF
Divulgação/Prefeitura de Barreiras (BA)
Participação do pai no parto tranquiliza a mulher e ajuda aliviar a dor
Participação do pai no parto tranquiliza a mulher e ajuda aliviar a dor
Divulgação/Ministério da Saúde
Servidor deve solicitar o benefício em até dois dias úteis após o nascimento
Servidor deve solicitar o benefício em até dois dias úteis após o nascimento
Gabriel Jabur/Agência Brasília
Participação dos municípios está sujeita à aprovação do Conselho de Assistência Social
Participação dos municípios está sujeita à aprovação do Conselho de Assistência Social
Foto: Sergio Amaral/MDS

Governo digital