Você está aqui: Página Inicial > Cidadania e Justiça > 2015 > 10 > Caixa lança aplicativo do Bolsa Família

Cidadania e Justiça

Caixa lança aplicativo do Bolsa Família

Programa faz 12 anos

Ferramenta vai disponibilizar calendário de pagamentos, valores disponíveis e a situação do beneficiário
publicado: 19/10/2015 10h34 última modificação: 19/10/2015 17h30

A Caixa Econômica Federal lançou, nesta segunda-feira (19), um aplicativo para facilitar o acesso de 13,9 milhões de famílias a informações do Bolsa Família. O lançamento faz parte das comemorações dos 12 anos do programa.

O aplicativo pode ser baixado gratuitamente em celulares com os sistemas Android, Windows Phone e IOS. Pela nova ferramenta, beneficiários do programa poderão verificar rapidamente a situação do seu benefício, o calendário de pagamentos e a rede de atendimento da Caixa. 

As informações incluem os valores disponíveis para saque, data de retirada e últimas parcelas pagas. O beneficiário conta ainda com as opções Mensagem do Bolsa Família e Dúvidas Frequentes, que trarão informações sobre atualização de dados cadastrais e cumprimento de regras relativas à saúde e educação, por exemplo.

Quem não for beneficiário também poderá usar o aplicativo para consultar informações sobre o calendário de pagamentos, regras e condicionalidades do programa, e conferir a localização da rede de atendimento da Caixa, que conta com mais de 38 mil canais disponíveis, entre lotéricas, caixas eletrônicos, agências e a rede Caixa Aqui.

O Bolsa Família atende, atualmente, 13,9 milhões de famílias em todo o País. Considerado o maior programa de transferência de renda do mundo, é direcionado a famílias em situação de pobreza e extrema pobreza.

Nos últimos 12 anos, o programa vem garantindo aos seus beneficiários o direito à alimentação e o acesso à educação e à saúde.

Aplicativo Caixa

Fonte: Portal Brasil, com informações da Caixa Econômica Federal

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Brasil lança campanha contra a exploração de crianças e adolescentes
O Ministério do Turismo lançou uma campanha de combate à violência contra crianças e adolescentes no Carnaval. Em 2016, o Disque 100 recebeu 77.290 denúncias em todo o Brasil. Destas, 400 foram feitas durante o período
Defensores públicos vão realizar mutirão para avaliar situação jurídica de detentos
Ministério da Justiça fechou um acordo com a Defensoria Pública da União para fazer a revisão de processos de presos de cadeias públicas de vários estados
Ministro explica integração das ações do Plano Nacional de Segurança
O ministro do Desenvolvimento Social e Agrário, Osmar Terra, explica como ocorrerá a integração das ações do Plano Nacional de Segurança
O Ministério do Turismo lançou uma campanha de combate à violência contra crianças e adolescentes no Carnaval. Em 2016, o Disque 100 recebeu 77.290 denúncias em todo o Brasil. Destas, 400 foram feitas durante o período
Brasil lança campanha contra a exploração de crianças e adolescentes
Ministério da Justiça fechou um acordo com a Defensoria Pública da União para fazer a revisão de processos de presos de cadeias públicas de vários estados
Defensores públicos vão realizar mutirão para avaliar situação jurídica de detentos
O ministro do Desenvolvimento Social e Agrário, Osmar Terra, explica como ocorrerá a integração das ações do Plano Nacional de Segurança
Ministro explica integração das ações do Plano Nacional de Segurança

Últimas imagens

MDSA repassou R$ 3 bilhões diretamente aos fundos, valor que possibilitou o pagamento de todas as despesas de 2014 e 2015
MDSA repassou R$ 3 bilhões diretamente aos fundos, valor que possibilitou o pagamento de todas as despesas de 2014 e 2015
Divulgação/Prefeitura de São Paulo
O Ministério da Justiça e Segurança Pública autorizou a permanência em portaria publicada nesta quinta-feira
O Ministério da Justiça e Segurança Pública autorizou a permanência em portaria publicada nesta quinta-feira
Arquivo/Agência Brasil
Para ser beneficiado, o morador não poderá ser proprietário de outro imóvel urbano ou rural
Para ser beneficiado, o morador não poderá ser proprietário de outro imóvel urbano ou rural
Fernando Frazão/Agência Brasil
Foram discutidas alterações no Estatuto da Criança e do Adolescente referentes ao direito à convivência familiar
Foram discutidas alterações no Estatuto da Criança e do Adolescente referentes ao direito à convivência familiar
Divulgação/Prefeitura de São Gonçalo (PA)
Para saber quando sacar o dinheiro, a família deve observar o último dígito do número impresso no cartão
Para saber quando sacar o dinheiro, a família deve observar o último dígito do número impresso no cartão
Foto: Gov. Espírito Santo

Governo digital