Você está aqui: Página Inicial > Cidadania e Justiça > 2016 > 06 > Força Nacional é autorizada a atuar em confronto no MS

Cidadania e Justiça

Força Nacional é autorizada a atuar em confronto no MS

Segurança pública

Equipe vai auxiliar as polícias militar, federal e rodoviária federal a preservar a segurança das pessoas e do patrimônio
por Portal Brasil publicado: 15/06/2016 00h00 última modificação: 16/06/2016 09h24
Foto: Fábio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil A decisão foi tomada após o ministro entrar em contato com o governador de MS, Reinaldo Azambuja, que solicitou o apoio da Força Nacional na região

A decisão foi tomada após o ministro entrar em contato com o governador de MS, Reinaldo Azambuja, que solicitou o apoio da Força Nacional na região

O ministro da Justiça e Cidadania, Alexandre de Moraes, autorizou o envio da tropa da Força Nacional para reforçar a segurança pública no município de Caarapó, no sudoeste do Mato Grosso do Sul. No local, ocorreu conflito entre indígenas e fazendeiros na última terça-feira (14), resultando na morte de um índio e outros feridos. 

A decisão foi tomada após o ministro entrar em contato com o governador de MS, Reinaldo Azambuja, que solicitou o apoio da Força Nacional na região. 

Moraes acompanhou com atenção o problema desde o início, quando determinou rigorosa apuração dos fatos. A Força Nacional irá auxiliar as polícias militar, federal e rodoviária federal, a fim de restabelecer a ordem pública e preservar a incolumidade das pessoas e do patrimônio. 

Atualmente, a Força Nacional já atua no Mato Grosso do Sul, na cidade de Ponta Porã, em apoio às ações de combate aos crimes fronteiriços.

  

Fonte: Portal Brasil, com informações do Ministério da Justiça e Cidadania.

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Agricultores buscam Programa de Aquisição de Alimentos
Para facilitar a venda dos produtos, o município de Monteiro (PB) buscou ajuda do Programa de Aquisição de Alimentos do governo federal
Conheça a atuação do Ministério dos Direitos Humanos
Principal função da pasta, de acordo com a ministra Luislinda Valois, é cuidar de todo o cidadão desde o nascimento até o seu último dia de vida
Sistema de cotas pode garatir mais negros nos espaços de poder
Ministra dos Direitos Humanos, Louislinda Valois, defende mais espaço para negros na diplomacia e nos tribunais brasileiros
Para facilitar a venda dos produtos, o município de Monteiro (PB) buscou ajuda do Programa de Aquisição de Alimentos do governo federal
Agricultores buscam Programa de Aquisição de Alimentos
Principal função da pasta, de acordo com a ministra Luislinda Valois, é cuidar de todo o cidadão desde o nascimento até o seu último dia de vida
Conheça a atuação do Ministério dos Direitos Humanos
Ministra dos Direitos Humanos, Louislinda Valois, defende mais espaço para negros na diplomacia e nos tribunais brasileiros
Sistema de cotas pode garatir mais negros nos espaços de poder

Últimas imagens

São oferecidas 20 vagas para estudantes de diversas áreas
São oferecidas 20 vagas para estudantes de diversas áreas
Divulgação/MJSP
Informações são fundamentais para aperfeiçoar o atendimento à população
Informações são fundamentais para aperfeiçoar o atendimento à população
Patrick Grosner/MDSA
Ao todo, 11 projetos de comunidades indígenas foram contratados
Ao todo, 11 projetos de comunidades indígenas foram contratados
Divulgação/Prefeitura de Japorã (MS)
Prazo para atualizar as informações será informado por mensagem no extrato de pagamento dos benefícios
Prazo para atualizar as informações será informado por mensagem no extrato de pagamento dos benefícios
Foto: Ubirajara Machado/MDSA
O recall, com início de atendimento em 10 de abril de 2017, abrange 178 veículos importados
O recall, com início de atendimento em 10 de abril de 2017, abrange 178 veículos importados
Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Governo digital