Você está aqui: Página Inicial > Cidadania e Justiça > 2017 > 05 > Revisão de benefícios do INSS já gerou economia de R$ 2 bilhões

Cidadania e Justiça

Revisão de benefícios do INSS já gerou economia de R$ 2 bilhões

Perícia

Novo pente-fino do governo federal em benefícios por incapacidade cancelou 102,6 mil auxílios; 322,8 mil cartas de convocação foram enviadas
por Portal Brasil publicado: 17/05/2017 19h41 última modificação: 18/05/2017 09h30
Arquivo/EBC Peritos revisaram 126,2 mil benefícios de segurados que não passavam por avaliação médica há mais de dois anos

Peritos revisaram 126,2 mil benefícios de segurados que não passavam por avaliação médica há mais de dois anos

pente-fino nos benefícios por incapacidade do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), iniciado no segundo semestre do ano passado, já gerou uma economia de R$ 2 bilhões para os cofres públicos.

Até o momento, os peritos revisaram 126,2 mil benefícios de segurados que recebiam o auxílio-doença e há mais de dois anos não passavam por avaliação médica. Desse montante, 102,6 mil (81%) foram cancelados.

“Essa reversão de 81% é um demonstrativo de que as pessoas estão saudáveis e aptas para retornar ao trabalho”, destacou o secretário executivo do Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário, Alberto Beltrame. As revisões periódicas são obrigatórias, mas não estavam sendo realizadas pelo governo passado.

Até agora, foram enviadas 322,8 mil cartas de convocação. Após o recebimento, o segurado tem cinco dias úteis para agendar a perícia pelo número 135. O beneficiário que não atender à convocação ou não comparecer na data agendada terá o benefício suspenso.

O não comparecimento já levou ao cancelamento de 11,5 mil benefícios. Além disso, 17,3 mil benefícios foram convertidos em aposentadoria por invalidez; 1,3 mil em auxílio-acidente; 629 em aposentadoria por invalidez com acréscimo de 25% no valor do benefício; e 4,2 mil pessoas foram encaminhadas para reabilitação profissional.

Ao todo, serão convocadas 1,7 milhão de pessoas, que há mais de dois anos estão sem perícia. Dessas, 530 mil recebem o auxílio-doença e 1,1 mil são aposentados por invalidez com menos de 60 anos.

Segurados acima de 60 anos

Os beneficiários de auxílio-doença com mais de 60 anos já começaram a ser chamados. Até a última sexta-feira (12), 12,7 mil segurados haviam passado por perícia médica. Do total, 8 mil benefícios (63%) foram cancelados.

O pente-fino é realizado de acordo com a capacidade de atendimento das agências e a quantidade de benefícios vinculados a cada uma delas. Caso uma agência tenha concluído a revisão com os segurados abaixo de 60 anos, inicia-se o processo com os acima dessa idade.

Pente-fino em números:

126.237  perícias realizadas
102.632  benefícios cancelados (81%)
17.397  benefícios convertidos em aposentadoria por invalidez
629  benefícios convertidos em aposentadoria por invalidez com acréscimo de 25%
1.340  benefícios convertidos em auxílio-acidente
4.239 – segurados encaminhados para reabilitação profissional

 

Fonte: Portal Brasil, com informações do Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Estatuto da Criança e do Adolescente completa 27 anos
Texto assegura direitos básicos, como educação, segurança e alimentação básica
Atendimento à população ribeirinha da Amazônia é desafio para poder público
Muitos moram em locais distantes das cidades e o transporte só pode ser feito por barco e, às vezes, a viagem pode levar dias. Para atender essa população, navios da Marinha brasileira percorrem a região desde 1984.
Programa garante segurança alimentar e nutricional em Brasília
Alimenta Brasília, que faz parte do Programa de Aquisição de Alimentos do governo federal, recebeu mais R$ 2 milhões
Texto assegura direitos básicos, como educação, segurança e alimentação básica
Estatuto da Criança e do Adolescente completa 27 anos
Muitos moram em locais distantes das cidades e o transporte só pode ser feito por barco e, às vezes, a viagem pode levar dias. Para atender essa população, navios da Marinha brasileira percorrem a região desde 1984.
Atendimento à população ribeirinha da Amazônia é desafio para poder público
Alimenta Brasília, que faz parte do Programa de Aquisição de Alimentos do governo federal, recebeu mais R$ 2 milhões
Programa garante segurança alimentar e nutricional em Brasília

Últimas imagens

Proprietário de veículo com tais especificações deve ligar para 0800-7013432 ou acessar o site da Honda
Proprietário de veículo com tais especificações deve ligar para 0800-7013432 ou acessar o site da Honda
Marcelo Camargo/Agência Brasil
Decisão do Contran foi anunciada em 29 de junho deste ano
Decisão do Contran foi anunciada em 29 de junho deste ano
Divulgação/Governo do Espírito Santo
Programa Criança Feliz prioriza crianças de até 3 anos de idade beneficiárias do Bolsa Família
Programa Criança Feliz prioriza crianças de até 3 anos de idade beneficiárias do Bolsa Família
Foto: Sergio Amaral/MDS
Raquel Dodge trabalha no Ministério Público Federal desde 1987
Raquel Dodge trabalha no Ministério Público Federal desde 1987
Geraldo Magela/Agência Senado
Sistemas de justiça, segurança, assistência social e saúde devem se articular no atendimento às vítimas
Sistemas de justiça, segurança, assistência social e saúde devem se articular no atendimento às vítimas
Foto: Sergio Amaral/MDS

Governo digital