Você está aqui: Página Inicial > Ciência e Tecnologia > 2010 > 10 > Saiba mais sobre água, consumo consciente e recursos hídricos no Brasil

Ciência e Tecnologia

Saiba mais sobre água, consumo consciente e recursos hídricos no Brasil

Recursos naturais

País possui 12% das reservas de água doce disponíveis no mundo, sendo que a Bacia Amazônica concentra 70% desse volume
por Portal Brasil publicado: 17/09/2010 12h56 última modificação: 28/07/2014 09h13

Setenta por cento da superfície do planeta é coberta por água, quase toda salgada e, portanto, imprópria para o consumo humano. Apenas 2,5% desse total é potável e a maior parte das reservas (cerca de 80%) está concentrada em geleiras nas calotas polares. 

Segundo a Organização das Nações Unidas (ONU), 1,1 bilhão de habitantes não têm acesso à água tratada e cerca de 1,6 milhão de pessoas morrem no mundo todos os anos em razão de problemas de saúde decorrentes da falta desse recurso.

A escassez do recurso também coloca em risco a produção de alimentos. De acordo com a Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO), 70% da água de superfície e subterrânea é usada na agricultura. Em 2003, a ONU declarou o Ano Internacional da Água Potável para conscientizar a população sobre sua importância e a necessidade de utilizá-la de forma adequada.

Brasil

O País possui 12% das reservas de água doce disponíveis no mundo, sendo que a Bacia Amazônica concentra 70% desse volume. O restante é distribuído desigualmente para atender a toda população brasileira. O Nordeste possui menos de 5% das reservas e grande parte da água é subterrânea, com teor de sal acima do limite aceitável para o consumo humano. Clique aqui e conheça a Conjuntura dos Recursos Hídricos no Brasil. 

Por isso, o investimento em métodos alternativos de abastecimento, como os processos de dessalinização com reaproveitamento de rejeitos, são tratados como prioritários na promoção do desenvolvimento social e ambiental do semiárido brasileiro.

Até 2015, o Brasil terá que reduzir pela metade o número de habitantes sem acesso permanente à água potável. A meta faz parte da Declaração do Milênio, apresentada pela ONU e adotada por 189 países no ano 2000.

>> Saiba mais sobre as regiões hidrográficas brasileiras.

>> Clique aqui e leia mais sobre o consumo consciente de água e outros recursos naturais.

Fontes:
Agência Nacional das Águas
Organização das Nações Unidas
Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Lei Geral de Telecomunicações precisa ser renovada, diz secretário
O novo secretário de Telecomunicações do MCTIC, André Borges, espera contribuir para a atualização das regras do setor
O papel da ciência na formação de uma sociedade sustentável
o programa Conexão Ciência entrevista o pesquisador Judson Valentim, da Embrapa Acre
Ciência ganha com as Comunicações, defende ministro
Existe uma sinergia entre as ações e programas dos dois ministérios, defende o ministro Gilberto Kassab
O novo secretário de Telecomunicações do MCTIC, André Borges, espera contribuir para a atualização das regras do setor
Lei Geral de Telecomunicações precisa ser renovada, diz secretário
o programa Conexão Ciência entrevista o pesquisador Judson Valentim, da Embrapa Acre
O papel da ciência na formação de uma sociedade sustentável
Existe uma sinergia entre as ações e programas dos dois ministérios, defende o ministro Gilberto Kassab
Ciência ganha com as Comunicações, defende ministro

Últimas imagens

Estimativa é de que, se for mantida a pesca da piracatinga, mais de 2,5 mil botos serão mortos em um ano
Estimativa é de que, se for mantida a pesca da piracatinga, mais de 2,5 mil botos serão mortos em um ano
Divulgação: Ministério da Ciência e Tecnologia
Competições como a de de vela dependem de previsões climáticas
Competições como a de de vela dependem de previsões climáticas
Divulgação/MCTIC
O número de mestres e doutores titulados no País aumentou mais de cinco vezes desde 1996
O número de mestres e doutores titulados no País aumentou mais de cinco vezes desde 1996
Pedro Pompei/Museu Paraense Emílio Goeldi
Para Kassab, falta investimento e planejamento para melhor aproveitar o potencial eólico da região Nordeste
Para Kassab, falta investimento e planejamento para melhor aproveitar o potencial eólico da região Nordeste
Foto: Aluísio Moreira/SEI
Competição tem impulsionado o ensino e a pesquisa na área das ciências exatas no País
Competição tem impulsionado o ensino e a pesquisa na área das ciências exatas no País
Foto: Peter Rosbjerg/ Creative Commons

Governo digital