Você está aqui: Página Inicial > Ciência e Tecnologia > 2011 > 11 > Leilões de joias da Caixa terão exposição das peças pela internet

Ciência e Tecnologia

Leilões de joias da Caixa terão exposição das peças pela internet

por Portal Brasil publicado: 03/11/2011 15h26 última modificação: 28/07/2014 14h52

A Caixa Econômica Federal vai expandir, em novembro, o novo modelo de leilões virtuais para mais três capitais: Rio de Janeiro (RJ), Belo Horizonte (MG) e São Paulo (SP), além de realizar um novo leilão em Porto Alegre (RS). Para dezembro, já está prevista a expansão desse modelo a mais três capitais: Curitiba (PR), Fortaleza (CE) e Vitória (ES).

Os interessados em participar dos leilões de joias da Caixa podem consultar os lotes no site da instituição. Nessa página é possível, não só conferir as imagens dos lotes de joias, como também ver detalhes ampliados das fotos por meio do recurso de zoom, além de visualizá-los frente e verso. Além disso, os clientes agora podem capturar o catálogo atualizado diariamente.

Com 150 anos de existência, o Penhor da Caixa é uma linha de crédito popular, por suas características de facilidade de acesso, rapidez e simplicidade. Para contratar o empréstimo não é necessário avalista, já que a joia é a garantia do crédito. E o dinheiro é liberado na hora.

Prioridade para os titulares

Os titulares dos contratos de penhor, incluídos nos leilões, podem regularizá-los em qualquer agência da Caixa, por meio de equipamentos disponíveis nas salas de autoatendimento, durante o expediente bancário, até o dia dos lances, e verificar na página da Vitrine de Joias sua retirada do leilão.

Assim, somente os lotes não regularizados são mantidos na Vitrine, e os interessados sabem exatamente para quais lotes ainda podem oferecer lances, diferentemente do modelo antigo, no qual somente ao visitar o local de exposição o cliente obtinha a informação de quais lotes ainda estavam à venda.

Para dar um lance, basta o interessado se cadastrar em qualquer agência de Penhor da Caixa e registrar sua oferta nos terminais eletrônicos do banco, em todo o País. Nesse novo modelo, os clientes só se deslocam até as cidades e os locais de entrega dos lotes para receber suas joias, se obtiverem sucesso nos seus lances.

Vitrine de Jóias

A Vitrine de Joias Caixa veio modernizar o processo de leilão de joias, que até agosto deste ano era realizado, exclusivamente, com a exposição física dos lotes nos locais específicos das diversas regiões do Brasil. Com esse novo modelo, a Caixa oferece maior conforto, comodidade e segurança, além de expandir o acesso às imagens a qualquer pessoa, cliente ou não, pela simples navegação no sítio do banco.

A Vitrine já foi testada em Porto Alegre (RS), em setembro. A satisfação dos clientes e o sucesso da ação puderam ser mensurados pelos resultados obtidos, que registraram renovação em 70% dos lotes marcados para leilão e garantiram a venda de 99% dos lotes restantes, além da manifestação expressa de aprovação pelos clientes habituais desse produto, no momento da entrega dos lotes arrematados.

Para o vice-presidente de Logística e Retaguarda da Caixa, Paulo Roberto dos Santos, a venda de joias do penhor, pela internet, representa um aperfeiçoamento histórico do processo de vendas do produto. “A Internet possibilita a universalização do acesso, com modernidade e praticidade para o cliente”, observa Paulo Roberto.


Fonte:
Caixa Econômica Federal

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Lei Geral de Comunicações estimula investimentos em banda larga
A alteração da LGT foi aprovada no Senado em janeiro deste ano. Com a medida, será possível aumentar a segurança jurídica dos envolvidos na prestação de serviços de telecomunicação do País
Migração das rádios AM para FM melhora a qualidade da radiodifusão no País
A mudança é uma reivindicação das emissoras AM, que sofrem com a perda de qualidade do sinal, de audiência e de faturamento
Satélite Geoestacionário vai garantir comunicação segura ao governo
O Satélite Geoestacionário de Defesa e Comunicações Estratégicas (SGDC)será utilizado para comunicações estratégicas do governo e para ampliar a oferta de banda larga no País, especialmente nas áreas remotas
A alteração da LGT foi aprovada no Senado em janeiro deste ano. Com a medida, será possível aumentar a segurança jurídica dos envolvidos na prestação de serviços de telecomunicação do País
Lei Geral de Comunicações estimula investimentos em banda larga
A mudança é uma reivindicação das emissoras AM, que sofrem com a perda de qualidade do sinal, de audiência e de faturamento
Migração das rádios AM para FM melhora a qualidade da radiodifusão no País
O Satélite Geoestacionário de Defesa e Comunicações Estratégicas (SGDC)será utilizado para comunicações estratégicas do governo e para ampliar a oferta de banda larga no País, especialmente nas áreas remotas
Satélite Geoestacionário vai garantir comunicação segura ao governo

Últimas imagens

Foram distribuídos, nas 14 cidades, 523 mil kits com conversor
Foram distribuídos, nas 14 cidades, 523 mil kits com conversor
Divulgação/MCTIC
Mudança é reivindicação de emissoras AM, que sofrem com perda de qualidade do sinal e audiência
Mudança é reivindicação de emissoras AM, que sofrem com perda de qualidade do sinal e audiência
Arquivo/Mctic
Laboratório-Fábrica LABelectron, da Certi, desenvolve tecnologias de manufatura de placas eletrônicas
Laboratório-Fábrica LABelectron, da Certi, desenvolve tecnologias de manufatura de placas eletrônicas
Divulgação/Certi
Meta do programa é instalar 7,8 mil km de cabos de fibra ótica subaquática e ligar Manaus a 52 municípios
Meta do programa é instalar 7,8 mil km de cabos de fibra ótica subaquática e ligar Manaus a 52 municípios
Capacitação reforça o papel do Brasil como líder mundial em tecnologias para controle do desmatamento
Capacitação reforça o papel do Brasil como líder mundial em tecnologias para controle do desmatamento
Divulgação/EBC

Governo digital