Você está aqui: Página Inicial > Ciência e Tecnologia > 2014 > 07 > Cetem realiza 22ª Jornada de Iniciação Científica

Ciência e Tecnologia

Cetem realiza 22ª Jornada de Iniciação Científica

Evento

Objetivo é despertar a vocação científica e incentivar novos talentos entre estudantes universitários
publicado: 23/07/2014 18h14 última modificação: 23/07/2014 18h14

O Centro de Tecnologia Mineral (Cetem/MCTI) realiza nesta quinta-feira (24) e na sexta (25), no Rio de Janeiro, a 22ª Jornada de Iniciação Científica organizada pela unidade de pesquisa.

A jornada é a efetivação do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica (Pibic) mantida pelo Cetem em parceria com o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq/MCTI). O objetivo é despertar a vocação científiica e incentivar novos talentos entre os estudantes universitários por meio de sua participação em projetos de pesquisa. 

O programa oferece aos alunos a oportunidade de aprender técnicas e métodos de pesquisa, incentiva a criatividade no intuito de descobrir como a ciência é produzida, e o conhecimento, adquirido. Nos dois dias de jornada, serão feitas 38 apresentações de trabalhos dos mais variados temas relativos à pesquisa mineral.

A Comissão de Avaliação Cientifica é composta por cientistas e professores de Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), Centro Universitário Estadual da Zona Oeste (Uezo), Nuclebrás Equipamentos Pesados S/A (Nuclep), Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Instituto Nacional de Propriedade Industrial (INPI) e Agência Nacional de Petróleo e Gás (ANP).

O Pibic é coordenado pelos pesquisadores do Cetem Roberto Carlos Ribeiro, Silvia Egler, Elves Matiollo, Ellen Cristine Giese e Manuel Castro Carneiro, integrantes do Comitê Institucional do centro.

Sobre o Cetem

O Centro de Tecnologia Mineral (Cetem), unidade de pesquisa do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI), atua no desenvolvimento de tecnologia para o uso sustentável dos recursos minerais brasileiros, com foco na inovação tecnológica para o setor minerometalúrgico.

Os benefícios advindos das pesquisas realizadas no Centro são, ainda, utilizados em prol da sociedade brasileira, contribuindo para o crescimento e desenvolvimento do País. No âmbito do governo federal e do MCTI, o Cetem é a única unidade de pesquisa dedicada à tecnologia mineral e ao meio ambiente.

Atualmente, a instituição reúne corpo técnico qualificado para atender às demandas do setor extrativo mineral, incluindo a área ambiental. O quadro atual de recursos humanos da instituição é composto por 380 colaboradores, incluindo 60 pesquisadores, 50 bolsistas de iniciação científica e 40 alunos de mestrado e doutorado, em parceria com universidades.

Os profissionais da instituição desenvolvem atividades de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação (PD&I) em quase todas as unidades da federação, com destaque para o estado do Espírito Santo, que conta com um Núcleo Regional, em Cachoeiro de Itapemirim.

Fontes:
Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação
Cetem

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Startup Brasil lança nova etapa para seleção de iniciativas inovadoras
Serão selecionados cerca de 50 projetos entre 2017 e 2018. Investimento total do governo federal é de R$ 10 milhões
Canais de TV por assinatura devem ter conteúdo nacional
Por lei, os canais devem destinar espaço para três horas e meia por semana, em horário nobre, para o conteúdo audiovisual de origem nacional
Brasil e Argentina firmam parceria em ciência
Acordo deve priorizar áreas de energia renovável, meio ambiente, agroindústria e bioeconomia
Serão selecionados cerca de 50 projetos entre 2017 e 2018. Investimento total do governo federal é de R$ 10 milhões
Startup Brasil lança nova etapa para seleção de iniciativas inovadoras
Por lei, os canais devem destinar espaço para três horas e meia por semana, em horário nobre, para o conteúdo audiovisual de origem nacional
Canais de TV por assinatura devem ter conteúdo nacional
Acordo deve priorizar áreas de energia renovável, meio ambiente, agroindústria e bioeconomia
Brasil e Argentina firmam parceria em ciência

Últimas imagens

Em nove anos, Brasil já ganhou 45 medalhas
Em nove anos, Brasil já ganhou 45 medalhas
Arquivo/Agência Brasil
Mais de 60 mil pessoas já baixaram o aplicativo para receber alertas de chuvas
Mais de 60 mil pessoas já baixaram o aplicativo para receber alertas de chuvas
Arquivo/Agência Brasil
Ferramenta, batizada de SOS Chuva, pode ajudar população a se prevenir nos casos de eventos extremos
Ferramenta, batizada de SOS Chuva, pode ajudar população a se prevenir nos casos de eventos extremos
Foto: José Cruz/Agência Brasil
Regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste vão adotar o horário de verão em 2017/2018
Regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste vão adotar o horário de verão em 2017/2018
Divulgação/Itaipu

Governo digital