Você está aqui: Página Inicial > Ciência e Tecnologia > 2015 > 03 > Finep desenvolve estudo setorial sobre terras-raras

Ciência e Tecnologia

Finep desenvolve estudo setorial sobre terras-raras

Pesquisa e Inovação

Documento apresenta principais aplicações, bem como aspectos tecnológicos e mercadológicos do segmento
por Portal Brasil publicado: 23/03/2015 11h58 última modificação: 23/03/2015 11h58
Divulgação/Finep Pesquisa destaca  ascensão chinesa no mercado e as ações  no âmbito das políticas públicas brasileiras

Pesquisa destaca ascensão chinesa no mercado e as ações no âmbito das políticas públicas brasileiras

A Finep acaba de desenvolver um novo estudo setorial, com foco no setor de mineração. A temática é voltada para o segmento de terras-raras, que são elementos químicos essenciais à fabricação de itens tecnológicos, como tablets, smartphones, carros híbridos e turbinas de energia eólica.

Em fevereiro, a empresa já havia divulgado um estudo sobre química verde e bioeconomia. “Esperamos despertar não apenas o interesse no assunto específico, mas no setor mineral como um todo”, diz o analista Henrique Vasquez, do Departamento de Processos Industriais da Finep e um dos responsáveis pelo estudo.

O documento apresenta definições, ocorrências e aplicações dos elementos de terras-raras. Também ressalta aspectos tecnológicos e mercadológicos do segmento, entre os quais se destacam a ascensão chinesa no mercado e as ações e discussões no âmbito das políticas públicas brasileiras.

O gerente da Finep e coordenador do estudo, Rodrigo Secioso, acrescenta que o desafio é articular um programa, ou uma política específica para o setor, capaz de atacar as lacunas identificadas no estudo.

“O esforço deverá fazer parte de uma agenda conjunta com os ministérios da Ciência, Tecnologia e Inovação; e de Minas e Energia; com o Centro de Tecnologia Mineral (CETEM); e com a Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI)”, disse Secioso.

Para ele, é preciso coordenar ações de PD&I das ICTs com as demandas das empresas de mineração, especialmente no que diz respeito aos minerais estratégicos e com potencial futuro. 

Investimentos em caprinovinocultura

Apoiada pela Finep com cerca de R$ 1,4 bilhão, outra iniciativa em destaque está voltada à consolidação do agronegócio dos produtos e derivados da caprinovinocultura no Nordeste. O projeto será capaz de zerar a mortalidade de caprinos e ovinos no sertão e tornar a região competitiva na produção de carne, carcaças, leite e derivados.  

Os experimentos são da Empresa Estadual de Pesquisa Agropecuária da Paraíba (Emepa), que coordena as ações do Agrocapri, projeto pensado para apoiar uma saída estratégica que garanta emprego e renda aos pequenos produtores locais.

A pesquisa se sustenta num conjunto de ações inovadoras em que se destacam os Blocos Multinutricionais para a suplementação alimentar dos rebanhos no período de seca; a produção de leite de cabra durante todo o ano; o melhoramento genético através de cruzamentos e inseminação; e a padronização de carcaças de cordeiros e cabritos de corte.

Fonte:
Portal Brasil com informações da Finep 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Startup Brasil lança nova etapa para seleção de iniciativas inovadoras
Serão selecionados cerca de 50 projetos entre 2017 e 2018. Investimento total do governo federal é de R$ 10 milhões
Canais de TV por assinatura devem ter conteúdo nacional
Por lei, os canais devem destinar espaço para três horas e meia por semana, em horário nobre, para o conteúdo audiovisual de origem nacional
Brasil e Argentina firmam parceria em ciência
Acordo deve priorizar áreas de energia renovável, meio ambiente, agroindústria e bioeconomia
Serão selecionados cerca de 50 projetos entre 2017 e 2018. Investimento total do governo federal é de R$ 10 milhões
Startup Brasil lança nova etapa para seleção de iniciativas inovadoras
Por lei, os canais devem destinar espaço para três horas e meia por semana, em horário nobre, para o conteúdo audiovisual de origem nacional
Canais de TV por assinatura devem ter conteúdo nacional
Acordo deve priorizar áreas de energia renovável, meio ambiente, agroindústria e bioeconomia
Brasil e Argentina firmam parceria em ciência

Últimas imagens

Em nove anos, Brasil já ganhou 45 medalhas
Em nove anos, Brasil já ganhou 45 medalhas
Arquivo/Agência Brasil
Mais de 60 mil pessoas já baixaram o aplicativo para receber alertas de chuvas
Mais de 60 mil pessoas já baixaram o aplicativo para receber alertas de chuvas
Arquivo/Agência Brasil
Ferramenta, batizada de SOS Chuva, pode ajudar população a se prevenir nos casos de eventos extremos
Ferramenta, batizada de SOS Chuva, pode ajudar população a se prevenir nos casos de eventos extremos
Foto: José Cruz/Agência Brasil
Regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste vão adotar o horário de verão em 2017/2018
Regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste vão adotar o horário de verão em 2017/2018
Divulgação/Itaipu

Governo digital