Você está aqui: Página Inicial > Ciência e Tecnologia > 2016 > 03 > Centro de Lançamento de Alcântara faz atualização de radares

Ciência e Tecnologia

Centro de Lançamento de Alcântara faz atualização de radares

Tecnologia espacial

Equipamentos serão utilizados em operação que vai lançar ao espaço experimentos de microgravidade da Agência Espacial Brasileira
publicado: 07/03/2016 15h00 última modificação: 08/09/2016 18h14

Os radares Atlas e Adour, do Centro de Lançamento de Alcântara (CLA), no Maranhão, foram modernizados. Os principais subsistemas atualizados foram o servomecanismo, a telemetria e a codificação angular, além do sistema de recepção de média frequência.

A modernização resultou no aumento da capacidade operacional e da confiabilidade dos dados de lançamentos a partir do Centro de Lançamento. A atual configuração permite ainda que os radares contribuam com outras missões. Além disso, a unidade passa a ter condições de possuir peças de reposição, garantindo maior eficiência na manutenção e conservação do sistema.

Com o novo equipamento, as equipes do CLA fizeram o rastreio da Estação Espacial Internacional (ISS, na sigla em inglês). A previsão é que os radares sejam utilizados novamente em outubro, na Operação Rio Verde, quando será lançado o foguete VSB-30, com a carga útil MicroG-2, com experimentos financiados pelo Programa Microgravidade, da Agência Espacial Brasileira (AEB).

Fonte: Portal Brasil, com informações do MCTI

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Startup Brasil lança nova etapa para seleção de iniciativas inovadoras
Serão selecionados cerca de 50 projetos entre 2017 e 2018. Investimento total do governo federal é de R$ 10 milhões
Canais de TV por assinatura devem ter conteúdo nacional
Por lei, os canais devem destinar espaço para três horas e meia por semana, em horário nobre, para o conteúdo audiovisual de origem nacional
Brasil e Argentina firmam parceria em ciência
Acordo deve priorizar áreas de energia renovável, meio ambiente, agroindústria e bioeconomia
Serão selecionados cerca de 50 projetos entre 2017 e 2018. Investimento total do governo federal é de R$ 10 milhões
Startup Brasil lança nova etapa para seleção de iniciativas inovadoras
Por lei, os canais devem destinar espaço para três horas e meia por semana, em horário nobre, para o conteúdo audiovisual de origem nacional
Canais de TV por assinatura devem ter conteúdo nacional
Acordo deve priorizar áreas de energia renovável, meio ambiente, agroindústria e bioeconomia
Brasil e Argentina firmam parceria em ciência

Últimas imagens

Espécie foi observada pelos pesquisadores pela primeira vez na região do rio Madeira
Espécie foi observada pelos pesquisadores pela primeira vez na região do rio Madeira
Arquivo/Inpa
Foi dada prioridade aos telecentros localizados em áreas remotas
Foi dada prioridade aos telecentros localizados em áreas remotas
Divulgação/Prefeitura de Pinhão (PR)
O CPDLC é a ferramenta utilizada para a comunicação de dados entre piloto e controlador
O CPDLC é a ferramenta utilizada para a comunicação de dados entre piloto e controlador
Arquivo/ FAB
Planeta se encontra a 1,2 mil anos-luz da terra
Planeta se encontra a 1,2 mil anos-luz da terra
Leandro Negro/FAPESP
Governo brasileiro possui projetos em segurança digital em conjunto com os EUA
Governo brasileiro possui projetos em segurança digital em conjunto com os EUA
Marcos Santos/ USP Imagens

Governo digital