Você está aqui: Página Inicial > Ciência e Tecnologia > 2017 > 06 > Capitais ganham domínio próprio “.br” para páginas de internet

Ciência e Tecnologia

Capitais ganham domínio próprio “.br” para páginas de internet

Internet Local

População pode contribuir com sugestões de domínios de capitais e cidades com mais de 500 mil habitantes
por Portal Brasil publicado: 08/06/2017 16h49 última modificação: 08/06/2017 17h54

João Pessoa (PB), Florianópolis (SC) e Porto Alegre (RS) são as primeiras cidades brasileiras a contar com o próprio domínio ".br" para sites locais na internet. A novidade foi anunciada pelo Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR (NIC.br), responsável, entre outras atribuições, pelo registro de domínios ".br".

"Essa iniciativa permite a identificação do empreendimento com sua localização física, além de reforçar a identidade local", afirmou o secretário de Política de Informática do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), Maximiliano Martinhão.

O "jampa.br", da capital da Paraíba, passa a valer a partir desta quinta-feira (8). Em seguida, será a vez de "floripa.br", a partir da segunda-feira (12), e "poa.br", na próxima quarta-feira (14).

Para definir a denominação personalizada dos endereços, o NIC.br deu início a uma campanha de votação, em maio deste ano, para que cidades com mais de 500 mil habitantes escolhessem o próprio domínio. Saiba como participar.

Em todo o País, outros 43 municípios estão participando da iniciativa e mais de 5 mil sugestões foram enviadas ao NIC.br. A votação pode ser feita e acompanhada na página do Núcleo, na internet.

Núcleo

O NIC.br é uma entidade civil, de direito privado e sem fins lucrativos, que implementa as decisões e projetos do Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGI.br). O CGI.br é responsável por estabelecer diretrizes estratégicas relacionadas ao uso e desenvolvimento da internet no País.

O comitê é composto por 21 integrantes, sendo 11 representantes eleitos pela sociedade civil, nove representantes de órgãos de governo e um representante de notório saber em assuntos de internet.

Fonte: Portal Brasil, com informações do MCTIC

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

Assunto(s): Internet

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Psicultura cresce no Brasil com apoio da Embrapa
Produção de peixes no Brasil cresce a cada ano, a partir de tecnologias desenvolvidas pela Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária
Internet 4G cresceu 120% em um ano no Brasil
Esse tipo de conexão é mais rápida e hoje já cobre quase 1700 cidades. Até o fim deste ano, a 4G deve chegar a todos os municípios com mais de 30 mil habitantes
Brasil lança primeiro satélite geoestacionário
Projeto será utilizado para comunicações estratégicas do governo e implementação do Programa Nacional de Banda Larga
Produção de peixes no Brasil cresce a cada ano, a partir de tecnologias desenvolvidas pela Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária
Psicultura cresce no Brasil com apoio da Embrapa
Esse tipo de conexão é mais rápida e hoje já cobre quase 1700 cidades. Até o fim deste ano, a 4G deve chegar a todos os municípios com mais de 30 mil habitantes
Internet 4G cresceu 120% em um ano no Brasil
Projeto será utilizado para comunicações estratégicas do governo e implementação do Programa Nacional de Banda Larga
Brasil lança primeiro satélite geoestacionário

Últimas imagens

Migração é reivindicação dos radiodifusores e foi autorizada por um decreto presidencial em 2013
Migração é reivindicação dos radiodifusores e foi autorizada por um decreto presidencial em 2013
Arquivo/Agência Brasil
Celina turchi afirma que há necessidade de esforço contínuo por parte da comunidade científica brasileira.
Celina turchi afirma que há necessidade de esforço contínuo por parte da comunidade científica brasileira.
Divulgação/MCTIC
Revista foi criada pelo epidemiologista Oswald Cruz
Revista foi criada pelo epidemiologista Oswald Cruz
Arquivo/Agência Brasil
Transferência começa nesta quinta-feira (15)
Transferência começa nesta quinta-feira (15)
Ascom/MCTIC
A planta do parque tecnológico prevê a construção de quatro blocos principais e estruturas auxiliares
A planta do parque tecnológico prevê a construção de quatro blocos principais e estruturas auxiliares
Foto: Tânia Rêgo/Agência Brasil

Governo digital