Você está aqui: Página Inicial > Cultura > 2013 > 10 > Dia nacional do livro é comemorado em 29 de outubro

Cultura

Dia nacional do livro é comemorado em 29 de outubro

Leitura

Data homenageia fundação da Biblioteca Nacional do Rio, que é considerada uma das dez maiores do mundo
por Portal Brasil publicado: 29/10/2013 12h00 última modificação: 29/10/2014 11h18

O Dia Nacional do Livro é celebrado, em todo o Brasil, em 29 de outubro. A data é uma homenagem à fundação da Biblioteca Nacional do Brasil em 1810. A Biblioteca fica na cidade do Rio de Janeiro e é considerada pela UNESCO uma das dez maiores bibliotecas nacionais do mundo e também a maior biblioteca da América Latina.

O núcleo original de seu poderoso acervo, calculado hoje em cerca de 9 milhões de itens, é a antiga livraria de D. José, organizada sob a inspiração de Diogo Barbosa Machado, Abade de Santo Adrião de Sever, para substituir a Livraria Real, cuja origem remontava às coleções de livros de D. João I e de seu filho D. Duarte, e que foi consumida pelo incêndio que se seguiu ao terremoto de Lisboa de 1º de novembro de 1755.

Incentivo

Atualmente, os programas de promoção do livro têm sido o ponto forte das bibliotecas públicas brasileiras. Estudo conduzido pela Fundação Pensamento Digital mostra que as ações para preservação de memória e estímulo a escritores também se destacam nos serviços prestados.

O Programa Nacional Biblioteca da Escola (PNBE), por exemplo, fornece, desde 1997, obras de literatura e pesquisa, revistas e periódicos para que toda escola pública tenha uma biblioteca para os seus alunos. Executado pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) em parceria com a Secretaria de Educação Básica do Ministério da Educação (MEC), o programa atende de forma universal e gratuita, em todos os estados do país, escolas públicas da educação básica cadastradas no Censo Escolar.

Plano Nacional do Livro e da Leitura (PNLL)

O Plano Nacional do Livro e da Leitura (PNLL), articulado pelo Ministério da Cultura (MinC) e Ministério da Educação (MEC), é composto por centenas de ações, projetos, programas e políticas governamentais e da sociedade civil. A modernização de bibliotecas é uma das ações em destaque.

A Diretoria de Livro, Leitura, Literatura e Bibliotecas (DLLLB) e o Sistema Nacional de Bibliotecas Públicas (SNBC) são responsáveis por efetivar ações como a implantação, construção e modernização de bibliotecas em parceria com estados e municípios. O Minc é o responsável pela implantação de Pontos de Leitura, bolsas para escritores e os prêmios literários, realizados pela Fundação Biblioteca Nacional (FBN) e pela DLLLB.

Formação de leitores

A formação das capacidades e competências leitoras ainda é um desafio para as escolas brasileiras. Em entrevista ao Portal Brasil, o Diretor de Livro, Leitura, Literatura e Bibliotecas (DLLLB/FBN/Minc), Fabiano dos Santos Piúba, destacou que ir além da leitura funcional e instrumental significa formar leitores autônomos e críticos.

“A leitura tem um papel estratégico nessa agenda toda. Sem dúvidas, estamos avançando nesses últimos 15 anos, mas a dívida social com a leitura é histórica e imensa. É nisso que o governo federal vem trabalhando sem descanso, afinal ainda temos um índice global de analfabetismo funcional tremendo que impacta diretamente na economia e temos ainda um número expressivo de estudantes universitários que são analfabetos funcionais”, destacou.

Para 2014, o governo planeja ações para a qualificação das bibliotecas, com ênfase na formação dos gestores e funcionários, na criação da rede bibliotecas qualificadas em TIC, bem como fomento de ações de programação cultural e de projetos de promoção da leitura, integrando as bibliotecas públicas com as comunidades e famílias.

Saiba mais:

Plano Nacional do Livro e da Leitura

Programa Nacional Biblioteca na Escola

Mapa das bibliotecas públicas municipais

Sistema Nacional de Bibliotecas Públicas

 Quem mais lê no Brasil

Fonte:

Portal Brasil

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Brasília completa 57 anos de história
Inaugurada em 21 de abril de 1960, Brasília foi o primeiro conjunto arquitetônico construído no século XX a ser tombado pela Unesco
Parabéns, Brasília!
Brasília, parabéns pelos seus 57 anos de fundação e pelos 30 anos como Patrimônio Mundial da Unesco!
Pontos de Cultura incentivam produção local
Impulsionar a produção cultural nas comunidades é um dos objetivos do Programa Cultura Viva do Ministério da Cultura, que financia 3.326 Pontos de Cultura espalhados em mais de mil cidades brasileiras
Inaugurada em 21 de abril de 1960, Brasília foi o primeiro conjunto arquitetônico construído no século XX a ser tombado pela Unesco
Brasília completa 57 anos de história
Brasília, parabéns pelos seus 57 anos de fundação e pelos 30 anos como Patrimônio Mundial da Unesco!
Parabéns, Brasília!
Impulsionar a produção cultural nas comunidades é um dos objetivos do Programa Cultura Viva do Ministério da Cultura, que financia 3.326 Pontos de Cultura espalhados em mais de mil cidades brasileiras
Pontos de Cultura incentivam produção local

Últimas imagens

Museu de Zoologia da Universidade de São Paulo oferecerá palestras e oficinas
Museu de Zoologia da Universidade de São Paulo oferecerá palestras e oficinas
Foto: Marcos Santos/USP Imagens
Os projetos inscritos devem ser inéditos e ter duração de 52 minutos
Os projetos inscritos devem ser inéditos e ter duração de 52 minutos
Divulgação/Prefeitura de Fortaleza
Evento é dirigido pelas produtoras Hilda Lopes, Moara Rocha e Lilih Curi. Entrada é franca
Evento é dirigido pelas produtoras Hilda Lopes, Moara Rocha e Lilih Curi. Entrada é franca
Foto: Pedro Ventura/Agência Brasília
As seleções envolvem avaliação curricular, entrevista e averiguação de documentos
As seleções envolvem avaliação curricular, entrevista e averiguação de documentos
Foto: Tomaz Silva/Agência Brasil
Chamada prevê investimentos equivalentes a US$ 300 mil em dois longas-metragens de ficção
Chamada prevê investimentos equivalentes a US$ 300 mil em dois longas-metragens de ficção
Arquivo/EBC

Governo digital