Você está aqui: Página Inicial > Cultura > 2013 > 12 > Comunidades indígenas receberão capacitação digital

Cultura

Comunidades indígenas receberão capacitação digital

Indígenas

Unesco financia, em 2014, oficinas técnicas de produção e distribuição de livro digital que conta a história dos povos indígenas brasileiros
por Portal Brasil publicado: 17/12/2013 10h59 última modificação: 30/07/2014 00h48
Divulgação/Ministério da Cultura Todo ano Unesco abre novo edital para financiamentos de projetos

Todo ano Unesco abre novo edital para financiamentos de projetos

O Fundo Internacional pela Diversidade Cultural da Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura (Unesco) vai financiar, em 2014, um projeto brasileiro de capacitação digital para 16 integrantes de 8 comunidades indígenas. É o projeto Thydêwá , elaborado pela ONG de mesmo nome, que visa a organização de oficinas técnicas de produção e distribuição de um livro digital voltado para a divulgação das culturas indígenas do Brasil.

A seleção do projeto para receber financiamento do fundo da Unesco ocorreu na última semana, durante a reunião anual do Comitê Intergovernamental da Convenção sobre a Proteção e a Promoção da Diversidade das Expressões Culturais, na sede da Unesco, em Paris. O Ministério da Cultura (MinC) foi representado na reunião pela assessora de Assuntos Internacionais da Secretaria da Cidadania e da Diversidade Cultural (SCDC/MinC), Giselle Dupin, integrante da delegação brasileira que acompanhou à reunião.

O Thydêwá foi selecionado junto com outros 9 projetos culturais de fortalecimento e promoção da diversidade cultural, em diferentes países, entre eles a África do Sul, o Peru, o Paraguai e o Zimbabwe. Este é o 2º projeto brasileiro a ser financiado pelo Fundo Internacional pela Diversidade Cultural da Unesco. O primeiro foi o Vídeo nas Aldeia, em 2012. Um projeto de capacitação e produção audiovisual realizado para jovens indígenas.

A instituição proponente vai receber um apoio de U$ 90,950 mil para organizar oficinas dedicadas às técnicas narrativas, à ilustração, à concepção gráfica e a programação de ferramentas digitais a fim de ensinar os participantes a produzirem e distribuírem e-books com histórias e informações sobre a cultura indígena brasileira. Os povos indígenas que integram o projeto são: Kariri-Xocó (AL), Pataxó Hâhãhãe (BA), Pankararu (PE), Tupinambá( BA) Karapotó (AL), Xokó (SE), Pataxó (BA) e Tuxá (BA).

O projeto cultural Thydêwá foi selecionado por ser uma ação que empodera e dá voz aos povos autóctones do Brasil, possibilitando às comunidades indígenas utilizarem a Web como ferramenta de difusão de suas culturas. A ONG brasileira Thydêwá, proponente do projeto, tem sede nas cidades de Salvador e Ilhéus, no estado da Bahia. É uma organização que se dedica à promoção dos direitos dos povos indígenas e da cultura de paz.

Oportunidade

Todo ano a Unesco abre novo edital para financiamentos de projetos de fortalecimento à diversidade cultural os povos. Os editais são divulgados sempre no primeiro semestre. Os interessados em participar devem ficar atentos ao site da Comissão Nacional da Unesco, sediada no Itamaraty.

Fonte:

Ministério da Cultura

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Ancine disponibiliza R$ 10 mi para jogos eletrônicos
Produtores independentes podem inscrever projetos na Agência Nacional de Cinema. Edital disponibiliza R$ 10 milhões
Governo lança programa Identidade Jovem
Lançado nesta terça-feira (6), o programa Identidade Jovem (ID Jovem) dará desconto em shows, espetáculos, eventos esportivos e viagens interestaduais para jovens de baixa renda
Artista celebram o centenário do samba
Em cerimônia de condecoração no Palácio do Planalto, 30 personalidades e seis instituições brasileiras foram agraciados com a Ordem do Mérito Cultural (OMC)
Produtores independentes podem inscrever projetos na Agência Nacional de Cinema. Edital disponibiliza R$ 10 milhões
Ancine disponibiliza R$ 10 mi para jogos eletrônicos
Lançado nesta terça-feira (6), o programa Identidade Jovem (ID Jovem) dará desconto em shows, espetáculos, eventos esportivos e viagens interestaduais para jovens de baixa renda
Governo lança programa Identidade Jovem
Em cerimônia de condecoração no Palácio do Planalto, 30 personalidades e seis instituições brasileiras foram agraciados com a Ordem do Mérito Cultural (OMC)
Artista celebram o centenário do samba

Últimas imagens

Em São Paulo, 19 museus estaduais participam da ação pelo segundo ano
Em São Paulo, 19 museus estaduais participam da ação pelo segundo ano
Divulgação/Governo de São Paulo
Objetivo é criar identidade visual para bens do patrimônio. O prêmio para o trabalho vencedor será de R$ 30 mil
Objetivo é criar identidade visual para bens do patrimônio. O prêmio para o trabalho vencedor será de R$ 30 mil
Foto: Paulino Menezes/Ministério do Turismo
A mostra Grandjean de Montigny e Rio de Janeiro no século XIX abre a agenda de 2017
A mostra Grandjean de Montigny e Rio de Janeiro no século XIX abre a agenda de 2017
Divulgação/MNBA
As regras de participação nos programas não mudaram. A novidade é a inclusão de dois novos eventos
As regras de participação nos programas não mudaram. A novidade é a inclusão de dois novos eventos
Foto: Andre Borges/Governo do Distrito Federal
Ministro da Cultura, Roberto Freire, assegurou que a pasta vai avaliar a questão
Ministro da Cultura, Roberto Freire, assegurou que a pasta vai avaliar a questão
Divulgação/Governo do Rio de Janeiro

Governo digital