Você está aqui: Página Inicial > Cultura > 2016 > 01 > Comissão Nacional de Incentivo à Cultura terá 11 reuniões em 2016

Cultura

Comissão Nacional de Incentivo à Cultura terá 11 reuniões em 2016

Lei Rouanet

A Cnic é responsável por analisar e dar parecer final sobre aprovação de projetos culturais que se candidatam à captação de recursos de renúncia fiscal via Lei Rouanet
publicado: 19/01/2016 20h04 última modificação: 22/01/2016 16h46
Foto: Pref. de Floriano/PI A Cnic analisa projetos culturais que se candidatam à captação de recursos de renúncia fiscal via Lei Rouanet

A Cnic analisa projetos culturais que se candidatam à captação de recursos de renúncia fiscal via Lei Rouanet

A Comissão Nacional de Incentivo à Cultura (Cnic) divulgou a agenda de atividades deste ano, que contempla 11 reuniões ordinárias em 2016. O primeiro encontro será realizado de 26 a 28 de janeiro, em Brasília. Depois a agenda mensal vai se revezar entre a capital federal e encontros itinerantes em cidades de diferentes regiões do país.

A Cnic é responsável por analisar e dar parecer final sobre aprovação de projetos culturais que se candidatam à captação de recursos de renúncia fiscal via Lei Rouanet. O grupo é formado por representantes dos setores artísticos, culturais e empresariais, em paridade da sociedade civil e do poder público, oriundos das cinco regiões brasileiras, representando as áreas das artes cênicas, do audiovisual, da música, das artes visuais, do patrimônio cultural, de humanidades e do empresariado nacional.

A escolha dos integrantes é feita a partir de indicações de entidades representativas e habilitadas por meio de edital público. A composição tem vigência de dois anos, e os 21 integrantes do grupo atual, com mandato do biênio de 2015-2016, iniciam agora o segundo ano de trabalho voluntário.



Desde 2011, as reuniões da Cnic ocorrem também fora de Brasília, promovendo, em paralelo, atividades com a comunidade cultural das localidades, a exemplo do "Fórum de Incentivo à Cultura – O Produtor Cultural e a Lei Federal de Incentivo à Cultura", englobando palestras, debates e oficinas de capacitação.

Além de analisar projetos, os componentes da Cnic ainda visitam projetos incentivados, de forma a interagir e conhecer mais de perto o que está sendo avaliado e fornecer subsídios para futuras análises de projetos similares que possam ser apresentados. 

Fonte: Ministério da Cultura 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Pontos de Cultura incentivam produção local
Impulsionar a produção cultural nas comunidades é um dos objetivos do Programa Cultura Viva do Ministério da Cultura, que financia 3.326 Pontos de Cultura espalhados em mais de mil cidades brasileiras
Maracatu Rural é patrimônio que atravessa gerações
Tombado em 2014, também é conhecido como Maracatu de Baque Solto ou de Orquestra, e é um cortejo carnavalesco típico de Pernambuco
Artesanato brasileiro movimenta R$ 50 bilhões por ano
Governo incentiva setor por meio do Programa do Artesanato Brasileiro (PAB), e valoriza o trabalhador e a empresa artesanal
Impulsionar a produção cultural nas comunidades é um dos objetivos do Programa Cultura Viva do Ministério da Cultura, que financia 3.326 Pontos de Cultura espalhados em mais de mil cidades brasileiras
Pontos de Cultura incentivam produção local
Tombado em 2014, também é conhecido como Maracatu de Baque Solto ou de Orquestra, e é um cortejo carnavalesco típico de Pernambuco
Maracatu Rural é patrimônio que atravessa gerações
Governo incentiva setor por meio do Programa do Artesanato Brasileiro (PAB), e valoriza o trabalhador e a empresa artesanal
Artesanato brasileiro movimenta R$ 50 bilhões por ano

Últimas imagens

Museu de Zoologia da Universidade de São Paulo oferecerá palestras e oficinas
Museu de Zoologia da Universidade de São Paulo oferecerá palestras e oficinas
Foto: Marcos Santos/USP Imagens
Os projetos inscritos devem ser inéditos e ter duração de 52 minutos
Os projetos inscritos devem ser inéditos e ter duração de 52 minutos
Divulgação/Prefeitura de Fortaleza
Evento é dirigido pelas produtoras Hilda Lopes, Moara Rocha e Lilih Curi. Entrada é franca
Evento é dirigido pelas produtoras Hilda Lopes, Moara Rocha e Lilih Curi. Entrada é franca
Foto: Pedro Ventura/Agência Brasília
As seleções envolvem avaliação curricular, entrevista e averiguação de documentos
As seleções envolvem avaliação curricular, entrevista e averiguação de documentos
Foto: Tomaz Silva/Agência Brasil
Chamada prevê investimentos equivalentes a US$ 300 mil em dois longas-metragens de ficção
Chamada prevê investimentos equivalentes a US$ 300 mil em dois longas-metragens de ficção
Arquivo/EBC

Governo digital