Você está aqui: Página Inicial > Cultura > 2016 > 07 > Inscrições abertas para artistas participarem de evento internacional

Cultura

Inscrições abertas para artistas participarem de evento internacional

Micsul

Podem participar profissionais de audiovisual, livro e leitura, música, artes cênicas, videogames e design (incluindo a moda)
por Portal Brasil publicado: 07/07/2016 15h42 última modificação: 07/07/2016 16h22
Janine Moraes/MinC Novo acordo permite que profissionais culturais recebam apoio financeiro para apresentar projetos em evento na Colômbia

Novo acordo permite que profissionais culturais recebam apoio financeiro para apresentar projetos em evento na Colômbia

Empreendedores culturais brasileiros já podem se inscrever na 2ª edição do Mercado de Indústrias Culturais dos Países do Sul (Micsul), evento que será realizado em Bogotá (Colômbia), entre os dias 17 e 20 de outubro deste ano.

O Ministério da Cultura (MinC) e a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil) firmaram um Acordo de Cooperação Técnica (ACT) que permite apoiar participantes brasileiros que desejam expor projetos e trocar experiências com outros países, potencializando a circulação dos produtos, bens e serviços culturais de forma local, regional e global. 

Pelos termos da cooperação, o ministério deverá fomentar a participação de uma delegação integrada por pequenos e médios profissionais culturais – representantes dos seis setores criativos – para pequenas apresentações artísticas, exposições de obras ou comercialização. Caberá à Apex-Brasil promover as exportações nacionais, os investimentos e a internacionalização de empresas públicas e privadas do Brasil.

Está prevista a seleção de 61 profissionais (pessoas físicas), sendo 10 de Artes Cênicas, 10 de Design, 10 de Audiovisual – exceto jogos eletrônicos e animação  10 do Mercado Editorial, 10 de Jogos Eletrônicos (games) e 1 para a realização de desfile de moda.

Como participar

O processo de seleção dos profissionais será realizado em quatro etapas: inscrição, habilitação da documentação enviada, avaliação e seleção dos profissionais e apresentação da documentação complementar.

As inscrições para o recebimento de apoio financeiro estão sendo realizadas exclusivamente por meio do sistema da Apex-Brasil. Elas tiveram início na quarta-feira (6), ao meio-dia, e ficam disponíveis até as 23h59 do dia 4 de agosto (horário de Brasília).

Para habilitação, será necessário entregar portfólio, clipping de mídia, arquivos de áudio e vídeo, links para sites próprios ou outros materiais que atestem o mérito cultural/artístico dos trabalhos a serem apresentados no Micsul.

Pelas regras do edital, não serão aceitas mais de uma inscrição por pessoa física e a candidatura só será efetivada após o envio da proposta, por meio eletrônico, com todos os anexos requeridos.

Micsul

Criado com o intuito de promover intercâmbio de conhecimento, produtos e serviços culturais e criativos, o Micsul é uma iniciativa dos Ministérios da Cultura de doze países da América do Sul, entre os quais Argentina, Bolívia, Brasil, Chile, Colômbia, Equador, Guiana, Suriname, Peru, Paraguai, Uruguai e Venezuela.

Atualmente, o MicSul é o principal encontro regional voltado a mercados culturais e criativos da região, destinado a micro e pequenos empreendedores. O mercado incentiva o consumo e a circulação de bens culturais na América do Sul, além de impulsionar venda e comercialização de bens e serviços.

A expectativa é que, este ano, o evento reúna mais de 3 mil pessoas de 12 países da América do Sul, além de compradores da América do Norte, Europa, Ásia e África. O Brasil sediará a terceira edição do evento, em 2018.

Fonte: Portal Brasil, com informações do MinC

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Iphan preserva mais de 87 conjuntos urbanos tombados
O tombamento tem o objetivo de preservar bens de valor histórico, cultural, arquitetônico e ambiental para a população
ID Jovem garante benefícios a jovens de baixa renda
Jovens de 15 a 29 anos podem baixar aplicativo para ter acesso à meia-entrada em eventos culturais e descontos em viagens
Cais do Valongo é declarado Patrimônio Mundial da Humanidade
O local resgata a história e remete a um dos mais graves crimes contra a humanidade: a escravidão
O tombamento tem o objetivo de preservar bens de valor histórico, cultural, arquitetônico e ambiental para a população
Iphan preserva mais de 87 conjuntos urbanos tombados
Jovens de 15 a 29 anos podem baixar aplicativo para ter acesso à meia-entrada em eventos culturais e descontos em viagens
ID Jovem garante benefícios a jovens de baixa renda
O local resgata a história e remete a um dos mais graves crimes contra a humanidade: a escravidão
Cais do Valongo é declarado Patrimônio Mundial da Humanidade

Governo digital