Você está aqui: Página Inicial > Cultura > 2017 > 03 > Projeto leva ações culturais ao Minha Casa Minha Vida

Cultura

Projeto leva ações culturais ao Minha Casa Minha Vida

Política social

A ideia é integrar as ações culturais com os Centro de Referência da Assistência Social (Cras) já disponíveis no MCMV
por Portal Brasil publicado: 07/03/2017 14h46 última modificação: 07/03/2017 17h29
Foto: Bruno Peres/Ministério das Cidades A iniciativa visa levar ações culturais aos conjuntos habitacionais construídos pelo MCMV

A iniciativa visa levar ações culturais aos conjuntos habitacionais construídos pelo MCMV

O ministro da Cultura, Roberto Freire, apresentou, nesta segunda-feira (6), o projeto Espaço da Gente ao ministro das Cidades, Bruno Araújo. A iniciativa visa levar ações culturais aos conjuntos habitacionais construídos pelo Minha Casa Minha Vida (MCMV).

"O projeto vai unir todo o desenvolvimento educativo e social, pilares do programa, às ações culturais. Nesses ambientes, serão trabalhadas diversas linguagens, como audiovisual, literatura e teatro", adianta Freire.

A ideia é integrar as ações culturais com os Centro de Referência da Assistência Social (Cras) já disponíveis no MCMV. “O ministro Bruno Araújo entendeu que o projeto é uma evolução da política social. Agora, podemos avançar no conceito do CRAS e transformá-lo no Espaço da Gente”, afirma o secretário de Infraestrutura Cultural do Ministério da Cultura, Raimundo Benoni

O Ministério da Cultura deve auxiliar o Ministério das Cidades na construção de uma política interministerial, levando em consideração todas as ações que já estão em andamento.

"Os ministérios devem trabalhar em conjunto pelo bem-estar do cidadão. Vamos consolidar as políticas sociais com esse novo formato que o Brasil precisa, com redução de despesas e otimização das ações de governo", declara o secretário.

Fonte: Portal Brasil, com informações do Ministério da Cultura

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Iphan preserva mais de 87 conjuntos urbanos tombados
O tombamento tem o objetivo de preservar bens de valor histórico, cultural, arquitetônico e ambiental para a população
ID Jovem garante benefícios a jovens de baixa renda
Jovens de 15 a 29 anos podem baixar aplicativo para ter acesso à meia-entrada em eventos culturais e descontos em viagens
Cais do Valongo é declarado Patrimônio Mundial da Humanidade
O local resgata a história e remete a um dos mais graves crimes contra a humanidade: a escravidão
O tombamento tem o objetivo de preservar bens de valor histórico, cultural, arquitetônico e ambiental para a população
Iphan preserva mais de 87 conjuntos urbanos tombados
Jovens de 15 a 29 anos podem baixar aplicativo para ter acesso à meia-entrada em eventos culturais e descontos em viagens
ID Jovem garante benefícios a jovens de baixa renda
O local resgata a história e remete a um dos mais graves crimes contra a humanidade: a escravidão
Cais do Valongo é declarado Patrimônio Mundial da Humanidade

Últimas imagens

No acumulado do ano, aumento foi de 6,25%. Representantes do setor afirmam que crescimento da economia deve manter índices positivos até o fim de 2017
No acumulado do ano, aumento foi de 6,25%. Representantes do setor afirmam que crescimento da economia deve manter índices positivos até o fim de 2017
Foto: Pedro Ventura/Agência Brasília
No acumulado do ano, aumento foi de 6,25%. Representantes do setor afirmam que crescimento da economia deve manter índices positivos até o fim de 2017
No acumulado do ano, aumento foi de 6,25%. Representantes do setor afirmam que crescimento da economia deve manter índices positivos até o fim de 2017
Foto: Pedro Ventura/Agência Brasília
No acumulado do ano, aumento foi de 6,25%. Representantes do setor afirmam que crescimento da economia deve manter índices positivos até o fim de 2017
No acumulado do ano, aumento foi de 6,25%. Representantes do setor afirmam que crescimento da economia deve manter índices positivos até o fim de 2017
Foto: Pedro Ventura/Agência Brasília
No acumulado do ano, aumento foi de 6,25%. Representantes do setor afirmam que crescimento da economia deve manter índices positivos até o fim de 2017
No acumulado do ano, aumento foi de 6,25%. Representantes do setor afirmam que crescimento da economia deve manter índices positivos até o fim de 2017
Foto: Pedro Ventura/Agência Brasília
No acumulado do ano, aumento foi de 6,25%. Representantes do setor afirmam que crescimento da economia deve manter índices positivos até o fim de 2017
No acumulado do ano, aumento foi de 6,25%. Representantes do setor afirmam que crescimento da economia deve manter índices positivos até o fim de 2017
Foto: Pedro Ventura/Agência Brasília

Governo digital