Você está aqui: Página Inicial > Cultura > 2017 > 04 > Inscrições para o Programa Ibero-Americano de Bibliotecas Públicas são prorrogadas

Cultura

Inscrições para o Programa Ibero-Americano de Bibliotecas Públicas são prorrogadas

Fomento

As propostas vencedoras receberão até US$ 18,1 mil, em caso de projeto individual
por Portal Brasil publicado: 18/04/2017 11h24 última modificação: 18/04/2017 12h55

O prazo para se inscrever na 6ª edição do Concurso de Ajudas do Programa Ibero-Americano de Bibliotecas Públicas (Iberbibliotecas) foi prorrogado. Diante disso, os interessados devem se candidatar até a próxima sexta-feira (21).

A participação é aberta para bibliotecas públicas e comunitárias dos países e cidades membros do programa, sendo eles: Brasil, Chile, Colômbia, Costa Rica, Espanha, México, Paraguai e as cidades de Buenos Aires (Argentina) e Medellín (Colômbia). A iniciativa visa consolidar as bibliotecas públicas como espaços de livre acesso à informação e à leitura, trabalhar pela inclusão social e contribuir para a qualificação da educação e do desenvolvimento. 

Também podem se inscrever associações, redes e sistemas de bibliotecas públicas dessas localidades, além de organizações públicas e privadas que prestem serviços de biblioteca pública nesses países e cidades.

As propostas vencedoras receberão até US$ 18,1 mil, em caso de projeto individual, ou até US$ 36,2 mil se forem em nome de dois ou mais países integrantes do Iberbibliotecas. O valor total a ser investido é de US$ 181 mil.

Os beneficiados deverão contribuir com uma contrapartida mínima ou porcentagem de financiamento próprio, correspondente a 20% do total do projeto.

Inscrições

As inscrições podem ser feitas em espanhol ou português e devem ser enviadas pelo e-mail iberbibliotecas@cerlalc.org, com o assunto "Concurso de Ajudas 2017".

O e-mail deve conter os seguintes documentos: formulário de inscrição; formulário de orçamento em dólares e moeda local; calendário das atividades do projeto em uma tabela do Excel ou PDF; e anexos (máximo três) que demonstrem o desenvolvimento do projeto  somente para aqueles que já estão em execução.

Fonte: Portal Brasil, com informações do MinC

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Brasília completa 57 anos de história
Inaugurada em 21 de abril de 1960, Brasília foi o primeiro conjunto arquitetônico construído no século XX a ser tombado pela Unesco
Parabéns, Brasília!
Brasília, parabéns pelos seus 57 anos de fundação e pelos 30 anos como Patrimônio Mundial da Unesco!
Pontos de Cultura incentivam produção local
Impulsionar a produção cultural nas comunidades é um dos objetivos do Programa Cultura Viva do Ministério da Cultura, que financia 3.326 Pontos de Cultura espalhados em mais de mil cidades brasileiras
Inaugurada em 21 de abril de 1960, Brasília foi o primeiro conjunto arquitetônico construído no século XX a ser tombado pela Unesco
Brasília completa 57 anos de história
Brasília, parabéns pelos seus 57 anos de fundação e pelos 30 anos como Patrimônio Mundial da Unesco!
Parabéns, Brasília!
Impulsionar a produção cultural nas comunidades é um dos objetivos do Programa Cultura Viva do Ministério da Cultura, que financia 3.326 Pontos de Cultura espalhados em mais de mil cidades brasileiras
Pontos de Cultura incentivam produção local

Últimas imagens

No ano passado, foram patrocinados pelo banco 50 projetos culturais
No ano passado, foram patrocinados pelo banco 50 projetos culturais
Leon Rodrigues/Prefeitura de São Paulo (SP)
A primeira etapa da reforma será a restauração da Sala Martins Pena e todas as demolições necessárias
A primeira etapa da reforma será a restauração da Sala Martins Pena e todas as demolições necessárias
Foto: Andre Borges/Agência Brasília
Serão aceitos curtas-metragens de ficção, animação e documentário, com no máximo 20 minutos de duração
Serão aceitos curtas-metragens de ficção, animação e documentário, com no máximo 20 minutos de duração
Foto: Pedro Ventura/Agência Brasília
Desde 2010, os dois países possuem acordo de coprodução para obras destinadas a veiculação em cinema
Desde 2010, os dois países possuem acordo de coprodução para obras destinadas a veiculação em cinema
Foto: Marcos Santos/USP Imagens

Governo digital