Você está aqui: Página Inicial > Cultura > 2017 > 05 > BNDES abre inscrições para patrocínio de projetos culturais

Cidadania e Justiça

BNDES abre inscrições para patrocínio de projetos culturais

Eventos

Ações são direcionadas a festivais e mostras de cinemas, feiras e espetáculos musicais; banco disponibiliza até R$ 12 mi para patrocínio
por Portal Brasil publicado: 18/05/2017 19h44 última modificação: 22/05/2017 20h24
Leon Rodrigues/Prefeitura de São Paulo (SP) No ano passado, foram patrocinados pelo banco 50 projetos culturais

No ano passado, foram patrocinados pelo banco 50 projetos culturais

Inscrições de projetos culturais nas áreas de audiovisual, música e literatura podem ser enviadas até 6 de junho ao Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). O resultado do processo será divulgado em julho, no portal da instituição.

O banco oferece recursos de até R$ 12 milhões para o patrocínio de eventos que comecem entre 1º de agosto e 30 de dezembro deste ano. 

As ações de patrocínio são direcionadas a festivais e mostras de cinemas, feiras e espetáculos musicais – principalmente de música clássica e instrumental – e feiras, festas e eventos literários que divulguem a produção brasileira.

Patrocínio cultural

O projeto Patrocínio Cultural BNDES 2017 traz inovações em comparação aos anos anteriores. Uma delas a exigência de que todos os projetos promovam ações inclusivas direcionadas ao público infantojuvenil de comunidades carentes.

No caso da literatura, os eventos devem incentivar o acesso às bibliotecas públicas. Já as propostas de música e audiovisual devem ter, pelo menos, duas edições anteriores, e incluir músicas instrumental e erudita. Também serão aceitas propostas de festivais e mostras de cinema que divulguem a produção audiovisual brasileira.

No ano passado, foram patrocinados pelo banco 50 projetos culturais de todas as regiões brasileiras.

Fonte: Portal Brasil, com informações da Agência Brasil

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Obras de Oscar Niemeyer são símbolos da arte brasileira
Espalhadas por todo o país, elas são protegidas pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan)
Brasília completa 57 anos de história
Inaugurada em 21 de abril de 1960, Brasília foi o primeiro conjunto arquitetônico construído no século XX a ser tombado pela Unesco
Parabéns, Brasília!
Brasília, parabéns pelos seus 57 anos de fundação e pelos 30 anos como Patrimônio Mundial da Unesco!
Espalhadas por todo o país, elas são protegidas pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan)
Obras de Oscar Niemeyer são símbolos da arte brasileira
Inaugurada em 21 de abril de 1960, Brasília foi o primeiro conjunto arquitetônico construído no século XX a ser tombado pela Unesco
Brasília completa 57 anos de história
Brasília, parabéns pelos seus 57 anos de fundação e pelos 30 anos como Patrimônio Mundial da Unesco!
Parabéns, Brasília!

Últimas imagens

O Prêmio tem o objetivo de incentivar a leitura e, sobretudo, o conhecimento da obra do poeta maranhense
O Prêmio tem o objetivo de incentivar a leitura e, sobretudo, o conhecimento da obra do poeta maranhense
Foto: Elza Lima/Governo do Pará
O arquipélago Fernando de Noronha é formado por 21 ilhas, com extensão de 26 quilômetros quadrados
O arquipélago Fernando de Noronha é formado por 21 ilhas, com extensão de 26 quilômetros quadrados
Divulgação/Embratur
Nos últimos 10 anos, Secretaria do Audiovisual contemplou 38 filmes de baixo orçamento em seis editais
Nos últimos 10 anos, Secretaria do Audiovisual contemplou 38 filmes de baixo orçamento em seis editais
Foto: Marcos Santos/USP Imagens
Podem ser inscritos projetos de ficção, documentário ou animação
Podem ser inscritos projetos de ficção, documentário ou animação
Divulgação/Prefeitura de Belo Horizonte
O Prêmio Camões consagra autores que enriquecem o patrimônio literário da língua portuguesa
O Prêmio Camões consagra autores que enriquecem o patrimônio literário da língua portuguesa
Divulgação/ manuelalegre.com

Governo digital