Você está aqui: Página Inicial > Defesa e Segurança > 2009 > 12 > Saiba como retirar a Certidão de Antecedentes Criminais

Defesa e Segurança

Saiba como retirar a Certidão de Antecedentes Criminais

Documentação

Informe-se sobre o documento que atesta os registros criminais do cidadão
por Portal Brasil publicado: 30/10/2009 13h35 última modificação: 14/05/2014 16h10

 O que é?

A Certidão de Antecedentes Criminais é um documento que informa se o cidadão possui registros criminais.

Onde deve ser feito?

Pela internet, no site da Polícia Federal, ou em um posto de atendimento do instituto de identificação.

Quando deve ser retirado?

A certidão deve ser apresentada, por exemplo, por pessoas aprovadas em concurso público que vão assumir o cargo. Ela tem validade de 90 dias, a partir da data de emissão. Por isso, depois desse prazo, é necessário emitir uma nova certidão.

Quem pode tirar?

O interessado pode solicitar pessoalmente. Pela internet, a certidão pode ser retirada por qualquer cidadão que forneça os dados do interessado, requisitados no site.

Quanto custa?

A emissão pela internet é gratuita. Quando solicitada em um posto de atendimento do instituto de identificação, pode haver cobrança de taxas.

Como deve ser feito?

Se for emitida através do site da Polícia Federal, a autenticidade deverá ser confirmada no mesmo endereço eletrônico. Se a solicitação for feita em um posto de atendimento do instituto de identificação do estado, o interessado deve levar original e cópia da Carteira de Identidade (RG) e da Certidão de Casamento, se for o caso.

Fonte:
Polícia Federal 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

FAB garante transporte de órgãos para salvar vidas
Decreto de junho de 2016 determina que uma aeronave da Força Aérea Brasileira esteja sempre à disposição para transporte de órgãos
Governo investe R$ 470 milhões no monitoramento de fronteiras
Ministro da Defesa anunciou que investimentos do Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteira (Sisfron) serão dobrados em 2017
Ministro defende Sisfron para combate às drogas e ao contrabando
No Mato Grosso do Sul, o Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras cobre uma faixa de 600 km da fronteira com o Paraguai
Decreto de junho de 2016 determina que uma aeronave da Força Aérea Brasileira esteja sempre à disposição para transporte de órgãos
FAB garante transporte de órgãos para salvar vidas
Ministro da Defesa anunciou que investimentos do Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteira (Sisfron) serão dobrados em 2017
Governo investe R$ 470 milhões no monitoramento de fronteiras
No Mato Grosso do Sul, o Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras cobre uma faixa de 600 km da fronteira com o Paraguai
Ministro defende Sisfron para combate às drogas e ao contrabando

Governo digital