Você está aqui: Página Inicial > Defesa e Segurança > 2011 > 04 > Respeito à diversidade entre os povos é fundamental para segurança internacional, diz Jobim

Defesa e Segurança

Respeito à diversidade entre os povos é fundamental para segurança internacional, diz Jobim

por Portal Brasil publicado: 25/04/2011 17h33 última modificação: 28/07/2014 14h37

O consenso entre países e o respeito à diversidade dos povos são pontos fundamentais para a segurança internacional na opinião do ministro da Defesa Nelson Jobim. Durante aula magna ministrada nesta segunda-feira (25), na Universidade Cândido Mendes, no Rio de Janeiro, Jobim reafirmou que o Brasil vem se empenhando no diálogo, principalmente entre os dirigentes de países da América Latina, para a construção de um sistema integrado de segurança.

O ministro lembrou que o diálogo com autoridades dos países vizinhos foi iniciado durante o governo anterior e que, agora, “o caminho é a formação de um consenso multipolar para a segurança internacional”.

Jobim destacou alguns erros que considera históricos na esfera da segurança global, como a intervenção dos Estados Unidos no Afeganistão e Iraque. Segundo o ministro, esses processos refletem a tendência de alguns países que tentam impor uma concepção unipolar do mundo ocidental nas estratégias globais.

“Existe uma tendência ocidental da maximização de seus valores ocidentais e absolutos e na verdade você tem que contrabalançar isso com determinadas correntes e culturas distintas das nossas”, defendeu Jobim.

Para o ministro, a construção de uma estratégia no continente, além de refletir na segurança global, também pode impulsionar o esforço que o governo brasileiro vem fazendo para conquistar uma vaga no Conselho de Segurança das Nações Unidas. “É um dos meios e é um discurso que está crescendo. Mas essas coisas não se dão de um momento para outro. É a construção de um processo”, disse Jobim.

 

Fonte:
Agência Brasil

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

FAB garante transporte de órgãos para salvar vidas
Decreto de junho de 2016 determina que uma aeronave da Força Aérea Brasileira esteja sempre à disposição para transporte de órgãos
Governo investe R$ 470 milhões no monitoramento de fronteiras
Ministro da Defesa anunciou que investimentos do Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteira (Sisfron) serão dobrados em 2017
Ministro defende Sisfron para combate às drogas e ao contrabando
No Mato Grosso do Sul, o Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras cobre uma faixa de 600 km da fronteira com o Paraguai
Decreto de junho de 2016 determina que uma aeronave da Força Aérea Brasileira esteja sempre à disposição para transporte de órgãos
FAB garante transporte de órgãos para salvar vidas
Ministro da Defesa anunciou que investimentos do Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteira (Sisfron) serão dobrados em 2017
Governo investe R$ 470 milhões no monitoramento de fronteiras
No Mato Grosso do Sul, o Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras cobre uma faixa de 600 km da fronteira com o Paraguai
Ministro defende Sisfron para combate às drogas e ao contrabando

Governo digital