Você está aqui: Página Inicial > Economia e Emprego > 2010 > 08 > Fiscalização suspende venda de carne de frango de três empresas

Geral

Fiscalização suspende venda de carne de frango de três empresas

por Portal Brasil publicado: 04/08/2010 19h47 última modificação: 28/07/2014 09h26

As empresas Rigor Alimentos Ltda, de São Paulo, Copacol – Cooperativa Agroindustrial Consolata, do Paraná, e BRF Brasil Foods, de Santa Catarina, estão impedidas de comercializar carnes de ave in natura congeladas e resfriadas. A Fiscalização do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) constatou que os produtos tinham água acima do permitido pela legislação. Esses estabelecimentos foram submetidos ao Regime Especial de Fiscalização, que determina análise de todo o estoque antes da liberação para o comércio. Este ano, oito empresas já foram incluídas nesse regime.
 
Os fiscais do ministério recolheram as amostras no comércio varejista de todo o País, para avaliação da quantidade de água resultante do descongelamento. A Portaria Nº 210/1998 delimita que carcaças e cortes de aves podem ter até 6% de água depois de descongeladas.
 
Segundo o Mapa, as empresas infratoras ficarão sob o Regime Especial de Fiscalização até que comprovem a correção da irregularidade. Isso é feito por meio da revisão dos seus programas de autocontrole e da apresentação das análises de três lotes com os padrões previstos em lei.
 
Se o consumidor detectar excesso de água na carne de ave congelada, pode denunciar a irregularidade na Ouvidoria do Ministério da Agricultura (0800 7041995).
 
Números
 
O Ministério da Agricultura recolhe, por ano, mais de mil amostras para analisar o percentual de água em carcaças de aves e em produtos vendidos no comércio e produzidos nas empresas. Quando são detectadas irregularidades, os estabelecimentos, além de autuados e multados, podem passar pelo Regime Especial de Fiscalização. Desde 2007, 34 empresas já foram submetidas a esse regime.
 
 

Fonte:
Ministério da Agricultura
Agência Brasil

 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Governo prorroga para 14 de novembro o prazo de adesão ao Refis
O governo prorrogou o prazo para pessoas físicas e jurídicas quitarem as dívidas com a união. Agora, o Refis está valendo até 14 de novembro
O governo prorrogou o prazo para pessoas físicas e jurídicas quitarem as dívidas com a união. Agora, o Refis está valendo até 14 de novembro
Governo prorroga para 14 de novembro o prazo de adesão ao Refis

Últimas imagens

Ministro Dyogo Oliveira defendeu aprovação da reforma da Previdência para evitar danos ao País
Ministro Dyogo Oliveira defendeu aprovação da reforma da Previdência para evitar danos ao País
Valter Campanato/Agência Brasil
Alta na massa salarial é explicada por melhora no mercado de trabalho, que vem empregando mais neste ano
Alta na massa salarial é explicada por melhora no mercado de trabalho, que vem empregando mais neste ano
Marcos Santos/USP Imagens
Ministro do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão anunciou mais uma liberação de recursos orçamentários
Ministro do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão anunciou mais uma liberação de recursos orçamentários
Gleice Mere/MP
Neste ano, a balança comercial vem registrando recordes seguidos
Neste ano, a balança comercial vem registrando recordes seguidos
Arquivo EBC

Governo digital