Você está aqui: Página Inicial > Economia e Emprego > 2010 > 08 > Inflação pelo IGP-DI diminuiu em julho, diz FGV

Geral

Inflação pelo IGP-DI diminuiu em julho, diz FGV

por Portal Brasil publicado: 05/08/2010 19h33 última modificação: 28/07/2014 09h26

A inflação medida pelo Índice Geral de Preços – Disponibilidade Interna (IGP-DI), da Fundação Getulio Vargas (FGV), diminuiu em julho, em relação à taxa do mês anterior. Segundo os dados divulgados nesta quinta-feira (5) pela FGV, o IGP-DI de julho foi de 0,22%, ante 0,34% em junho.

O indicador têm três componentes: o Índice de Preços ao Produtor Amplo (IPA), o Índice de Preços ao Consumidor (IPC) e o Índice Nacional de Custo da Construção (INCC).

De acordo com a FGV, os preços ao produtor amplo (IPA) apresentaram uma inflação de 0,34% em julho, resultado 0,09 % inferior ao de junho (0,43%). Os principais responsáveis pela redução foram os alimentos in natura, que tiveram queda nos preços de 6,46%, ante 0,99%, e os materiais e componentes para construção, com 0,08%, contra uma taxa de 1,09% em junho.

O custo da construção (INCC) também ficou menor em julho, com uma taxa de 0,44%, abaixo do resultado do mês anterior (1,09%). Os três grupos componentes do índice apresentaram reduções nas taxas de variação: materiais e equipamentos, de 0,94% para 0,43%; serviços, de 0,71% para 0,42%; e mão de obra, de 1,30% para 0,46%.

Já os preços ao consumidor (IPC) mantiveram a variação nos dois meses, uma deflação de 0,21%, apesar das quedas nos setores de vestuário (de 0,71% para -0,70%), educação, leitura e recreação (de 0,01% para -0,10%), habitação (de 0,29% para 0,23%) e saúde e cuidados pessoais (de 0,46% para 0,42%).

Os destaques dos preços ao consumidor foram as reduções nos seguintes itens: roupas (de 0,78% para -0,82%), passagem aérea (de 4,09% para -7,09%), mobiliário (de 0,77% para -0,29%) e dentista (de 0,78% para -0,52%).



Fonte:
Agência Brasil

 

Saiba mais sobre economia brasileira no Portal Brasil.

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Análise de carnes recolhidas não indica riscos à saúde humana
Ministério da Agricultura já recolheu 174 amostras de carnes nos 21 frigoríficos que estão sob investigação da Operação Carne Fraca. Nas análises feitas foram descartados riscos à saúde
Ministério da Agricultura já recolheu 174 amostras de carnes nos 21 frigoríficos que estão sob investigação da Operação Carne Fraca. Nas análises feitas foram descartados riscos à saúde
Análise de carnes recolhidas não indica riscos à saúde humana

Últimas imagens

Segundo Nogueira, reforma deve pacificar  relações trabalhistas
Segundo Nogueira, reforma deve pacificar relações trabalhistas
Arquivo/Agência Brasil
Ministério da Agricultura intensificou a fiscalização, mas não encontrou riscos à saúde dos consumidores
Ministério da Agricultura intensificou a fiscalização, mas não encontrou riscos à saúde dos consumidores
José Cruz/Agência Brasil
Indicador atinge maior nível em dois anos e registra queda no custo do setor
Indicador atinge maior nível em dois anos e registra queda no custo do setor
Tomaz Silva/Agência Brasil/
IRPF 2017 ..jpeg
Governo da BA

Governo digital