Você está aqui: Página Inicial > Economia e Emprego > 2010 > 09 > Exportações pela rede postal atingem US$ 21 milhões em agosto

Geral

Exportações pela rede postal atingem US$ 21 milhões em agosto

publicado: 08/09/2010 19h08 última modificação: 28/07/2014 09h28
Divulgação/Ministério das Cidades As vendas externas no oitavo mês do ano cresceram 43% em relação a agosto de 2009

As vendas externas no oitavo mês do ano cresceram 43% em relação a agosto de 2009

Em agosto, as vendas externas alcançaram a marca de US$ 21 milhões pelo sistema simplificado de envio de remessas ao exterior. Isso significa um aumento de 43% em relação ao mesmo período de 2009. Os dados, divulgados nesta quarta-feira (8) pelo Ministério das Cidades, incluem as exportações feitas por meio da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT) e de operadores privados.


No acumulado de 2010, as exportações pela rede postal já chegaram a US$ 172 milhões, o que representa 94% do volume remetido ao exterior em todo o ano passado. Foram 812 tipos diferentes de mercadorias, enviadas principalmente para os Estados Unidos (destino de 24,09% dos produtos), Argentina (7,77%) e México (5,20%).


Apesar do bom desempenho no oitavo mês do ano, as vendas via postal em agosto registraram redução quando comparadas a julho do mesmo ano. A queda foi de 7,9% no total exportado. Mas, de acordo com a área técnica da Subsecretaria de Serviços Postais do Ministério das Comunicações, a redução é sazonal, normal para esta época do ano.


Exporta Fácil

As exportações simplificadas beneficiam principalmente micro e pequenos empresários. Nos Correios, o instrumento mais importante para a remessa de mercadorias para fora do País é o Exporta Fácil. O programa eliminou a necessidade de contratação de despachantes e empresas de transporte para remeter as mercadorias para fora do Brasil. O empresário tem apenas que levar até uma agência dos Correios as notas fiscais (nacional e internacional) e o formulário de exportação preenchido para que os produtos sejam enviados para o mercado externo.
 

Com a redução da burocracia, também houve diminuição dos custos de embarque. De acordo com analistas da ECT, em relação ao regime comum de exportações, o Exporta Fácil reduz em 82% os custos para os empresários.

Fonte:
Ministério das Cidades

 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Programa vai promover exportação de indústrias brasileiras
Indústrias de 18 estados interessadas em atuar no comércio exterior têm até 15 de setembro para se inscreverem no programa Rota Global. A iniciativa oferece consultoria gratuita para empresas de todos os portes e setores industriais se consolidarem ou começarem a operação no mercado internacional
Indústrias de 18 estados interessadas em atuar no comércio exterior têm até 15 de setembro para se inscreverem no programa Rota Global. A iniciativa oferece consultoria gratuita para empresas de todos os portes e setores industriais se consolidarem ou começarem a operação no mercado internacional
Programa vai promover exportação de indústrias brasileiras

Últimas imagens

Preço caiu nas principais centrais do País
Preço caiu nas principais centrais do País
Clauduardo Abade/Conab
Proposta não busca identificar os atuais estoques de moeda física de pessoas físicas e jurídicas
Proposta não busca identificar os atuais estoques de moeda física de pessoas físicas e jurídicas
Arquivo/Agência Brasil
Relatório da Anac acompanha as tarifas aéreas vendidas ao público adulto
Relatório da Anac acompanha as tarifas aéreas vendidas ao público adulto
Arquivo/Agência Brasil
O empregador deve depositar 8% do salário pago no mês anterior
O empregador deve depositar 8% do salário pago no mês anterior
Arquivo/ Agência Brasil
Demanda por crédito cresceu em agosto
Demanda por crédito cresceu em agosto
Marcos Santos/USP Imagens

Governo digital