Você está aqui: Página Inicial > Economia e Emprego > 2010 > 10 > Rio Grande do Norte deve imunizar 906 mil animais contra aftosa

Geral

Rio Grande do Norte deve imunizar 906 mil animais contra aftosa

publicado: 01/10/2010 19h55 última modificação: 28/07/2014 09h29

A partir desta sexta (1°), agricultores do Rio Grande do Norte deverão imunizar contra a febre aftosa 906 mil bovinos e bufálos distribuídos em 35,7 mil propriedades rurais. O lançamento oficial da campanha de vacinação será na próxima quarta-feira (6), no Parque de Exposições Aristófanes Fernandes, em Parnamirim (RN).

“Vamos intensificar as ações nos municípios que não alcançaram o percentual de 80% na última etapa, realizada em abril deste ano. O objetivo é ampliar a classificação de risco médio para livre da doença com vacinação”, explica Eleu Pereira, responsável pela erradicação e prevenção da febre aftosa da Superintendência Federal de Agricultura no Rio Grande do Norte.

Na primeira etapa da campanha de 2010, a média de vacinação no estado foi de 90,5%. Nesta segunda fase, os produtores deverão imunizar o rebanho até o dia 31 de outubro, e entregar a declaração da vacina até 15 de novembro. Para isso, precisarão ir a uma das 12 Unidades Veterinárias Locais (UVLs) ou a um dos 150 escritórios de atendimento comunitário.

Além do Rio Grande do Norte, iniciam a campanha de vacinação contra a febre aftosa, em outubro, os estados da Paraíba, Pernambuco, Roraima, Rondônia e a Zona de Alta Vigilância (ZAV) de Mato Grosso do Sul (faixa de 15 km na fronteira com o Paraguai e a Bolívia). 

Fonte: Ministério da Agricultura

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

CNH terá código digital para evitar fraudes
Documentos emitidos a partir de 1º de maio já possuem este elemento de autenticação
Documentos emitidos a partir de 1º de maio já possuem este elemento de autenticação
CNH terá código digital para evitar fraudes

Últimas imagens

 Não há casos de contágio da doença em humanos, nem risco à saúde pública
Não há casos de contágio da doença em humanos, nem risco à saúde pública
Sílvio Ávila/Ministério da Agricultura
Ao comentar a decisão da agência de risco, Ministério da Fazenda avaliou como fundamental a aprovação da reforma da Previdência
Ao comentar a decisão da agência de risco, Ministério da Fazenda avaliou como fundamental a aprovação da reforma da Previdência
Rovena Rosa/Agência Brasil
Em meses de mais chuvas, a bandeira tarifária fica verde, sem custo extra nas tarifas de energia
Em meses de mais chuvas, a bandeira tarifária fica verde, sem custo extra nas tarifas de energia
Arquivo EBC
Com investimento de R$ 36 milhões, mais de duas mil pessoas devem ser beneficiadas com os residenciais
Com investimento de R$ 36 milhões, mais de duas mil pessoas devem ser beneficiadas com os residenciais
Arquivo/Agência Brasil
Na visão de Meirelles, a população já tomou consciência da aprovação das reformas em tramitação no Congresso
Na visão de Meirelles, a população já tomou consciência da aprovação das reformas em tramitação no Congresso
Antonio Cruz/Agência Brasil

Governo digital