Você está aqui: Página Inicial > Economia e Emprego > 2011 > 03 > Receita libera consulta a 3º lote de restituições do Imposto de Renda de 2008, 2009 e 2010

Economia e Emprego

Receita libera consulta a 3º lote de restituições do Imposto de Renda de 2008, 2009 e 2010

por Portal Brasil publicado: 09/03/2011 18h22 última modificação: 28/07/2014 14h14

A Receita Federal do Brasil liberou nesta quarta-feira (9), às 14 horas, consulta ao 3º lote residual multiexercício do Imposto de Renda da Pessoa Física — exercícios 2010, 2009 e 2008.

No dia 15 de março de 2011 serão creditadas, simultaneamente, as restituições referentes aos lotes residuais dos exercícios de 2010 (ano calendário de 2009) de 2009 (ano calendário de 2008) e 2008 (ano calendário de 2007), mediante depósito bancário, para um total de 40.017 contribuintes, totalizando R$ 100 milhões.

Para o exercício de 2010, serão creditadas restituições para um total de 24.295 contribuintes com imposto a restituir, totalizando um montante de R$ 65.119.082,63 já acrescidos da taxa Selic de 9,39 % (maio de 2010 a março de 2011). 

Desse montante, 4.943 contribuintes referem-se aos contribuintes de que trata a Lei nº 10.741, de 1º de outubro de 2003 (Estatuto do Idoso), totalizando R$ 22.934.005,48.

No lote residual do exercício de 2009, serão creditadas restituições para um total de 10.134 contribuintes com imposto a restituir, totalizando um montante de R$ 21.873.695,50, já atualizados pela taxa Selic de 17,85 %, (período de maio de 2009 a março de 2011).

Já para o lote residual de 2008, serão creditadas restituições para um total de 5.588 contribuintes com imposto a restituir, totalizando um montante de R$ 13.007.221,87 já atualizados pela taxa Selic de 29,92 %, (período de maio de 2008 a março de 2011).

Para saber se teve a declaração liberada, o contribuinte deverá acessar a página da Receita na Internet, ou ligar para o Receitafone 146.

Caso o valor não seja creditado, o contribuinte poderá contatar pessoalmente qualquer agência do BB ou ligar para a Central de Atendimento através do telefone 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (deficientes auditivos), para agendar o crédito em conta-corrente ou poupança, em seu nome, em qualquer banco.


Fonte:
Receita Federal

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Nova meta fiscal prevê economia de R$74 bilhões a mais que planejamento anterior
Presidente interino, Michel Temer, entrega nova meta fiscal para o Senado Federal, nesta segunda (23)
Cresce número de cervejarias registradas no País
Entre o início de abril e a primeira quinzena de maio, o número de cervejarias no país, registradas no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento,​ passou de 320 para 397
Dilma participa da abertura da colheita em Eldorado do Sul
Presidenta também inaugurou a unidade de secagem e armazenagem de arroz da Cooperativa dos Trabalhadores Assentados de Porto Alegre
Presidente interino, Michel Temer, entrega nova meta fiscal para o Senado Federal, nesta segunda (23)
Nova meta fiscal prevê economia de R$74 bilhões a mais que planejamento anterior
Entre o início de abril e a primeira quinzena de maio, o número de cervejarias no país, registradas no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento,​ passou de 320 para 397
Cresce número de cervejarias registradas no País
Presidenta também inaugurou a unidade de secagem e armazenagem de arroz da Cooperativa dos Trabalhadores Assentados de Porto Alegre
Dilma participa da abertura da colheita em Eldorado do Sul

Últimas imagens

Microempreendedor está enquadrado no Simples Nacional e fica isento de tributos federais
Microempreendedor está enquadrado no Simples Nacional e fica isento de tributos federais
Divulgação/EBC
Serão oferecidos mais de 75 mil imóveis, novos e usados
Serão oferecidos mais de 75 mil imóveis, novos e usados
Divulgação/Agência Brasil
Ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, durante entrevista coletiva à imprensa nesta terça-feira (24)
Ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, durante entrevista coletiva à imprensa nesta terça-feira (24)
Foto: Agência Brasil

Governo digital