Você está aqui: Página Inicial > Economia e Emprego > 2012 > 03 > Setor produtivo espera crescimento econômico de 3,5% em 2012

Economia e Emprego

Setor produtivo espera crescimento econômico de 3,5% em 2012

por Portal Brasil publicado: 19/03/2012 17h44 última modificação: 28/07/2014 17h01

O Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) ouviu 44 entidades ligadas ao setor produtivo que projetaram crescimento de 3,5% do Produto Interno Bruto (PIB) este ano. O número faz parte do Sensor Econômico, divulgado nesta segunda-feira (19), em São Paulo. A previsão é menor do que a estimativa do governo, que era de expansão da economia em torno de 4,5%.

A pesquisa apontou expectativa de criação de 1,9 milhão de empregos em 2012, que ficou próxima à previsão do governo federal, de expansão de dois milhões de empregos.

Com relação à inflação, a previsão aponta para 5,3% no fechamento deste ano, ainda acima, portanto, do centro da meta, 4,5%, de inflação do governo para este ano, mas dentro da faixa de variação de 2 pontos percentuais admitida pela política de metas inflacionárias.

Para a taxa básica de juros (Selic), os agentes do setor produtivo preveem que há espaço para, ao menos, mais uma queda por parte do Banco Central. Atualmente em 9,75% ao ano, a expectativa dos entrevistados pelo Ipea é que feche 2012 em 9,5% ao ano.

Com relação às exportações, a estimativa medida pelo Sensor Econômico coincide com a meta anunciada pelo governo federal: US$ 264 bilhões. Já para as importações, a projeção é chegar a US$ 244 bilhões.

A pesquisa apurou ainda que os agentes do setor produtivo trabalham com a hipótese de o dólar fechar o ano cotado a R$ 1,75.

Fonte:
Agência Brasil

 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Fundos Regionais receberão R$ 28 bilhões em 2017
O Ministério da Integração Nacional irá apoiar o setor privado com a maior oferta da história para os Fundos Regionais para o desenvolvimento, R$ 117 bilhões ao longo dos próximos 4 anos
Tutorial: Como consultar o Abono Salarial (ano-base 2014)
O prazo para sacar o benefício (ano-base 2014) vai até 31 de agosto
Linha de crédito beneficia agricultores familiares
Agricultores familiares podem contar com linhas de crédito do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf) para modernizar e subsidiar custeio da produção.
O Ministério da Integração Nacional irá apoiar o setor privado com a maior oferta da história para os Fundos Regionais para o desenvolvimento, R$ 117 bilhões ao longo dos próximos 4 anos
Fundos Regionais receberão R$ 28 bilhões em 2017
O prazo para sacar o benefício (ano-base 2014) vai até 31 de agosto
Tutorial: Como consultar o Abono Salarial (ano-base 2014)
Agricultores familiares podem contar com linhas de crédito do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf) para modernizar e subsidiar custeio da produção.
Linha de crédito beneficia agricultores familiares

Últimas imagens

Presidente do Banco Mundial, Jim Yong Kim, durante viagem à China, em julho
Presidente do Banco Mundial, Jim Yong Kim, durante viagem à China, em julho
Wu Zhiyi /World Bank
A comercialização do produto foi autorizada pelo Conselho Interministerial de Estoques Públicos (CIEP)
A comercialização do produto foi autorizada pelo Conselho Interministerial de Estoques Públicos (CIEP)
Foto: Marcos Santos / USP Imagens
Custos com nutrição para os frangos de corte teve queda de 6,72%
Custos com nutrição para os frangos de corte teve queda de 6,72%
Divulgação/Agência Brasil
Empresários estão mais otimistas com a situação atual e com o futuro
Empresários estão mais otimistas com a situação atual e com o futuro
Marcos Santos/USP Imagens
Prazo para o saque do benefício foi prorrogado e vai até 31 de agosto.
Prazo para o saque do benefício foi prorrogado e vai até 31 de agosto.
Divulgação/Agência Brasil

Governo digital