Economia e Emprego

Reajuste

Ministério divulga nova tabela do Seguro-Desemprego

Valor máximo da parcela do benefício alcança, em 2015, R$ 1.385,91. Menor pagamento não deve ser inferior ao Salário Mínimo Atual
publicado: 13/01/2015 14h20, última modificação: 22/12/2017 15h44

O Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) divulgou a tabela do seguro-desemprego que passou a vigorar a partir do dia 11 de janeiro, com base no novo salário mínimo no valor de R$ 788,00. 

O reajuste segue as recomendações da Resolução do Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador (Codefat) Nº 707, de 10 de janeiro de 2013.

De acordo com a Resolução, a partir de 2013 os reajustes das faixas salariais acima do salário mínimo observarão a variação do Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC), calculado e divulgado pela Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), acumulada nos doze meses anteriores ao mês de reajuste.

O valor máximo da parcela do benefício alcança, em 2015, R$ 1.385,91. O valor do benefício não poderá ser inferior ao valor do Salário Mínimo atual. 

Tabela para cálculo do benefício

Calcula-se o valor do Salário Médio dos últimos três meses anteriores a dispensa e aplica-se a fórmula abaixo:

Faixas de Salário Médio

Valor da Parcela

Até R$ 1.222,77

Multiplica-se o salário médio 0.8 (80%).

De R$ 1.222,78

 

Até R$ 2.038,15

O que exceder a R$ 1.222,77 multiplica-se por

0,5 (50%) e soma-se a R$ 978,22.

Acima de R$ 2.038,15

O valor da parcela será de R$ 1.385,91

invariavelmente.

Fonte:

Ministério do Trabalho e Emprego

error while rendering plone.belowcontentbody.relateditems