Você está aqui: Página Inicial > Economia e Emprego > 2016 > 03 > Estados Unidos anunciam cota adicional para açúcar brasileiro

Economia e Emprego

Estados Unidos anunciam cota adicional para açúcar brasileiro

Exportação

Brasil poderá exportar mais 13,1 mil toneladas de açúcar bruto, além das 155,7 mil toneladas previstas inicialmente
publicado: 16/03/2016 15h30 última modificação: 17/03/2016 10h28
Divulgação/Governo do Paraná EUA anunciam que país tem direito a embarcar mais 13,1 mil toneladas em 2016

EUA anunciam que país tem direito a embarcar mais 13,1 mil toneladas em 2016

Os Estados Unidos anunciaram uma cota adicional para o Brasil de mais 13,1 mil toneladas de açúcar bruto (cerca de US$ 4 milhões), além das 155,7 mil toneladas (equivalente a US$ 48 milhões) de compras previstas inicialmente.

Após fazer consulta aos países detentores de cotas preferenciais, o Escritório do Representante de Comércio dos Estados Unidos identificou 86.533 toneladas em cotas não preenchidas do produto e as redistribuiu entre 26 exportadores.

O mercado brasileiro se destaca como um dos tradicionais fornecedores de açúcar bruto aos EUA. Em 2015, o produto do Brasil ocupou a segunda posição em valores importados pelos EUA (US$ 108 milhões), e terceira em quantidade importada (222 mil toneladas).

Além do Brasil, um dos principais beneficiados na distribuição da cota adicional, Filipinas, Austrália e República Dominicana também foram beneficiados.

Fonte: Portal Brasil, com informações do Ministério da Agricultura

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Objetivo do governo é inflação de 4,5% em 2017
Para presidente do Banco Central, Ilan Goldfajn, as medidas econômica propostas pelo governo serão capazes melhorar a confiança do País
BC está monitorando mercado internacional
Instituição também divulgou, nesta sexta-feira (24), dados sobre investimentos estrangeiros e transações correntes, de maio
Meirelles: restrição não afetará Saúde e Educação
O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, explicou que o governo prosseguirá tendo limite mínimo de recursos para essas áreas
Para presidente do Banco Central, Ilan Goldfajn, as medidas econômica propostas pelo governo serão capazes melhorar a confiança do País
Objetivo do governo é inflação de 4,5% em 2017
Instituição também divulgou, nesta sexta-feira (24), dados sobre investimentos estrangeiros e transações correntes, de maio
BC está monitorando mercado internacional
O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, explicou que o governo prosseguirá tendo limite mínimo de recursos para essas áreas
Meirelles: restrição não afetará Saúde e Educação

Últimas imagens

Governo trabalha para amenizar pressão sobre o custo de vida do brasileiro
Governo trabalha para amenizar pressão sobre o custo de vida do brasileiro
Marcos Santos/USP Imagens
Parcelas serão recebidas junto ao pagamento dos benefícios mensais
Parcelas serão recebidas junto ao pagamento dos benefícios mensais
Foto: Marcos Santos/USP Imagens
Quem nasceu nos meses de julho a dezembro receberá o benefício ainda no ano de 2016
Quem nasceu nos meses de julho a dezembro receberá o benefício ainda no ano de 2016
Rafael Neddermeyer/Fotos Públicas

Governo digital