Você está aqui: Página Inicial > Economia e Emprego > 2016 > 08 > Jogos devem injetar R$ 5,64 bi na economia do Rio

Economia e Emprego

Jogos devem injetar R$ 5,64 bi na economia do Rio

Rio 2016

Estimativa é da empresa de turismo da cidade do Rio, que prevê um total de 1 milhão de turistas atraídos pelo megaevento
por Portal Brasil publicado: 11/08/2016 16h43 última modificação: 11/08/2016 16h46
Foto: Tânia Rêgo/Agência Brasil Projeção para Olimpíadas é R$ 1,2 bilhão maior do que o valor gasto por turistas na Copa de 2014

Projeção para Olimpíadas é R$ 1,2 bilhão maior do que o valor gasto por turistas na Copa de 2014

O turismo no Rio de Janeiro durante os Jogos Olímpicos deve injetar R$ 5,64 bilhões na economia da cidade. A estimativa é da Empresa de Turismo do Município do Rio de Janeiro (Riotur), que prevê a presença de 650 mil turistas brasileiros e 350 mil estrangeiros no período do megaevento.

Na Copa do Mundo de 2014, mais de R$ 4,4 bilhões foram movimentados em 31 dias de competição. No réveillon deste ano, foram gerados R$ 2,2 bilhões.

O interior do Estado recebe 20% do total de turistas que estão na capital por causa dos Jogos Olímpicos. A Associação Brasileira da Indústria de Hotéis (Abih-RJ), constatou que, às vésperas da Rio 2016, os hotéis do interior registravam média de 84% de ocupação, sendo que em alguns municípios o percentual ultrapassava os 95%.

Segundo o secretário de Turismo, Nilo Sergio Felix, a região serrana e o litoral estão sendo muito procurados pelos turistas neste período.

“As taxas evidenciam que os municípios do interior estão despontando como opções de viagens dos turistas brasileiros e internacionais. Esse enorme fluxo de visitantes nas regiões turísticas vai movimentar a economia”, disse o secretário.

Fonte: Portal Brasil, com informações da Agência Brasil

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Governo prorroga para 14 de novembro o prazo de adesão ao Refis
O governo prorrogou o prazo para pessoas físicas e jurídicas quitarem as dívidas com a união. Agora, o Refis está valendo até 14 de novembro
O governo prorrogou o prazo para pessoas físicas e jurídicas quitarem as dívidas com a união. Agora, o Refis está valendo até 14 de novembro
Governo prorroga para 14 de novembro o prazo de adesão ao Refis

Últimas imagens

Ministro Dyogo Oliveira defendeu aprovação da reforma da Previdência para evitar danos ao País
Ministro Dyogo Oliveira defendeu aprovação da reforma da Previdência para evitar danos ao País
Valter Campanato/Agência Brasil
Alta na massa salarial é explicada por melhora no mercado de trabalho, que vem empregando mais neste ano
Alta na massa salarial é explicada por melhora no mercado de trabalho, que vem empregando mais neste ano
Marcos Santos/USP Imagens
Ministro do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão anunciou mais uma liberação de recursos orçamentários
Ministro do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão anunciou mais uma liberação de recursos orçamentários
Gleice Mere/MP
Neste ano, a balança comercial vem registrando recordes seguidos
Neste ano, a balança comercial vem registrando recordes seguidos
Arquivo EBC

Governo digital