Você está aqui: Página Inicial > Economia e Emprego > 2017 > 06 > Mercado reduz estimativa de inflação e prevê crescimento maior do PIB

Economia e Emprego

Mercado reduz estimativa de inflação e prevê crescimento maior do PIB

Retomada

Com a melhora nos indicadores econômicos, especialistas financeiros voltam a traçar cenário positivo para a economia ainda neste ano
por Portal Brasil publicado: 05/06/2017 10h21 última modificação: 05/06/2017 12h33
Marcos Santos/USP Imagens Para analistas do mercado financeiro, cenário para a economia neste ano continua positivo

Para analistas do mercado financeiro, cenário para a economia neste ano continua positivo

Os analistas do mercado financeiro voltaram a reduzir a projeção para a inflação neste ano. Agora a expectativa é que o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) fique em 3,90%, ante estimativa anterior de 3,95%. Para 2018, a previsão é de que a inflação encerre o ano em 4,30%.

Ao mesmo tempo, os especialistas esperam que a economia brasileira encerre de vez o cenário recessivo e projetam um avanço do Produto Interno Bruto (PIB) de 0,50%, ante estimativa de 0,49% há uma semana. 

As informações fazem parte do Boletim Focus, uma publicação semanal que reúne as projeções de cerca de 100 analistas. O Banco Central é o responsável por coletar os dados e divulgá-los.

Com o impacto das reformas econômicas, o PIB cresceu 1% no primeiro trimestre deste ano, após oito trimestres de queda. Já a inflação vem caindo de forma consistente nos últimos meses e hoje acumula alta de 4,08% nos últimos 12 meses encerrados em abril.

Em meio a esse cenário positivo, os analistas esperam que a taxa básica de juros, a Selic, encerre o ano em 8,50%. Na última reunião da diretoria do Banco Central, a taxa foi reduzida de 11,25% ao ano para 10,25% ao ano.

Fonte: Portal Brasil, com informações do Banco Central

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Ministro da Fazenda está otimista em relação à mudança de rating do Brasil
Ele destacou que o País está no caminho certo e que o Congresso deve aprovar as reformas necessárias para manter o crescimento
Ele destacou que o País está no caminho certo e que o Congresso deve aprovar as reformas necessárias para manter o crescimento
Ministro da Fazenda está otimista em relação à mudança de rating do Brasil

Governo digital