Ciência e Tecnologia

Pesquisa agropecuária

Mudanças climáticas podem favorecer pecuária na região Norte

Tecnologia desenvolvida pela Embrapa dá suporte ao produtor rural e aos técnicos para a tomada de decisões estratégicas
publicado: 21/05/2014 11h16, última modificação: 23/12/2017 11h08
Mudanças climáticas podem favorecer pecuária na região Norte

Pesquisas apontam para um aumento na produção de forragem do capim-marandu ou braquiarão - Foto: Divulgação/ Embrapa

O cenário futuro de aumento as temperaturas globais pode favorecer as atividades agropecuárias na região Norte. É o que prevê uma ferramenta on-line desenvolvida pela Embrapa Pecuária Sudeste em parceria com outras unidades da empresa. A tecnologia "Cenários agrícolas futuros para forrageiras tropicais" traz simulações sobre o desempenho de cinco pastagens no Brasil, considerando perspectivas com altas e baixas emissões de gases de efeito estufa, para hoje, 2025 e 2055.

Na região Norte, as simulações da pesquisa apontam para um aumento na produção de forragem do capim-marandu ou braquiarão (Brachiaria brizantha cv. Marandu). "Isso acontece porque esse capim é do tipo C4. Havendo disponibilidade de água, o aumento da temperatura também eleva a sua eficiência em produzir biomassa", explica o pesquisador Moacyr Bernardino Dias-Filho, da Embrapa Amazônia Oriental. Ele participou da pesquisa fornecendo dados sobre o desempenho do capim nos solos da Amazônia. Foram informações como essa que serviram de base para as projeções futuras.

De acordo com a pesquisadora Patrícia Menezes Santos, da Embrapa Pecuária Sudeste, a construção desses cenários é um importante subsídio para o planejamento estratégico da exploração pecuária. A tecnologia dá suporte ao produtor rural e aos técnicos para a tomada de decisões. Com as simulações, baseadas em informações climáticas e de produção, o usuário da ferramenta online poderá projetar o cultivo de pastagens em diferentes regiões do país na atualidade e em médio e longo prazo.

Os cenários, pela antecipação de riscos, podem contribuir para o planejamento mais adequado da propriedade, adoção de alternativas de adaptação a eventuais efeitos das mudanças ambientais e como fonte de informação para programas governamentais.

>> Saiba mais.

Fonte:
Embrapa

error while rendering plone.belowcontentbody.relateditems