Educação

Gestação

Pesquisa investiga gravidez na adolescência em escolas públicas

Ação pretende reforçar prevenção da gestação precoce; iniciativa é uma parceria entre os ministérios da Educação e da Saúde
publicado: 02/10/2017 20h04, última modificação: 23/12/2017 11h19
Pesquisa investiga gravidez na adolescência em escolas públicas

Questionário será aplicado para jovens de 10 a 19 anos - Foto: Arquivo/Agência Brasil

Uma das ações para reduzir os casos de gravidez precoce, o questionário sobre quantidade de casos de gravidez em adolescentes escolares será aplicado em todas as escolas da rede pública. A iniciativa é uma parceria entre os ministérios da Educação e da Saúde.

Com a privacidade dos jovens assegurada, o levantamento vai buscar respostas de jovens de 10 a 19 anos que ficaram gestantes em 2017. A proposta integra um conjunto de ações que visa a contribuir para a formação integral dos estudantes por meio de ações de promoção, prevenção e atenção à saúde.

Diminuir as vulnerabilidades que comprometem o pleno desenvolvimento de crianças e jovens da rede pública de ensino é o objetivo da pesquisa, que terá orientação no preenchimento dos formulários pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). 

Fonte: Portal Brasil, com informações do Inep

error while rendering plone.belowcontentbody.relateditems