Você está aqui: Página Inicial > Educação > 2010 > 01 > Projeto incentiva a qualificação profissional de estudantes estrangeiros

Educação

Projeto incentiva a qualificação profissional de estudantes estrangeiros

Projeto Milton Santos de Acesso ao Ensino Superior oferece bolsas para estrangeiros cursarem a graduação no Brasil
por Portal Brasil publicado: 15/01/2010 15h45 última modificação: 28/07/2014 09h31
Exibir carrossel de imagens Atualmente, quase 600 estudantes estrangeiros de graduação recebem mensalmente a ajuda financeira do Projeto Milton Santos de Acesso ao Ensino Superior (Promisaes)

Atualmente, quase 600 estudantes estrangeiros de graduação recebem mensalmente a ajuda financeira do Projeto Milton Santos de Acesso ao Ensino Superior (Promisaes)

Com o objetivo de fomentar a cooperação técnico-científica e cultural entre o Brasil e os países com os quais mantém acordos nas áreas de educação e cultura, o Ministério da Educação (MEC) mantêm o Projeto Milton Santos de Acesso ao Ensino Superior (Promisaes). O Promisaes oferece apoio financeiro a alunos estrangeiros participantes do Programa de Estudantes-Convênio de Graduação (PEC-G) regularmente matriculada em cursos de graduação em instituições federais de educação superior.

A admissão pelo Promisaes está condicionada ao desempenho acadêmico do aluno estrangeiro. Além disso, a partir do momento em que for admitido pelo projeto, ele não pode receber nenhum auxílio financeiro cumulativamente com os concedidos pelo Ministério das Relações Exteriores.

Para participar do programa, o interessado deve procurar o coordenador responsável pelo PEC-G em sua Universidade. 

Fontes:
Promisaes
Programa de Estudantes-Convênio de Graduação (PEC-G) 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

O portal da Base Nacional Comum
Secretário de Educação Básica do Ministério da Educação, Manuel Palácios explica como ocorrerá participação da sociedade.
A unificação curricular da Educação Básica
De acordo com Manuel Palácios, secretário de Educação Básica do Ministério da Educação, unificação curricular contribuir para modernização do ensino.
A educação básica brasileira
Para secretário de Educação Básica do Ministério da Educação, Manuel Palácios, há compromisso das instituições de ensino e da população do País com ideal democrático.
Secretário de Educação Básica do Ministério da Educação, Manuel Palácios explica como ocorrerá participação da sociedade.
O portal da Base Nacional Comum
De acordo com Manuel Palácios, secretário de Educação Básica do Ministério da Educação, unificação curricular contribuir para modernização do ensino.
A unificação curricular da Educação Básica
Para secretário de Educação Básica do Ministério da Educação, Manuel Palácios, há compromisso das instituições de ensino e da população do País com ideal democrático.
A educação básica brasileira

Últimas imagens

Serão selecionadas obras didáticas de todos os componentes curriculares dos anos iniciais do ensino fundamental (1º ao 5º ano)
Serão selecionadas obras didáticas de todos os componentes curriculares dos anos iniciais do ensino fundamental (1º ao 5º ano)
Tereza Sobreira/MEC
Foram criados 50 novos cursos de Medicina em 45 municípios, resultando em 5,3 mil novas vagas
Foram criados 50 novos cursos de Medicina em 45 municípios, resultando em 5,3 mil novas vagas
Geyson Magno/MEC
Projeto cria instalações móveis para solucionar problemas relativos ao combate à infecção de cólera no Haiti
Projeto cria instalações móveis para solucionar problemas relativos ao combate à infecção de cólera no Haiti
Divulgação/Planalto
Contribuições serão para adequar o Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (Sinaes) às novas diretrizes curriculares nacionais de medicina
Contribuições serão para adequar o Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (Sinaes) às novas diretrizes curriculares nacionais de medicina
Divulgação/Governo de Alagoas
Período para a escolha das obras será aberto no dia 28 próximo e se estenderá até 8 de setembro
Período para a escolha das obras será aberto no dia 28 próximo e se estenderá até 8 de setembro
Divulgação/Governo da BA

Governo digital