Você está aqui: Página Inicial > Educação > 2011 > 01 > MEC divulga lista de inscrições e de concorrência do Sisu

Educação

MEC divulga lista de inscrições e de concorrência do Sisu

por Portal Brasil publicado: 25/01/2011 11h17 última modificação: 28/07/2014 14h03

Os estudantes que participaram da seleção do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) já podem consultar a lista com o total de inscrições   que foram recebidas no processo seletivo, por instituição.

As universidades com maior número de candidatos em números absolutos são as universidades federais do Ceará, Mato Grosso e Rio de Janeiro.

Na consulta é possível verificar ainda a concorrência por vaga e o número de inscrições. Nesta primeira chamada, foram selecionados 82.949 candidatos.

Os candidatos aprovados têm os dias 27, 28 e 31 de janeiro para efetuarem a matrícula na instituição de ensino para a qual foram selecionados. A documentação necessária pode ser consultada pelo boletim individual, disponível no sistema, e na própria instituição.

Chamadas

Após esse prazo, caso ainda existam vagas disponíveis, serão feitas duas outras chamadas para convocação dos candidatos aprovados.

Os estudantes que foram selecionados, nesta primeira chamada, em sua primeira opção de inscrição, não serão convocados nas chamadas posteriores — nem mesmo aqueles que não fizeram a matrícula.

Ao fim das três chamadas, caso ainda haja vagas, as instituições convocarão os candidatos a partir da lista de espera gerada pelo sistema. O calendário pode ser consultado na página do Sisu na internet.

Nesta edição do Sisu, são oferecidas 83.125 vagas em 83 instituições públicas de educação superior.

Fonte:
Ministério da Educação

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

O portal da Base Nacional Comum
Secretário de Educação Básica do Ministério da Educação, Manuel Palácios explica como ocorrerá participação da sociedade.
A unificação curricular da Educação Básica
De acordo com Manuel Palácios, secretário de Educação Básica do Ministério da Educação, unificação curricular contribuir para modernização do ensino.
A educação básica brasileira
Para secretário de Educação Básica do Ministério da Educação, Manuel Palácios, há compromisso das instituições de ensino e da população do País com ideal democrático.
Secretário de Educação Básica do Ministério da Educação, Manuel Palácios explica como ocorrerá participação da sociedade.
O portal da Base Nacional Comum
De acordo com Manuel Palácios, secretário de Educação Básica do Ministério da Educação, unificação curricular contribuir para modernização do ensino.
A unificação curricular da Educação Básica
Para secretário de Educação Básica do Ministério da Educação, Manuel Palácios, há compromisso das instituições de ensino e da população do País com ideal democrático.
A educação básica brasileira

Últimas imagens

Serão selecionadas obras didáticas de todos os componentes curriculares dos anos iniciais do ensino fundamental (1º ao 5º ano)
Serão selecionadas obras didáticas de todos os componentes curriculares dos anos iniciais do ensino fundamental (1º ao 5º ano)
Tereza Sobreira/MEC
Foram criados 50 novos cursos de Medicina em 45 municípios, resultando em 5,3 mil novas vagas
Foram criados 50 novos cursos de Medicina em 45 municípios, resultando em 5,3 mil novas vagas
Geyson Magno/MEC
Projeto cria instalações móveis para solucionar problemas relativos ao combate à infecção de cólera no Haiti
Projeto cria instalações móveis para solucionar problemas relativos ao combate à infecção de cólera no Haiti
Divulgação/Planalto
Contribuições serão para adequar o Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (Sinaes) às novas diretrizes curriculares nacionais de medicina
Contribuições serão para adequar o Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (Sinaes) às novas diretrizes curriculares nacionais de medicina
Divulgação/Governo de Alagoas
Período para a escolha das obras será aberto no dia 28 próximo e se estenderá até 8 de setembro
Período para a escolha das obras será aberto no dia 28 próximo e se estenderá até 8 de setembro
Divulgação/Governo da BA

Governo digital