Você está aqui: Página Inicial > Educação > 2011 > 06 > Brasil e Argentina vão firmar acordo para compartilhamento de estudos na área de educação

Educação

Brasil e Argentina vão firmar acordo para compartilhamento de estudos na área de educação

por Portal Brasil publicado: 06/06/2011 16h47 última modificação: 28/07/2014 14h05

Para promover a cooperação entre Brasil e Argentina na área da educação, a presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), Malvina Tuttman, e a presidente do Instituto Internacional de Planejamento da Educação (IIPE), Margarita Poggi, firmarão um acordo de cooperação técnica na quinta-feira (9). O IIPE é um órgão equivalente ao Inep na Argentina, com sede em Buenos Aires, ligado à Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco). 

Nesse acordo, as presidentes atenderão alguns objetivos em comum. Entre eles, estão a promoção de atividades de formação e capacitação de recursos humanos na área educacional em avaliações e estatísticas e a colaboração mútua para a realização de estudos e pesquisas que forneçam diagnósticos sobre essa área. 

A previsão é que os trabalhos comecem a ser executados em até 90 dias após a assinatura do acordo de cooperação técnica. Os resultados obtidos sobre estatísticas educacionais, totais ou parciais, realizados em conjunto, poderão ser de uso comum entre os dois países. 

 

Fonte:
Inep

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Professores Olímpicos
Escute o recado da campeã olímpica de judô, Sarah Menezes. Respeite os seus professores. São eles que vão te ajudar a ser um campeão na vida!
Inscrições para o FIES começam dia 15 de julho
O resultado dos estudantes pré-selecionados e os que estão na lista de espera já está disponível no site fiesselecao.mec.gov.br
Mais recursos para programas de Educação Básica e Superior
O MEC liberou R$ 45,95 milhões para o pagamento de 78,3 mil bolsas em diversos programas e ações da educação básica e superior
Escute o recado da campeã olímpica de judô, Sarah Menezes. Respeite os seus professores. São eles que vão te ajudar a ser um campeão na vida!
Professores Olímpicos
O resultado dos estudantes pré-selecionados
e os que estão na lista de espera já está disponível no site fiesselecao.mec.gov.br
Inscrições para o FIES começam dia 15 de julho
O MEC liberou R$ 45,95 milhões para o pagamento de 78,3 mil bolsas em diversos programas e ações da educação básica e superior
Mais recursos para programas de Educação Básica e Superior

Últimas imagens

O presidente em exercício, Michel Temer, e o ministro da Educação, Mendonça Filho, durante ato de assinatura de autorização para criar mais de 75 mil bolsas do Fundo de Financiamento Estudantil
O presidente em exercício, Michel Temer, e o ministro da Educação, Mendonça Filho, durante ato de assinatura de autorização para criar mais de 75 mil bolsas do Fundo de Financiamento Estudantil
Foto: Marcos Corrêa/PR
Os benefícios previstos aos programas são mensalidade, seguro-saúde, auxílio deslocamento, auxílio instalação e adicional localidade, quando for o caso
Os benefícios previstos aos programas são mensalidade, seguro-saúde, auxílio deslocamento, auxílio instalação e adicional localidade, quando for o caso
Foto: UnB Agência
Repasse é uma das principais fontes de recursos para a manutenção e o desenvolvimento do ensino
Repasse é uma das principais fontes de recursos para a manutenção e o desenvolvimento do ensino
Foto: Geyson Magno/MEC
Fugir do tema, desrespeitar direitos humanos e escrever em uma tipologia diferente da solicitada estão entre os motivos para anulação da nota
Fugir do tema, desrespeitar direitos humanos e escrever em uma tipologia diferente da solicitada estão entre os motivos para anulação da nota
Wilson Dias/Agência Brasil

Governo digital