Você está aqui: Página Inicial > Educação > 2016 > 12 > MEC anuncia pagamento antecipado de R$ 1,25 bi do Fundeb para piso do professor

Cidadania e Justiça

MEC anuncia pagamento antecipado de R$ 1,25 bi do Fundeb para piso do professor

Fundeb

A partir de janeiro de 2017, os repasses do Fundeb para pagamentos dos profissionais do Magistério serão feitos mensalmente
por Portal Brasil publicado: 27/12/2016 19h32 última modificação: 28/12/2016 10h50
Foto:Tânia Rêgo/ABr O pagamento de R$ 1,25 bilhão será liberado na próxima quinta-feira (29) aos professores

O pagamento de R$ 1,25 bilhão será liberado na próxima quinta-feira (29) aos professores

O governo federal vai quitar os valores referentes ao repasse de recursos do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais de Educação (Fundeb) para complementar o piso salarial dos professores, nos estados e municípios, referente a 2016, quatro meses antes do prazo previsto, anunciou o ministro da Educação, Mendonça Filho. 

“Pela primeira vez na história, estamos quitando dentro do mesmo ano de exercício orçamentário e financeiro o compromisso do Fundeb para a integralização dos salários do magistério”, disse o ministro. 

O pagamento de R$ 1,25 bilhão será liberado na próxima quinta-feira, 29. Nos últimos anos, esse repasse era realizado apenas no mês de abril, em parcela única, quatro meses após o exercício fiscal.

De acordo com Mendonça Filho, a partir de 2017, esse pagamento será feito mensalmente. Antes, portanto, da data limite para pagamento dos salários dos professores. 

Repasse 

A portaria, publicada nesta terça-feira (27), prevê ainda o repasse federal de R$ 13 bilhões ao Fundeb no exercício de 2017. Serão R$ 900 milhões a mais do que o previsto no projeto de lei orçamentária. Em 2016, foram R$ 12,6 bilhões.

A contribuição dos estados, DF e municípios, por sua vez, passou de R$ 125,6 bilhões para R$ 129,7 bilhões. Somados esses valores à complementação da União, a estimativa de repasse para o Fundeb de 2017 aumentou em R$ 4,5 bilhões — aproximadamente 3,3% a mais em relação a 2016. A portaria interministerial prevê ainda alteração do valor mínimo anual por aluno de R$ 2.739,77 para R$ 2.875,03. O aumento é de 4,94%.

Fundeb 

Criado em 2006, por emenda constitucional, o Fundeb é um fundo especial de natureza contábil e de âmbito estadual (um por unidade da Federação, num total de 27), formado, na quase totalidade, por recursos provenientes dos impostos e transferências dos estados, Distrito Federal e municípios vinculados à educação.

Fonte: Portal Brasil, com informações do MEC

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Inscrição e local de provas do Enem já podem ser verificados
Confira o calendário do Enem 2017. Inscrição e local da prova podem ser verificados no site do Exame
Provas do Enem 2017 acontecerão nos dias 5 e 12 de novembro
Provas do Enem serão nos dias 5 e 12 de novembro. O fechamento dos portões será às 13h, do horário oficial de Brasília
Ministério da Educação anuncia medidas para aprimorar a formação dos professores
Entre as medidas está a criação de uma base nacional que vai nortear a currículo de formação dos docentes
Confira o calendário do Enem 2017. Inscrição e local da prova podem ser verificados no site do Exame
Inscrição e local de provas do Enem já podem ser verificados
Provas do Enem serão nos dias 5 e 12 de novembro. O fechamento dos portões será às 13h, do horário oficial de Brasília
Provas do Enem 2017 acontecerão nos dias 5 e 12 de novembro
Entre as medidas está a criação de uma base nacional que vai nortear a currículo de formação dos docentes
Ministério da Educação anuncia medidas para aprimorar a formação dos professores

Últimas imagens

Provas serão aplicadas em 19 de novembro, para público geral; e em 19 e 20 de dezembro para pessoas privadas de liberdade
Provas serão aplicadas em 19 de novembro, para público geral; e em 19 e 20 de dezembro para pessoas privadas de liberdade
Foto: André Nery/MEC
Ministro da Educação participou de coletiva de imprensa neste domingo (12), quando foi dado balanço da aplicação
Ministro da Educação participou de coletiva de imprensa neste domingo (12), quando foi dado balanço da aplicação
Reprodução/NBR

Governo digital