Você está aqui: Página Inicial > Educação > 2017 > 05 > Mais de 500 mil já se inscreveram para o Enem 2017

Educação

Mais de 500 mil já se inscreveram para o Enem 2017

Ensino Superior

Estimativa é de que, pelo menos, 7 milhões de inscrições sejam feitas até o dia 19 de maio, quando se encerra o prazo
publicado: 08/05/2017 16h07 última modificação: 10/05/2017 13h33

O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2017 recebeu mais de 510 mil inscrições até as 19h desta segunda-feira (8). A estimativa é de que, pelo menos, 7 milhões de inscrições sejam feitas até as 23h59 do dia 19 de maio, quando se encerra o prazo.

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) abriu o sistema de inscrição às 8h, duas horas antes do previsto, e o sistema não registrou nenhuma instabilidade nesse primeiro dia.

O ministro da Educação, Mendonça Filho, destaca que o Ministério da Educação está preparado para garantir o cadastro de todos os candidatos. “Se inscrevam com tranquilidade. O suporte técnico e estrutura de tecnologia da informação do MEC estão preparados para receber todas as inscrições”, disse.

As inscrições podem ser feitas pelo site enem.inep.gov.br/participanteA taxa do exame neste ano é de R$ 82 e deve ser paga até o dia 24. As provas serão aplicadas em dois domingos consecutivos, nos dias 5 e 12 de novembro. 

O participante pode ainda baixar o aplicativo Enem no celular para acompanhar o cronograma e receber alertas sobre o Exame.

Os candidatos transexuais e travestis devem fazer a inscrição com o nome civil. Só depois, entre os dias 29 de maio e 4 de junho, poderão solicitar, pela Página do Participante, o uso do nome social.

Fonte: Portal Brasil, com informações do Ministério da Educação

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Acordo de cooperação vai estender ações do Criança Feliz
Parceria entre o governo associação de universidades particulares vai estender ações Programa Criança Feliz à primeira infância
Mais de 1,5 milhão se inscrevem no Encceja
Encceja é oportunidade para jovens que querem concluir os estudos. Aprovados recebem certificado de conclusão do ensino fundamental e médio
MEC abre edital para o programa Idiomas Sem Fronteiras
Seleção será para aulas presenciais das línguas alemã, espanhola, francesa, italiana, japonesa e de português como língua estrangeira
Parceria entre o governo associação de universidades particulares vai estender ações Programa Criança Feliz à primeira infância
Acordo de cooperação vai estender ações do Criança Feliz
Encceja é oportunidade para jovens que querem concluir os estudos. Aprovados recebem certificado de conclusão do ensino fundamental e médio
Mais de 1,5 milhão se inscrevem no Encceja
Seleção será para aulas presenciais das línguas alemã, espanhola, francesa, italiana, japonesa e de português como língua estrangeira
MEC abre edital para o programa Idiomas Sem Fronteiras

Últimas imagens

Microbiologia, Parasitologia e Imunologia concentraram cursos com maiores notas
Microbiologia, Parasitologia e Imunologia concentraram cursos com maiores notas
Cecília Bastos/USP Imagens
Os cursos serão on-line e ofertados pelos núcleos de línguas das universidades federais e estaduais participantes do programa
Os cursos serão on-line e ofertados pelos núcleos de línguas das universidades federais e estaduais participantes do programa
Arquivo/Agência Brasil
Mais de 1,5 milhão de pessoas farão as provas: 301 mil para Ensino Fundamental e 1,2 milhão para Ensino Médio
Mais de 1,5 milhão de pessoas farão as provas: 301 mil para Ensino Fundamental e 1,2 milhão para Ensino Médio
Foto: Mariana Leal/ MEC
Capacitações começaram em 19 de agosto e continuam até 23 de setembro
Capacitações começaram em 19 de agosto e continuam até 23 de setembro
Divulgação/Inep
Mudança visa a garantir que todos os candidatos possam acessar os locais de prova com mais comodidade e segurança
Mudança visa a garantir que todos os candidatos possam acessar os locais de prova com mais comodidade e segurança
Arquivo/Agência Brasil

Governo digital