Você está aqui: Página Inicial > Educação > 2017 > 08 > Estados e municípios recebem R$ 932 milhões do salário-educação

Educação

Estados e municípios recebem R$ 932 milhões do salário-educação

Educação básica

Recursos serão aplicados no financiamento de programas e projetos para a educação básica; valores estarão disponíveis até 20 de agosto
publicado: 11/08/2017 15h28 última modificação: 08/10/2017 15h11
Foto: Andre Borges/Agência Brasília Os recursos serão aplicados no financiamento de programas, projetos e ações voltados para a educação básica

Os recursos serão aplicados no financiamento de programas, projetos e ações voltados para a educação básica

Parcela de julho do salário-educação, no total de R$ 932,5 milhões, foi liberada pelo Ministério da Educação (MEC) nesta quarta-feira (9). A quantia ficará disponível até o dia 20 de agosto para que o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) repasse aos estados, municípios e ao Distrito Federal

A quantia será usada para o financiamento de programas e ações da educação básica. “Essa liberação financeira é uma das principais fontes de financiamento para a manutenção e o desenvolvimento do ensino dos estados e seus municípios”, esclarece a subsecretária de Planejamento e Orçamento do MEC, Iara Ferreira.

Contribuição social

Contribuição social recolhida de empresas que seguem o Regime Geral da Previdência Social compõe o salário-educação, com alíquota de 2,5% na folha de pagamento.

A Receita Federal efetua a arrecadação e, em seguida, o FNDE divide o valor entre todos os entes federados: 90% são destinados às cotas estadual/municipal (2/3) e federal (1/3) e 10% são utilizados pela autarquia em programas de educação básica.

A cota estadual/municipal é dividida considerando a quantidade de matrículas e depositada nas contas-correntes das secretarias de educação todos os meses, enquanto a cota federal é enviada para o FNDE com o objetivo de diminuir a desigualdade da educação em cidades e estados. 

Fonte: Portal Brasil, com informações do Ministério da Educação

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Educação é ferramenta para enfrentar a intolerância religiosa, diz secretário
Secretário Nacional de Políticas de Promoção da Igualdade Racial, Juvenal Araújo,cobrou o cumprimento da lei que determina ensinoda história e cultura afro-brasileira nas escolas
Cerca de 1,5 milhão de pessoas vão fazer Encceja
Provas serão aplicadas de manhã e de tarde em mais de 560 municípios
Inscrição e local de provas do Enem já podem ser verificados
Confira o calendário do Enem 2017. Inscrição e local da prova podem ser verificados no site do Exame
Secretário Nacional de Políticas de Promoção da Igualdade Racial, Juvenal Araújo,cobrou o cumprimento da lei que determina ensinoda história e cultura afro-brasileira nas escolas
Educação é ferramenta para enfrentar a intolerância religiosa, diz secretário
Provas serão aplicadas de manhã e de tarde em mais de 560 municípios
Cerca de 1,5 milhão de pessoas vão fazer Encceja
Confira o calendário do Enem 2017. Inscrição e local da prova podem ser verificados no site do Exame
Inscrição e local de provas do Enem já podem ser verificados

Últimas imagens

Provas serão aplicadas em 12 e 13 de dezembro em todo o País, em mais de mil unidades prisionais de 577 municípios. Grau de dificuldade da prova é equivalente ao do Enem regular
Provas serão aplicadas em 12 e 13 de dezembro em todo o País, em mais de mil unidades prisionais de 577 municípios. Grau de dificuldade da prova é equivalente ao do Enem regular
Foto: André Nery/MEC
Provas serão aplicadas em 19 de novembro, para público geral; e em 19 e 20 de dezembro para pessoas privadas de liberdade
Provas serão aplicadas em 19 de novembro, para público geral; e em 19 e 20 de dezembro para pessoas privadas de liberdade
Foto: André Nery/MEC
Ministro da Educação participou de coletiva de imprensa neste domingo (12), quando foi dado balanço da aplicação
Ministro da Educação participou de coletiva de imprensa neste domingo (12), quando foi dado balanço da aplicação
Reprodução/NBR

Governo digital