Você está aqui: Página Inicial > Esporte > 2011 > 08 > Grupo debate políticas públicas para Copa

Esporte

Grupo debate políticas públicas para Copa

por Portal Brasil publicado: 17/08/2011 18h00 última modificação: 28/07/2014 14h00

O Grupo Executivo de Acompanhamento das Ações relativas à Preparação e à Realização da Copa do Mundo 2014 (Gecopa) participa nesta quinta-feira (18), em Brasília, do lançamento da Câmara da Transparência, espaço criado no âmbito do governo federal para discussão de políticas públicas e soluções técnicas de temas relativos à Copa do Mundo de 2014.

A câmara será coordenada pelo Ministério dos Esportes e pela Controladoria-Geral da União (CGU). Segundo a coordenadora substituta do Gecopa, Teresa Cristina de Melo Costa, a iniciativa "é um trabalho com poucos precedentes, pois identificamos e solucionamos possíveis problemas jurídicos já na origem, o que por um lado evita questionamentos judiciais e, por outro, diminui o tempo e a distância entre a idealização e a realidade". 

Além da Câmara da Transparência, já estão em funcionamento ações que tratam de infraestrutura; estádios; segurança, saúde; meio ambiente e sustentabilidade; desenvolvimento turístico; proteção comercial e tecnológica; cultura, educação e ação social.

Na solenidade nesta quinta, também será apresentado o Portal da Transparência, além de outras formas de contribuição e envolvimento das cidades e estados - que serão sedes da Copa -, para divulgação e acompanhamento dos investimentos referentes ao mundial de futebol.


Fonte:
CGU

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Programa Forças no Esporte comemora Dia das Crianças
Iniciativa do Ministério da Defesa, em parceria com outros ministérios, leva para as crianças atividades esportivas, lazer e aulas de reforço no período do contra turno escolar
Publicação analisa impactos dos megaeventos no Brasil e no mundo
Publicação lançada no Rio de Janeiro discute os impactos dos megaeventos no Brasil e no mundo. O livro, que reúne 145 autores de 70 universidades, será publicado em formato digital e oferecido gratuitamente
Inscrições para o Bolsa Atleta terminam em 6 de setembro
Cerca de 23 mil esportistas já foram patrocinados pelo programa do governo federal
Iniciativa do Ministério da Defesa, em parceria com outros ministérios, leva para as crianças atividades esportivas, lazer e aulas de reforço no período do contra turno escolar
Programa Forças no Esporte comemora Dia das Crianças
Publicação lançada no Rio de Janeiro discute os impactos dos megaeventos no Brasil e no mundo. O livro, que reúne 145 autores de 70 universidades, será publicado em formato digital e oferecido gratuitamente
Publicação analisa impactos dos megaeventos no Brasil e no mundo
Cerca de 23 mil esportistas já foram patrocinados pelo programa do governo federal
Inscrições para o Bolsa Atleta terminam em 6 de setembro

Últimas imagens

Rebeca Andrade é uma das ginastas do time feminino que representa o Brasil na competição
Rebeca Andrade é uma das ginastas do time feminino que representa o Brasil na competição
Foto: Danilo Borges/Ministério do Esporte
Jogos Escolares são maior celeiro de atletas olímpicos do País
Jogos Escolares são maior celeiro de atletas olímpicos do País
Foto: Rogério Vital/Ministério do Esporte
Martins tornou-se o segundo brasileiro com mais medalhas em Universíades
Martins tornou-se o segundo brasileiro com mais medalhas em Universíades
Divulgação/CBDU
Atleta terminou a prova com o tempo de 3m52s542
Atleta terminou a prova com o tempo de 3m52s542
Divulgação/Federação Int. de Canoagem
Henrique Martins, da natação, ficou em terceiro lugar nos 100 metros borboleta – a décima medalha brasileira no torneio
Henrique Martins, da natação, ficou em terceiro lugar nos 100 metros borboleta – a décima medalha brasileira no torneio
Divulgação/CBDU

Governo digital