Você está aqui: Página Inicial > Esporte > 2012 > 01 > Portal da Copa divulga estágio das obras dos 12 estádios da Copa de 2014 em 2011

Esporte

Portal da Copa divulga estágio das obras dos 12 estádios da Copa de 2014 em 2011

por Portal Brasil publicado : 11/01/2012 20:44

A Portal da Copa divulgou um balanço com o andamento das obras dos 12 estádios que vão receber a Copa do Mundo de 2014 no Brasil. Confira o estágio das obras no final de 2011.

Belo Horizonte – Mineirão
Com 1,5 mil operários em atuação, o Mineirão abriu 2012 com 100% das demolições internas e externas concluídas, 85% do trabalho nas fundações internas e 75% nas externas finalizados. A previsão de conclusão é 21 de dezembro de 2012.  O campo foi rebaixado em 3,4 metros – para que os espectadores fiquem mais próximos. Há um trabalho de recuperação estrutural, instalação de telões e construção de novos acessos à arena. A capacidade será de 67 mil pessoas.

Brasília - Estádio Nacional
O Estádio Nacional terá capacidade ampliada de 45 mil para 71 mil pessoas. O projeto prevê cobertura em estrutura metálica, novas arquibancadas, eliminação da pista de atletismo e rebaixamento do gramado. O cronograma está em dia, e a previsão de entrega é o final deste ano. A cobertura terá células para captação de luz solar, com capacidade de obter até 2,5 megawatts, o que corresponde a toda energia necessária para o funcionamento do estádio.

Cuiabá - Arena Pantanal
A Arena Pantanal encerrou 2011 com quase 40% da obra concluída, conforme o último relatório de execução emitido pelo consórcio Santa Bárbara/Mendes Júnior, responsável pelo empreendimento. A previsão de entrega do estádio é em dezembro de 2012. A ação emprega 650 pessoas em vários ramos da construção civil, número que deve chegar a 1 mil em 2012. As etapas de drenagem e fundação estão praticamente concluídas, incluído a terraplanagem do campo de futebol. Em maio de 2012 está previsto o início do plantio do gramado.

Curitiba - Arena da Baixada
Com investimento de R$ 234 milhões, de acordo com a Matriz de Responsabilidade, o estádio terá capacidade ampliada para 42 mil pessoas. A estimativa é de que a obra seja entregue em dezembro de 2012. As intervenções passam pela conclusão da arquibancada do setor Madre Maria dos Anjos, além da adequação de setores vip, tribuna de honra, hospitalidade, imprensa e vestiários.

Fortaleza – Castelão
Levantamento realizado pelo Consórcio Construtor do Castelão indica que, no fim de dezembro, o projeto alcançou 53% de conclusão. A obra é executada em quatro fases simultâneas. Duas estão concluídas.  A previsão é que seja entregue em dezembro de 2012. Entre as mudanças estão o rebaixamento do campo em quatro metros para garantir visibilidade total a todos os torcedores e uma cobertura com revestimento termoacústico capaz de oferecer aos torcedores mais conforto e segurança.

Manaus - Arena da Amazônia
O estádio contará com cobertura fixa para as arquibancadas feita com material de maior durabilidade, luminosidade e conforto térmico. A arena terá restaurante, estacionamento subterrâneo, acessos para portadores de necessidades especiais e sistemas de reaproveitamento de água da chuva e de ventilação natural. A capacidade será de 43 mil pessoas, com investimento total de R$ 533,2 milhões.

Natal - Arena das Dunas
As intervenções previstas para 2011 no estádio de Natal foram concluídas antes do prazo estipulado, conforme informações da construtora responsável pelo empreendimento e do governo do Rio Grande do Norte. As etapas de demolição do ginásio Machadinho e do Machadão, drenagem e retirada da rede elétrica e terraplanagem foram concluídas. A sede potiguar terá 45 mil lugares. A previsão para o término das obras é em dezembro de 2013.

Porto Alegre - Beira-Rio
Estimadas em R$ 290 milhões, as obras no estádio do clube Internacional serão retomadas em 25 de janeiro, conforme garantiu o presidente do clube, Giovanni Luigi, após pouco mais de seis meses de impasse entre o clube e a construtora. O novo Beira-Rio receberá moderna cobertura metálica, que protegerá os 60 mil lugares numerados, as rampas e os acessos aos portões. A arquibancada inferior será ampliada e ficará mais próxima do campo e passará a contar com camarotes e suítes. A previsão de entrega é dezembro de 2012.

Recife - Arena Pernambuco
A Arena Pernambuco encerrou 2011 com 30% das obras concluídas, segundo informações da construtora responsável. Com 2.115 funcionários trabalhando em turnos diurno e noturno, o objetivo é entregar a arena a tempo da Copa das Confederações, que será realizada em junho de 2013. A terraplenagem, que sofreu atrasos em função das chuvas de inverno, está concluída. As fundações estão em fase final, com avanço físico de 85,4%. Para garantir a aceleração da estrutura, foi instalada uma central de corte e dobra de aço e a fábrica de pré-moldados foi ampliada. O número de funcionários deve chegar a 2.500 entre fevereiro e março deste ano. A previsão de finalização da obra é em dezembro de 2012.

Rio de Janeiro - Maracanã
O Maracanã encerrou 2011 com 2.700 operários atuando na obra, em especial na instalação das primeiras peças da nova arquibancada. Ao todo, 2.748 peças serão instaladas nas estruturas metálicas e de concreto que serão erguidas para atender às recomendações da Fifa. No segundo semestre de 2012 está previsto a instalação da nova cobertura. Autolimpante e translúcida, a nova cobertura permitirá condições de luz uniforme em toda a arquibancada. A previsão de término das obras é fevereiro de 2013.

Salvador - Fonte Nova
A Fonte Nova concluiu as fases de demolição, reciclagem do material proveniente do antigo estádio, limpeza do terreno, terraplanagem e fundações em 2011. A obra está na fase de montagem da superestrutura, com instalação de peças pré-moldadas e moldadas no próprio canteiro: pilares, vigas e lajes. Terá capacidade para 55 mil lugares, a um custo previsto de R$ 597 milhões. A previsão de conclusão das obras é dezembro de 2012.

São Paulo - Arena de Itaquera
O futuro estádio do Corinthians ultrapassou 20% da obra em dezembro, segundo a Odebrecht, construtora responsável. As vigas das arquibancadas são feitas com peças pré-moldadas fabricadas no próprio canteiro. Até o fim de 2011, foram cravadas 2.315 das 3.200 estacas, executados 448 blocos de concreto da fundação e instaladas 32 vigas jacaré, que dão sustentação à arquibancada leste.  A previsão é de que o estádio, para 68 mil pessoas, fique pronta em dezembro de 2013.

 

Fonte:
Portal da Copa

 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil