Você está aqui: Página Inicial > Esporte > 2013 > 04 > Estádio do Maracanã recebe seu primeiro evento-teste

Esporte

Estádio do Maracanã recebe seu primeiro evento-teste

por Portal Brasil publicado: 26/04/2013 17h37 última modificação: 30/07/2014 00h09
Exibir carrossel de imagens Divulgação/Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República

O jogo simbólico, realizado nesse sábado (27), serviu para testar instalações e equipamentos e o público foi formado por profissionais que trabalharam na construção do estádio 

O estádio do Maracanã recebeu, nesse sábado (27), seu primeiro evento-teste. Realizado a 36 dias da inauguração, o evento-teste utilizou 30% da capacidade da arena, que, ao final da obra, comportará 78.838 pessoas. O objetivo foi verificar equipamentos, instalações e infraestrutura para que sejam feitos eventuais ajustes para o funcionamento pleno do estádio, quando ele for inaugurado.

O público – formado por cerca de oito mil operários que trabalharam nas obras do Maracanã, além de seus familiares – assistiu as apresentações dos cantores Naldo, Martinho da Vila, Neguinho da Beija-Flor e Preta Gil. O Hino Nacional foi interpretado por Sandra de Sá, Fernanda Abreu, Ivan Lins e Eduardo Dusek. Para o evento, 13 ruas no entorno do Maracanã foram interditadas.

Às 19h, entraram em campo os times Amigos de Bebeto e Amigos de Ronaldo Fenômeno. Os times foram comandados por Carlos Alberto Parreira e Valdir Espinosa.

O estádio do Maracanã somente será inaugurado no dia 2 de junho, com o jogo amistoso entre Brasil e Inglaterra.

O Novo Maracanã

Mais de 6,5 mil operários e técnicos atuaram na construção do novo Maracanã, totalizando mais de mil frentes de serviços, da cobertura aos acabamentos em bares, camarotes e vestiários, passando pelo gramado e pela colocação de cadeiras.

Já foram instaladas cerca de 30 mil cadeiras e quase toda a cobertura, que terá 68,4 metros de comprimento e cobrirá 95% das 78.838 cadeiras, enquanto a antiga cobertura não passava de 30 metros de extensão. O projeto de reforma do Maracanã é executado pela Empresa de Obras Públicas do Rio de Janeiro (Emop), órgão da Secretaria Estadual de Obras.

Foram instalados quatro placares eletrônicos, cada um com 98 m² e compostos por 77 placas de imagem de alta definição. Os supertelões permitirão ao público acompanhar lances de jogos e receber as mais variadas informações e dados. 

O Maracanã será o palco da decisão da Copa das Confederações, em 30 de junho. Antes, a arena receberá outras duas partidas pela primeira fase. Em 16 de junho entrarão em campo o México, campeão da Copa Ouro da Concacaf, e a Itália, vice-campeã europeia. O confronto será válido pela primeira rodada do Grupo A, o mesmo do Brasil. A partida seguinte será entre Espanha, atual campeã mundial e vencedora da Eurocopa, e o Taiti, que levantou a taça da Copa das Nações da Oceania. 

O jogo é válido pela segunda rodada e está agendado para 20 de junho.O estádio ganhou um sistema de som com 78 alto-falantes. Serão 26 conjuntos de três caixas que também já estão fixados na passarela da cobertura. Oito desses conjuntos serão voltados para o campo e os demais direcionados para toda a arquibancada. Também já foram fixados 396 refletores de dois mil watts cada um, atendendo às exigências para garantir a claridade necessária à prática do futebol e para a transmissão de imagens pela televisão.

 

A pátria de chuteiras

A Copa do Mundo 2014 ganhou um novo slogan e uma nova logomarca alternativos aos escolhidos, em 2012, pela FIFA. Atualmente, somente a entidade e os patrocinadores oficiais do megaevento podem utilizam a frase “Juntos num só ritmo”, junto à imagem de mãos entrelaçadas formando o troféu da Copa do Mundo. A partir de agora, porém, o governo federal, os estados e os municípios, além das empresas que não patrocinam o torneio, poderão adotar as novas opções.

Inspirado em dois dos elementos que mais caracterizam o Brasil — o verde-amarelo e o jogo de bola — o selo do governo federal para a Copa do Mundo 2014 apresenta a imagem de brasileiros em ação, praticando o esporte que consagrou o País no mundo. A ilustração também transmite a sensação de entusiasmo e união que existe no conceito “A pátria de chuteiras”, frase criada pelo escritor brasileiro Nelson Rodrigues e instituída como novo slogan da Copa.

O selo “Brasil 2014. A Pátria de Chuteiras” foi criado a partir da união de dois dos elementos que mais caracterizam o Brasil – o verde e amarelo e o futebol - o selo apresenta a imagem de brasileiros em ação, praticando o esporte que consagrou o País no mundo. Outro elemento de identificação da campanha “A Pátria de Chuteiras” é a trilha sonora que tem por base a melodia da música “Na cadência do samba – Que bonito é” de Luiz Bandeira.  Amplamente conhecida pelos brasileiros, a melodia resgata vínculos históricos e emocionais da trajetória do futebol arte.  

Copa 2014

copa2014!.jpg

A Copa do Mundo é um dos principais eventos esportivos do planeta. A disputa quadrienal entre as melhores seleções do mundo mobiliza milhões de pessoas de todos os quadrantes, de todas as culturas. Em 2014, o Brasil será novamente a sede do torneio. A vigésima Copa do Mundo ocorrerá 64 anos depois da edição em que a seleção nacional se sagrou vice-campeã mundial em pleno Maracanã. Desde que houve a definição do país sede, em 20 de outubro de 2007, iniciou-se um abrangente esforço nacional.

 

 

Fontes:

Portal da Copa

Secretaria de Estado de Esporte e Lazer do RJ

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Programa Forças no Esporte comemora Dia das Crianças
Iniciativa do Ministério da Defesa, em parceria com outros ministérios, leva para as crianças atividades esportivas, lazer e aulas de reforço no período do contra turno escolar
Publicação analisa impactos dos megaeventos no Brasil e no mundo
Publicação lançada no Rio de Janeiro discute os impactos dos megaeventos no Brasil e no mundo. O livro, que reúne 145 autores de 70 universidades, será publicado em formato digital e oferecido gratuitamente
Inscrições para o Bolsa Atleta terminam em 6 de setembro
Cerca de 23 mil esportistas já foram patrocinados pelo programa do governo federal
Iniciativa do Ministério da Defesa, em parceria com outros ministérios, leva para as crianças atividades esportivas, lazer e aulas de reforço no período do contra turno escolar
Programa Forças no Esporte comemora Dia das Crianças
Publicação lançada no Rio de Janeiro discute os impactos dos megaeventos no Brasil e no mundo. O livro, que reúne 145 autores de 70 universidades, será publicado em formato digital e oferecido gratuitamente
Publicação analisa impactos dos megaeventos no Brasil e no mundo
Cerca de 23 mil esportistas já foram patrocinados pelo programa do governo federal
Inscrições para o Bolsa Atleta terminam em 6 de setembro

Últimas imagens

Rebeca Andrade é uma das ginastas do time feminino que representa o Brasil na competição
Rebeca Andrade é uma das ginastas do time feminino que representa o Brasil na competição
Foto: Danilo Borges/Ministério do Esporte
Jogos Escolares são maior celeiro de atletas olímpicos do País
Jogos Escolares são maior celeiro de atletas olímpicos do País
Foto: Rogério Vital/Ministério do Esporte
Martins tornou-se o segundo brasileiro com mais medalhas em Universíades
Martins tornou-se o segundo brasileiro com mais medalhas em Universíades
Divulgação/CBDU
Atleta terminou a prova com o tempo de 3m52s542
Atleta terminou a prova com o tempo de 3m52s542
Divulgação/Federação Int. de Canoagem
Henrique Martins, da natação, ficou em terceiro lugar nos 100 metros borboleta – a décima medalha brasileira no torneio
Henrique Martins, da natação, ficou em terceiro lugar nos 100 metros borboleta – a décima medalha brasileira no torneio
Divulgação/CBDU

Governo digital