Você está aqui: Página Inicial > Esporte > 2014 > 06 > Cafu: Conselhos de um campeão

Esporte

Cafu: Conselhos de um campeão

Bolão

Penta campeão mundial nas copas de 1994 e 2002, Cafu dá dicas para quem quer participar de bolão da Copa do Mundo
por Portal Brasil publicado: 11/06/2014 20h37 última modificação: 30/07/2014 02h29
Divulgação/Fifa Já deu seus palpites para os jogos da primeira rodada? Cafu, embaixador oficial do Bolão Castrol, está disposto a ajudá-lo

Já deu seus palpites para os jogos da primeira rodada? Cafu, embaixador oficial do Bolão Castrol, está disposto a ajudá-lo

Agora é para valer. A Copa do Mundo desembarcou de vez no Brasil. Chegou a hora de ver as 32 seleções participantes disputando o título mais cobiçado do planeta bola. Os dias de glória, no entanto, não estão reservados apenas para os 736 jogadores presentes no País do futebol. Você também pode demonstrar seu talento e faturar prêmios incríveis.

Com o Bolão Castrol da Copa do Mundo da Fifa, você tem uma grande oportunidade de acompanhar o torneio de uma maneira diferente e divertida. Já deu seus palpites para os jogos da primeira rodada? Cafu, embaixador oficial do Bolão Castrol, está disposto a ajudá-lo. "A primeira coisa que os competidores têm que fazer é estudar todas as seleções", aconselhou o capitão da Seleção Brasileira em 2002. "É preciso analisar tudo: o esquema da equipe, seus últimos jogos, os confrontos históricos com o adversário em questão. Esse é o primeiro passo para o sucesso."

Apostando na vitória do Brasil

Seguindo os conselhos do embaixador, os participantes do concurso já começaram a dar seus palpites para o jogo de abertura entre Brasil e Croácia. Cafu, campeão em 1994 e 2002 da Copa do Mundo da Fifa, manifestou curiosidade pela tendência reinante em cada uma das perguntas disponíveis. Quantos gols serão marcados no duelo entre Brasil e Croácia? Quantos laterais a partida terá? Qual seleção receberá mais faltas? Essas são apenas algumas das situações de jogo que você pode prever, além, é claro, do resultado, que Cafu não hesitou arriscar.

"Quem vence? Será muito difícil, mas vai dar Brasil", apostou. "Temos que jogar como sabemos, porque qualidade a equipe tem. Nosso último amistoso, contra a Sérvia, nos mostrou que basta termos confiança que tudo dará certo. Prevejo, sim, uma vitória brasileira." Consciente da dificuldade do Bolão Castrol, que 24 horas antes de cada partida disponibilizará uma "Pergunta de Ouro" para que os participantes tenham a oportunidade de duplicar sua pontuação, o ex-lateral-direito deu mais uma dica aos palpiteiros. "O Brasil vencerá os três jogos do grupo. Estou muito confiante."

Fonte:
Fifa

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Programa Forças no Esporte comemora Dia das Crianças
Iniciativa do Ministério da Defesa, em parceria com outros ministérios, leva para as crianças atividades esportivas, lazer e aulas de reforço no período do contra turno escolar
Publicação analisa impactos dos megaeventos no Brasil e no mundo
Publicação lançada no Rio de Janeiro discute os impactos dos megaeventos no Brasil e no mundo. O livro, que reúne 145 autores de 70 universidades, será publicado em formato digital e oferecido gratuitamente
Inscrições para o Bolsa Atleta terminam em 6 de setembro
Cerca de 23 mil esportistas já foram patrocinados pelo programa do governo federal
Iniciativa do Ministério da Defesa, em parceria com outros ministérios, leva para as crianças atividades esportivas, lazer e aulas de reforço no período do contra turno escolar
Programa Forças no Esporte comemora Dia das Crianças
Publicação lançada no Rio de Janeiro discute os impactos dos megaeventos no Brasil e no mundo. O livro, que reúne 145 autores de 70 universidades, será publicado em formato digital e oferecido gratuitamente
Publicação analisa impactos dos megaeventos no Brasil e no mundo
Cerca de 23 mil esportistas já foram patrocinados pelo programa do governo federal
Inscrições para o Bolsa Atleta terminam em 6 de setembro

Últimas imagens

Rebeca Andrade é uma das ginastas do time feminino que representa o Brasil na competição
Rebeca Andrade é uma das ginastas do time feminino que representa o Brasil na competição
Foto: Danilo Borges/Ministério do Esporte
Jogos Escolares são maior celeiro de atletas olímpicos do País
Jogos Escolares são maior celeiro de atletas olímpicos do País
Foto: Rogério Vital/Ministério do Esporte
Martins tornou-se o segundo brasileiro com mais medalhas em Universíades
Martins tornou-se o segundo brasileiro com mais medalhas em Universíades
Divulgação/CBDU
Atleta terminou a prova com o tempo de 3m52s542
Atleta terminou a prova com o tempo de 3m52s542
Divulgação/Federação Int. de Canoagem
Henrique Martins, da natação, ficou em terceiro lugar nos 100 metros borboleta – a décima medalha brasileira no torneio
Henrique Martins, da natação, ficou em terceiro lugar nos 100 metros borboleta – a décima medalha brasileira no torneio
Divulgação/CBDU

Governo digital